http://filotec.com.br

http://filosofiaetecnologia.blog.br
ECONOMIA TECNOLOGIA FILOSOFIA SAUDE POLÍTICA GENERALIDADES CIÊNCIA AUTOHEMOTERAPIA NOSSOS VÍDEOS FACEBOOK NOSSAS PÁGINAS

domingo, 31 de julho de 2011

A TECNOLOGIA AVANÇA. TAREFAS CARAS E DIFÍCEIS DE ONTEM TORNAM-SE ROTINEIRAS HOJE.


A famosa f828 da SONY.
A tempos atrás, e falo de 2007, portanto a quatro anos atrás, eu resolvi atender a um velho sonho de consumo meu. Atraido por vários anúncios que eram veiculados, comprei uma câmera fotográfica práticamente profissional por mirabolantes R$3.000,00 (TRÊS MIL REAIS). Uma f828 da SONY. Era uma revolução na época, com direito a um clube exclusivo na Internet, onde os aficcionados por ela, falavam das suas magistrais capacidades, expondo inúmeras fotos maravilhosas em detalhes que o olho humano seria incapaz de detectar. Tinha uma resolução revolucionária de fantásticos 8 megapixels, e um ZOOM ótico que ia a 8X, em uma época em que as câmeras alardeavam ZOOMs óticos de 3X, e nas mais avançadas 5X. Tinha o ZOOM Eletrônico que poderia alcaçar muito mais, porém todo fotógrafo sabe que o ZOOM que realmente vale é o ZOOM ótico pois esse mantém intacta a resolução da foto. O zoom eletrônico faz a foto perder resolução.
Essa câmera a f828 que tenho até hoje, tinha uma tecnologia revolucionária na época que era a de fazer as fotos com composição de quatro cores primárias em vez das três tradicionais. (Pelo que saiba essa foi a única câmera que tinha esse recurso. Depois a Sony voltou a fazer as câmeras com apenas as três cores primárias tradicionais.) Dessa forma segundo a SONY, as câmeras passariam a ter côres mais fieis à realidade. De fato essa CÂMERA é fantástica e de fato faz fotos com qualidade surpreendente.

Poderia ficar aqui falando das qualidades dessa fantástica maravilha tecnológica, porém isso iria talvez cansar os leitores.

Mas o tempo foi passando e os lançamentos foram se sucedendo, e as câmeras melhorando, e se tornando cada vez melhores e mais baratas. Os ZOOMs foram aumentando e as resoluções também, além de outros recursos que foram se aperfeiçoando. Um deles é o recurso STEADYSHOOT que tira o tremor das mãos. Uma das boas qualidaes do fotógrafo é ter mãos firmes. Isso é muito difícil principalmente quando se usa um ZOOM avançado, já que  nesse caso qualquer tremidazinha faz com que a foto apareça tremida, já que o ponto a ser focalizado é uma pequena região em um cenário mais amplo, e se tremer a foto fica portanto pouco nítida.

No caso de fotos feitas em alta velocidade em que não se pode parar a câmera, usa-se o recurso de alta velocidade em que a foto é capturada práticamente instantâneamente. Nesse caso há necessidade de muita sensibilidade para que a captura de luz muito rápida e que não tem tempo de sensibilizar o sensor eletrônico, se faça de tal forma que se possa pegar a cena em alta velocidade. Para tirar essa tremida as câmeras aperfeiçoaram uma correção desse tremor.

Na verdade elas fazem a captura da  cena em alta velocidade e mesmo que se trema levemente na hora de tirar a foto, essa aparece nítida. No caso da Sony, esse recurso se chama STEADYSHOT e em outras marcars tem outros nomes. Isso se tornou possível graças ao avanço dos sensores eletrônicos que se tornaram extremamente sensíveis.

Na época das câmeras com filmes havia necessidade de se comprar fiimes com mais sensibilidade, que era determinada por uma sigla chamada ASA. Os filmes com sensibilidade padrão eram os ASA100, mas podia-se chegar até ASA1000, passando-se por valores intermediários. Uma regulagem na própria câmera, possibilitava uma abertura mais rápida do diafragma ou mais lenta de acordo com esse número que correspondia ao que vinha assinalado no filme que se comprava. Óbvamente os fimes com mais sensibilidade eram mais caros.
O último fator que controla a luz de cada exposição é a sensibilidade chamada de “ISO”. Você também vai escutar alguns chamarem de “ASA”, embora seja uma nomenclatura mais abandonada.
Quanto maior o valor ISO mais sensível será o sensor ou o filme. No geral, quando temos uma situação de bastante luz deixamos o valor ISO mais baixo para que a foto não fique superexposta. Quanto temos pouca luz deixamos o valor de ISO mais alto para que a foto não fique subexposta.
Os valores de ISO variam muito de câmera para câmera. Você vai encontrar valores de 80 a 3200 e muitos outros além (também chamados de “alta sensibilidade”).
O ISO e suas consequências
Mais uma vez a mudança desse valores não afeta somente a exposição: no caso do ISO quanto maior o valor de sensibilidade mais ruído será encontrado no resultado final.
O ruído é uma aberração que deixa a imagem com “pontilhados” de iluminação e cores – deixando a imagem menos nítida.
Veja exemplos abaixo:

ISO 200 - Imagem clara e nítida


ISO 3200 - Podemos notar na imagem manchas de iluminação e cores, o famoso ruído. Principalmente na cor preta.

 Com as câmeras digitais que registram as fotos em cartões de memória agora super rápidos, essa sensibilidade subiu muito, podendo chegar hoje a mais de ASA3000.
 
Pois bem: O tempo passou com a consequente evolução das câmeras fotográficas e o aperfeiçoamento crescente de seus recursos e atrelado a isso o barateamento das referidas câmeras. Agora recentemente eu não resisti a um anúncio da casas BAHIA que anunciaram uma câmera FUJI. É uma marca conceituada. Veja bem as qualidades e os recursos dessa câmera:





 
Fujifilm: Câmera Digital Fujifilm Finepix S3300 Preta c/ 14MP, LCD 3.0", Zoom Óptico 26x, Vídeo em HD (720p), HDMI, Detector de Faces e Sorrisos + Cartão SD 4GB
 
De: R$ 1.499,00 Por: R$ 899,00 ou 12X de R$74,92 (No cartão)
 
Equipada com objetiva Fujinon zoom 26X de superlongo alcance, a FinePix S3300 proporciona desempenho fotográfico versátil. Controle de zoom suave em 43 passos varia de grande angular 24 mm ao impressionante zoom de 26X, oferecendo a capacidade de enquadrar cada foto com alta precisão.
 
Com construção robusta e vedação à prova de poeira, além da sensação de câmera digital SLR, a FinePix S3300 é equipada com visor eletrônico claro e nítido. Além da maior visibilidade sob intensa luz do dia, o visor EVF acomoda o tradicional estilo de fotografar, estabilizando a câmera, mesmo ao fotografar com zoom de 26X totalmente acionado.
 
Focaliza a até 2 cm e permite preencher todo quadro com detalhes incríveis.
 
Aproveite a objetiva grande angular 24 mm para capturar paisagens e vistas extensas.
 
 
 

Como é possível perceber, essa pequena câmera que estou hoje comprando por 1/4 do valor daquela que comprei a apenas quatro anos atrás, muito mais em conta contém também muitissimo mais recursos em todos os sentidos. Zoom ótico de 26x, grade angular, e muito mais. Como será daqui a quatro anos? O céu é o limite.

Outra revolução tecnológica é o IPOD.

Com tela de boa qualidade e tamanho maior que as demais plataformas, bateria de longa duração, muitos aplicativos disponíveis para reproduzirem o conteúdo de TV e portabilidade, o iPad tem se tornado o melhor veículo para trasmissão de TV por internet.



Alguns desses aplicativos transmitem vídeos de canais pagos com ou sem autorização para exibição no Brasil. Dentre as emissoras estão as redes ABC, BBC, Discovery, ESPN, Fox, HBO, NBC e Sky. O que mais chama atenção no caso é o fato de os aplicativos serem vendidos na App Store, a loja online da prórpria Apple - fabricante do tablet - que tem fama no rigor do seu processo de verificação. Antes de serem disponibilizados para o consumidor, os programas passam por uma avaliação da empresa.



O aplicativo mais popular do tipo no Brasil é o WatchTV HD, líder da lista de programas para iPad mais baixados da App Store do país. O programa reproduz vídeos de emissoras de diversos lugares do mundo, entre estes Estados Unidos, Japão, França e Rússia.



No Reino Unido a lista inclui conteúdo da BBC, normalmente não exibido em outros países. E nas opções do Brasil estão ESPN HD, Fox e HBO, entre os canais fechados, e o SBT, Cultura e RedeTV! na lista dos canais abertos.



Procuradas pela "Folha", as emissoras disseram que não disponibilizam o seu conteúdo por meio de download ou streaming na internet e que o WatchTV HD não tem permissão para reproduzi-los. As empresas informaram que tomarão as medidas necessárias para impedir a distribuição ilegal de seus conteúdos.



Apenas a alemã "Deutsche Welle" e a francesa, "France 24" afirmaram que tem consciência da reprodução não autorizada dos conteúdos. A alemã disse que o ocorrido faz parte da estratégia de distribuição, e que os provedores em questão são contratados pela DW e cordialmente solicitados a remover o conteúdo.



Já a francesa informou que concluiu acordos com algumas empresas, permitindo a distribuição do canal gratuitamente em suas plataformas. E que está tentando contatar os demais provedores para concluir acordos. Caso isso não ocorra irá notificar sites e aplicativos que vendem o conteúdo sem autorização, principalmente os gratuitos.

Um comentário:

  1. ola.qria saber se essa camera da fujifilm serve para fazer curso.???pois ganhei uma e estou com mt vontad de fazer o curso.aguardo respostas.bjs

    ResponderExcluir

Todos podem comentar e seus comentários receberão uma resposta e uma atenção personalizada. Seu comentário é muito bem vindo. Esse espaço é para participar. Te aguardamos e queremos seu comentário, mesmo desfavorável. Eles não receberão censura. Poderão apenas receber respostas, ou tréplicas.

SOMOS TODOS CHAPECOENSES