http://filotec.com.br

http://filosofiaetecnologia.blog.br
ECONOMIA TECNOLOGIA FILOSOFIA SAUDE POLÍTICA GENERALIDADES CIÊNCIA AUTOHEMOTERAPIA NOSSOS VÍDEOS FACEBOOK NOSSAS PÁGINAS

QUEREM ACABAR COM A APOSENTADORIA

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

EIKE BATISTA O HOMEM - O HOMEM QUE QUER O NOSSO PETRÓLEO

Produção mundial de petróleo por tipo no novo cenário mundial.
As projeções da Agência Internacional de Energia (AIE) agravam ainda mais o cenário. Os estudos mostram que a procura mundial ultrapassou a oferta no 4º trimestre de 2007. Mesmo que o mundo continue a aumentar a produção de petróleo em milhões de barris por ano, isto não será suficiente para atender o crescimento da procura, levando os preços a aumentarem agudamente. A produção à escala mundial parece ter atingido o pico a aproximadamente 85 milhões de barris por dia (mbd), e o experiente perito em petróleo e geólogo T. Boone Pickens declarou recentemente ser este o nível do "pico petrolífero" e previu US$ 80 o barril no fim de 2007. Em abril deste ano o barril chegou a ser negociado a US$ 115.

As projeções da AIE mostram que a procura mundial de petróleo cresceu até um recorde de 87 mdb no 4º trimestre de 2007, ao passo que a produção permanece estagnada em torno de 85 mbd. Esta diferença parece pequena, mas ela significa que os compradores de petróleo devem licitar por uma oferta limitada, e espera-se que todas elas tragam para casa contratos para entregas de óleo.

Os EUA conhecem muito bem o efeito devastador da interrupção de fornecimento de petróleo barato. E nada indica que eles aceitariam uma restrição desta ordem. Na década de 1970, os países árabes impuseram um embargo total sobre os carregamentos de petróleo para os Estados Unidos. Devido ao embargo, o preço do barril de petróleo saudita subiu 700% em 4 anos. John Perkins, no livro Confissões de um Assassino Econômico (Ed. Cultrix), conta: "O embargo do petróleo terminou em 18 de março de 1974. A sua duração foi curta, as suas consequências foram enormes. Desde então, proteger o fornecimento de petróleo americano sempre fora uma prioridade; depois de 1973, passou a ser uma obsessão".

O Petróleo é do povo? Depois da quebra do monopólio 
Estatal e do roubo que políticos como Fernando Henrique Cardoso ministraram contra a Petrobrás, no futuro o Petróleo já não será mais nosso, pelo menos nos planos dessa gente.

Só existe um meio de alguém que em sendo um ser humano como outro qualquer, não dispondo de grande quantidade de recursos, tornar-se um dos homens mais ricos do mundo, e o mais rico do Brasil, e esse meio é tornar-se Testa de Ferro de interesses internacionais aqui no Brasil. Esse obviamente é o caso de Eike Batista, como foi o que aconteceu com o Jornalista Roberto Marinho, testa de ferro do grupo TIME LIFE.

Eike Batista, de 52 anos, é o brasileiro que se tornou o oitavo homem mais rico do mundo. Ninguém no planeta ganhou tanto quanto ele no ano passado. O homem mais rico do Brasil tem uma fortuna de US$ 27 bilhões, o que equivale a R$ 48,6 bilhões.


O dono desse dinheiro toda tem à sua disposição R$ 3.375.000,00 para gastar por dia, todos os dias, nos próximos 40 anos. São R$ 140.600,00 por hora. Essa fortuna significa ter R$ 2.343 para serem gastos a cada minuto da vida. E o dinheiro só acabaria daqui a quatro décadas. Para ganhar muito dinheiro, certas coisas ajudam: “minha fortuna vem da minha educação. Fui muito bem educado”, disse o empresário, em entrevista à jornalista Marília Gabriela. saiba maisMais rico do Brasil, Eike Batista começou vendendo apólices de seguros 


Eike é filho de Eliezer Batista, um ex-ministro de Minas e Energia. Apesar dessa herança, ele diz que, em termos de dinheiro, começou do zero. Esse mineiro radicado no Rio já rodou o mundo, mas no começou no mato. Foi lá que ele descobriu o mapa da mina. “Eu pedi dinheiro emprestado a dois joalheiros cariocas, que me emprestaram US$ 500 mil para comprar ouro na Amazônia.

Eu comprava ouro de garimpos. Então, com 22 anos, estava eu lá, tinha ganhado US$ 6 milhões”, lembrou. Os negócios de Eike foram crescendo e se diversificando. Tem estaleiro, hotel, restaurante, minas de ferro e muito mais.

O dinheiro atraiu a companhia de políticos e de artistas famosos, como Tom Cruise. Eike bancou grande parte da vitoriosa candidatura do Rio de Janeiro às Olimpíadas de 2016. Ganhar dinheiro pode ser uma ambição individual, mas há muito tempo ele já dizia: fica mais fácil em conjunto. “Sozinho, você não faz nada. Sobre escolher pessoas, esse dom de criar equipe é uma coisa que eu sempre fiz muito bem. É uma equipe que ganha. Sozinho, eu não chegaria lá”, diz. Quando era garoto, Eike vendeu seguros de porta em porta. Aprendeu ali que de uma boa conversa ninguém escapa. E essa é a origem da maior parte dos bilhões que ele tem.

Quando o Brasil descobriu o petróleo do pré-sal, Eike apostou – e se deu bem. “A grande sacada dele foi ter vendido uma ideia. Ele decidiu fazer uma empresa de petróleo. Existe risco de fazer uma empresa de petróleo? Existe, porque você pode não descobrir o petróleo. Mas com a equipe que contratou e com a capacidade de trabalho pessoal, ela tinha certeza de que quem comprasse ação e o capitalizasse para tocar essa empresa ficaria milionário junto com ele. E o mercado acreditou”, avalia o especialista Adriano Pires.“No caso do petróleo, eu arrisquei US$ 1 bilhão. Nenhum outro brasileiro arriscou isso para criar uma nova companhia que iria empregar muita gente e pagar muito imposto. Então, se eu sou rico, sou rico para investir mais dinheiro no Brasil”, disse Batista.

Até agora, não há nada de concreto. Nenhuma gota de petróleo foi retirada. Mas os planos parecem sólidos, a confiança depositada no nome de Eike Batista é quase um cheque em branco por parte de tantos investidores.

Divórcio

Claro que na carreira de Eike Batista nem tudo deu certo. O maior prejuízo dele talvez tenha sido a perda de um patrimônio nacional: o casamento com Luma de Oliveira durou 13 anos, gerou dois filhos, mas acabou. Mas ela o defende. “Eu fico muito ferida quando falam que ele fez fortuna da noite para o dia, porque não foi. Ou quando acham que ele só está engordando a conta dele e não é. Ele realmente pensa grande. Ele arrisca sério, mas também sonha grande”, diz Luma. “Não adianta ele querer ficar bem e nossos filhos ficarem bem. Todo mundo tem que ficar bem. É isso que ele pensa”.Luma, tão ligada ao povão do mundo do samba, talvez tenha ajudado a manter Eike com o coração muito ligado ao Brasil. “É um orgulho para o Brasil ter o melhor jogador do mundo e a melhor top model do mundo. Então, por que não ter o maior empresário do mundo aqui?”, defende Luma.


São Paulo - A OSX, braço do grupo EBX que atua no setor de equipamentos e serviços para a indústria petrolífera, anunciou, nesta sexta-feira (29/7), o plano de execução 2011-2015. Segundo a companhia, existem 48 pedidos da OGX, com valor aproximado de 30 bilhões de dólares, desses, no entanto, 7 são pedidos firmes, com um valor equivalente a 4,8 bilhões de reais.
Leia Mais
01/08/2011 | Produção de petróleo no Brasil cresce 3,2% em junho01/08/2011 | Petrobras não pode alterar preço todo dia, diz Gabrielli01/08/2011 | Petrobras pode ser a maior do mundo, afirma Gabrielli01/08/2011 | Petrobras confirma expectativas em terceiro poço na área de Guará
De acordo com o comunicado da companhia, até 2015, existe a possibilidade de integrar mais 6 plataformas flutuantes e construir mais 8 plataformas fixas. "Dependendo das confirmações de alguns pedidos, temos a capacidade de entregar cerca de 20 plataformas fixas e flutuantes até 2015", disse o comunicado.

O plano de execução da OSX está ligado ao início das atividades na Unidade di Construção Naval do Açu (UCN Açu). Da quantidade proposta pela OSX, 16 plataformas serão construídas na UCN Açu.

O início das atividades de construção naval na UCN Açu está agendado para o 1º trimestre de 2013, quando ficará pronto o primeiro slot de integração da plataforma flutuante (FPSO).

Nesta sexta-feira, a OSX apresentou os resultados financeiros referentes ao segundo trimestre do ano. A companhia de Eike Batista registrou prejuízo de quase 11 milhões de reais no período. No ano passado, no mesmo período, a companhia havia somado lucro de 23,1 milhões de reais.

Sem ter extraído uma gota sequer de petróleo, a OGX - braço de óleo e gás do grupo empresarial de Eike Batista - fechou o mês de janeiro como a 9ª maior petroleira em valor de mercado das Américas. Avaliada em US$ 30,6 bilhões, está à frente da Devon Energy e muito próxima da Anadarko Petroleum, empresas tradicionais, com atuação internacional. O bom desempenho da OGX na Bovespa é creditado a uma fórmula que mistura a contratação de uma equipe reconhecida no mercado de petróleo com uma boa estratégia de marketing, que inclui o anúncio sucessivo de seus feitos através de fatos relevantes.


 A OSX inverteu seu resultado e registrou prejuízo de R$ 10,949 milhões no segundo trimestre. No mesmo período do ano passado foi apurado lucro de R$ 23,124 milhões.

Além disso, a empresa segue com a execução da carteira firme de pedidos de sete equipamentos (5 FPSOs e 2 WHPs) para atender a nossa cliente OGX. Entre abril e junho a empresa registrou receita financeira líquida de R$ 14,811 milhões ante R$ 49,123 milhões no mesmo período do ano passado. No semestre, a receita financeira líquida somou R$ 37,435 milhões.
No segundo trimestre o Conselho Diretor do Fundo da Marinha Mercante ("FMM") aprovou a prioridade de apoio financeiro ao projeto da Unidade de Construção Naval do Açu, com uma linha de crédito de longo prazo (18 a 20 anos), que pode chegar a R$ 2,7 bilhões, com uma taxa entre 2% e 4% ao ano em dólar.
De acordo com dados da empresa de pesquisas Economática, a Petrobrás é a segunda maior do continente, depois da Exxon. A Anadarko (a 8ª colocada) produziu 206 milhões de barris de petróleo equivalente (boe) no ano passado, registra 2,3 bilhões de boe em reservas provadas e emprega 4.000 pessoas. A Devon, por sua vez, produziu um total de 232 milhões de boe em 2009, tem 2,4 bilhões de boe em reservas provadas e 5.500 funcionários.

Com apenas 2 anos e meio de vida e 130 pessoas (a maioria geólogos e engenheiros), a OGX equivale hoje a 17% do valor de mercado da Petrobrás. As reservas provadas, por ora, não existem, mas a certificadora DeGolyer and MacNaughton aponta 34,5% de chances de reservas de 6,7 bilhões de boe. Atualmente, tem blocos em cinco bacias: Campos, Santos, Espírito Santo, Pará-Maranhão e Parnaíba.

PAULO MENDONÇA
A história da empresa começou com uma nota de jornal. Em 2007, depois de ler que Paulo Mendonça, então gerente de exploração e produção da Petrobrás, estava se aposentando, Eike Batista entrou em contato com o executivo para discutir a possibilidade de montarem uma companhia de petróleo. O mais importante, desde aquele momento, era formar a equipe.

"Montar uma empresa de petróleo tem duas dificuldades: a maior é ter um empreendedor como o Eike, que bota US$ 1 bilhão no risco. E a segunda é montar equipe, pois todos (os bons quadros) estão na Petrobrás", comentou Paulo Mendonça, hoje diretor geral da empresa, em entrevista ao Estado.

Edmundo Marques
Mendonça levou para a OGX colegas da área de exploração da Petrobrás, como Edmundo Marques e Luiz Reis. Na época, a companhia era comandada por outro funcionário da estatal, Rodolfo Landim. Além dos salários, a equipe recebeu como incentivo uma parcela do capital da companhia. Segundo dados da empresa, a remuneração aprovada a seus administradores em 2009 foi de R$ 7,25 milhões. Na Petrobrás, o valor ficou em R$ 7,44 milhões, mas sem participação acionária.

Rodolfo Landim
A política de participação acionária funciona também como isca para atrair jovens talentos. Até 1% do capital da companhia é destinado a incentivos aos colaboradores da OGX, em forma de opções de compra de ações no futuro.

EXPERIÊNCIA

Quando participou do seu primeiro e único leilão, em 2007, a OGX tinha menos de 20 funcionários. O que garantiu a escolha de bons campos foi justamente a experiência dos seus diretores, "com mais de 9 bilhões de boe e 50 campos descobertos nos últimos 6 anos na Petrobrás", como destaca o comunicado à imprensa divulgado à época pelo grupo. Entretanto, o próprio Mendonça reconhece que a sorte também os ajudou.

Em alguns casos, chegaram a oferecer mais pelos blocos do que a própria Petrobrás. Ganharam 21 dos 23 blocos mediante pagamento de R$ 1,3 bilhão; R$ 375 milhões de Eike. O valor só foi conseguido na véspera, com um grupo de 12 investidores. "Os investidores que entraram naquela época estão ganhando oito vezes o dinheiro que investiram", comenta o diretor financeiro, Marcelo Torres.


Ou seja resumindo. O EIKE contratou os homens que sabiam onde estava o petróleo, e no dia do leilão eles foram lá e mostraram quais os campos que tinham o petróleo e o EIKE comprou com 1,3 bilhões. De onde veio esse dinheiro? Ora, vão nos fazer crer que o homem que um dia foi vendedor de planos de seguro, e que por meio de algumas jogadas bem sucedidas de esperteza na área de compra e venda de ouro, conseguiu amealhar esse dinheiro todo? Não. Eu já vi esse filme antes. Isso veio de uma muito bem montada farsa Americana. O Eike é um testa de ferro.

A evolução do valor das ações, que subiram 218% nos últimos 12 meses, pode ser creditada também à estratégia de divulgação da companhia, que publicou 20 fatos relevantes desde o início do ano passado, mais do que a Petrobrás. Em 11 deles, informava ter verificado a presença de petróleo e gás em suas concessões. A frequência de divulgações é considerada atípica por especialistas, que não veem necessidade legal ou técnica para tanto. "Não temos nada para esconder. Muito pelo contrário", argumenta Marcelo Torres. Sobre a comparação com a estatal, o executivo diz que "o relevante é relativo".

Neste momento, a OGX está na etapa exploratória em Campos. Em um mês, deve sair a licença de Santos. Depois virão, Espírito Santo e Pará-Maranhão. À medida em que avançam, o risco aumenta. A intenção é começar, ainda neste ano, a transformar as reservas em dinheiro. O campo OGX3 deve ser o primeiro a produzir. Na terça-feira, em mais um fato relevante, a companhia anunciou a antecipação da produção para o início de 2011.

O caixa da companhia ainda tem 60% dos US$ 6,7 bilhões captados na oferta inicial de ações (IPO), o suficiente, segundo a empresa, para financiar a campanha exploratória. Até 2013, planejam perfurar 79 poços, o que consumirá US$ 3 bilhões. Por enquanto, planejam ficar somente no Brasil. Já foram analisados ativos no Gabão e na Costa do Marfim, mas preferiram não arriscar. "Uma coisa é um bom ativo, outra coisa é um bom negócio", diz Mendonça. Os diretores não refutam a possibilidade de venda de algum ativo, mas acreditam que a OGX não seguirá o padrão de outras empresas de Eike Batista: que desenvolvem seus projetos e acabam os vendendo para terceiros, como ocorreu com minas da MMX e participações em projetos da LLX.

Hoje a pergunta é: Onde está o patriotismo dessa gente que se vende para interesses estrangeiros?

A VALE DO RIO DOCE, AGORA CHAMADA VALE, É UMA DAS MAIORES MINERADORAS DO MUNDO.

ERA PROPRIEDADE DO ESTADO BRASILEIRO, E PORTANTO DO POVO BRASILEIRO, ATÉ 1996. PORÉM, UM DOS MAIORES TRAÍDORES DA HISTÓRIA DO BRASIL, FERNANDO HENRIQUE CARDOSO, A VENDEU PARA OS SEUS AMIGOS DO SETOR PRIVADO PARA SOMENTE US$ 3 BILHÕES.

HOJE, A VALE FAZ LUCROS ANUAIS DE EM MÉDIA US$ 15 BILHÕES.O QUE SIGNIFICA ISSO ?

AS RIQUEZAS NATURAIS DO POVO BRASILEIRO ESTÃO SENDO LEVADAS DE GRAÇA PARA ENRIQUECER OS ACIONISTAS DA VALE (BRADESCO, VOTORANTIM, E ACIONISTAS INTERNACIONAIS…).

E O POVO BRASILEIRO NÃO VÊ MAIS A COR DESSA RIQUEZA QUE É DELE.

ISSO ACONTECE COM MUITOS RECURSOS NATURAIS BRASILEIROS. NO CEARÁ, EXISTE COBALTO, ESSENCIAL NA PRODUÇÃO DE CELULARES. A MINA É EXPLORADA POR ALGUM GRUPO INTERNACIONAL QUE LEVA ESTA RIQUEZA A UM PREÇO DE BANANA.

O MESMO ENTREGUISMO ESTÁ ACONTECENDO COM O PETRÓLEO BRASILEIRO. A PETROBRAS NÃO FOI PRIVATIZADA POR POUCO, UMA DAS POUCAS COISAS BOAS QUE O PICARETA DO LULA FEZ.MAS OS TRAÍDORES QUE ESTÃO À FRENTE DA AGÊNCIA NACIONAL DO PETRÓLEO ESTÃO ENTREGANDO VÁRIAS BACIAS DE MAÕ BEIJADA PARA AS GRANDES MULTINACIONAIS DO RAMO…MAIS DINHEIRO PÚBLICO ROUBADO DOS COFRES PÚBLICOS !!! VAMOS PROTESTAR GENTE.

Um comentário:

  1. o imperio desse eike batista desmoronara,eu lhe garanto,temos q nos unir contra esses ladroes,contra o pt e contra o psdb,criar o nosso proprio partido,todos nacionalistas e reformistas tem q se unir nesse partido

    ResponderExcluir

Todos podem comentar e seus comentários receberão uma resposta e uma atenção personalizada. Seu comentário é muito bem vindo. Esse espaço é para participar. Te aguardamos e queremos seu comentário, mesmo desfavorável. Eles não receberão censura. Poderão apenas receber respostas, ou tréplicas.

SOMOS TODOS CHAPECOENSES