http://filotec.com.br

http://filosofiaetecnologia.blog.br
ECONOMIA TECNOLOGIA FILOSOFIA SAUDE POLÍTICA GENERALIDADES CIÊNCIA AUTOHEMOTERAPIA NOSSOS VÍDEOS FACEBOOK NOSSAS PÁGINAS

QUEREM ACABAR COM A APOSENTADORIA

segunda-feira, 6 de maio de 2013

PORQUE JESUS?



Veja o vídeo sobre Jesus clicando aqui ou no link abaixo

http://filosofiaetecnologia.blog.br/O HOMEM/index.html

Devo dizer e afirmar aqui nesse blog que eu sou um seguidor de Jesus. Não como eu gostaria de ser porque seguir a Jesus não é simplesmente falar ou escrever "EU SIGO A JESUS" mas é antes de tudo fazer o que ele fazia e se comportar como ele, ou seja, ser MANSO E HUMILDE de coração. E para isso ainda me falta muito.

Afinal Jesus mesmo já dizia. "Nem todo aquele que diz "SENHOR, SENHOR" entrará no reino dos céus"

Porque falar é muito fácil. Difícil é fazer, difícil é ser, difícil é mudar de verdade. Difícil é ser essa nova criatura que incorpore de verdade a mansidão, a humildade, o amor ao próximo.

Costumo dizer para os amigos uma frase cunhada por mim próprio que diz: 

"NO FUNDO, BEM LÁ NO FUNDO DO PEITO BATE O CORAÇÃO DE UM ÍNDIO CAVALGANDO SEU CAVALO EM PELO PELOS CAMPOS COM A MACHADINHA EM RISTE BUSCANDO ABATER UM BÚFALO."

Esse bravo, esse guerreiro ainda está lá dentro do peito. Ele às vezes ainda se levanta, e tem pensamentos de bravura indômita, ainda pinta o rosto para a guerra, ainda procura o machado ou o arco e flexa para a batalha, mas há também o novo homem, aquele que segue as palavras do mestre que diz:

"Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas." 
Mateus 11:29

Esse tem falado mais alto no conselho de guerra, e a paz que é SEMPRE o melhor caminho tem se estabelecido, mas não sob protesto do Índio. O Índio ainda faz o coração acelerar, ainda engendra estratégias de guerra que depois acabam por se não por em prática, ainda dá socos à mesa, ainda bate a porta com fúria. Ainda descarrega suas frustrações, só que sempre espero em superfícies não inflamáveis.

A psicologia diz que descarregar frustrações é necessário, pois guarda-las dentro de si é como deixar um veneno mortal fazendo seu efeito dentro de si, mas é sempre necessário faze-lo em superfícies não inflamáveis.

Uma das estratégias é escrever suas frustrações. Escreva-as conversando com o mestre Jesus. Descarregue em um papel tudo. Todas as suas mágoas, todas as suas revoltas, e depois de aliviado por ter posto para fora todo o veneno, faça uma prece ao mestre Jesus e queime ou rasgue tudo aquilo como a destruir toda a inconformidade e sinta-se aliviado.

Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei.
Mateus 11:28


Digo-vos então que Jesus é meu guia espiritual. Nele deposito toda minha vida e toda a minha esperança e creio que ele me acolhe, me guarda de todo o mal. Isso não significa que eu não terei dificuldades nem aflições, mas que passarei por todas elas com a assistência e a força que o mestre disponibiliza para aqueles que se esforçam por segui-lo, ou que pelo menos querem segui-lo. É o meu caso, porque esforço eu não sei se o que faço é o máximo que poderia. Suspeito que não.

E já que estamos em época de novela com um tema sugestivo, e eu estou falando da novela "SALVE JORGE" que se refere à uma fé em São Jorge, alguns irão me perguntar. PORQUE NÃO FÉ EM SÃO JORGE e sim em JESUS????

Boa pergunta. Digo-vos sem querer entrar em polêmicas religiosas porque eu escrevo para o público em Geral de todas as religiões e não para uma religião especificamente.

São Jorge é um Santo da Igreja Católica que é referido ao Orixá Ogum da Umbanda. Eu já fiz as minhas pesquisas com relação às crenças AFRO-BRASILEIRAS e AFRO, porque a Umbanda é uma religião (Alguns não a consideram religião, mas isso é um pormenor que eu não dou importância) Brasileira, pois a Umbanda Nasceu e prosperou no Brasil. 

Religião Africana é o Candomblé e existem outras, mas que nada tem a ver com os santos católicos e nem com as crenças cristãs e isso é lógico porque a Africa não teve contato com as doutrinas cristãs que se difundiram por meio principalmente da cultura Romana, portanto é compreensível que eles tivessem seus próprios cultos como os índios Brasileiros também os seus próprios. 

A Umbanda portanto é uma religião genuinamente Brasileira que incorpora os santos católicos associando-os aos Orixás (Vulgarmente chamado de Sincretismo religioso) e incorpora também alguns aspectos da cultura indígena que tinham também suas crenças espirituais. (O caboclo é uma entidade proveniente da cultura indígena Brasileira, e está presente apenas na Umbanda e não no Candomblé.)

Veja que na Umbanda também a influência Cristã está presente, tendo em vista a sua miscigenação com a Igreja Católica Apostólica Romana, e é por isso que no altar presente em todos os terreiros de Umbanda, lá no topo está predominando sobre todas as outras entidades, a figura de Jesus que é associada a OXALÁ. E esse é o Orixá que manda em todos os outros e que está no topo da hierarquia espiritual dentro da Umbanda.

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, segundo estudos por mim realizados, os Orixás não são entidades espirituais específicas, embora toda FALANGE espiritual tenha seu chefe. Os orixás são na verdade, VIBRAÇÕES do mundo espiritual, identificadas com certos aspectos da natureza humana e do mundo em geral. 

Essas vibrações compreendem um amplo espectro que vai das luzes à sombra. Portanto podem ser identificadas com o bem e com o mal. O mal para as culturas AFRO é apenas um dos lados da moeda. As entidades que aparecem nos terreiros de Umbanda incorporadas como Orixás são em verdade FALANGEIROS DE ORIXÁ, ou seja apenas espíritos que se identificam com a vibração específica daquela faixa espiritual denominada tal ou qual ORIXÁ. 

É por isso que em uma mesma casa de Umbanda podem incorporar vários OGUNS. Todos são individualidades, identificadas pela mesma vibração, e normalmente não o chefe daquele agrupamento espiritual.

Dadas essas explicações, voltemos a JESUS. Jesus é o maior e mais poderoso espírito ao qual temos acesso e é ele quem domina todo o aspecto espiritual do planeta terra. 


Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim. 
João 14:6

Jesus então está dizendo. Eu sou o CAMINHO, então não existe outro caminho. Eu sou a VERDADE, então não existe outra VERDADE, e eu sou a vida, então o caminho para a VIDA é ele. Não existe outro caminho para a VIDA. Ninguém vem ao pai senão por mim, ora ele é o próprio caminho para o pai. Tudo o que você pedir, terá que passar pelo crivo D'ele.

E qual a CREDIBILIDADE que tem Jesus para que possamos acreditar nele? 

Se formos analisar, Jesus já tinha sido prometido como o MESSIAS a mais de 800 anos pelos profetas que profetizaram em detalhes a sua vinda. Esses detalhes incluem a cidade desconhecida de Belém.

E, tendo nascido Jesus em Belém de Judéia, no tempo do rei Herodes, eis que uns magos vieram do oriente a Jerusalém,
Dizendo: Onde está aquele que é nascido rei dos judeus? porque vimos a sua estrela no oriente, e viemos a adorá-lo.
E o rei Herodes, ouvindo isto, perturbou-se, e toda Jerusalém com ele.
E, congregados todos os príncipes dos sacerdotes, e os escribas do povo, perguntou-lhes onde havia de nascer o Cristo.
E eles lhe disseram: Em Belém de Judéia; porque assim está escrito pelo profeta:
E tu, Belém, terra de Judá, De modo nenhum és a menor entre as capitais de Judá; Porque de ti sairá o Guia Que há de apascentar o meu povo de Israel.
Então Herodes, chamando secretamente os magos, inquiriu exatamente deles acerca do tempo em que a estrela lhes aparecera.
E, enviando-os a Belém, disse: Ide, e perguntai diligentemente pelo menino e, quando o achardes, participai-mo, para que também eu vá e o adore.
E, tendo eles ouvido o rei, partiram; e eis que a estrela, que tinham visto no oriente, ia adiante deles, até que, chegando, se deteve sobre o lugar onde estava o menino.
E, vendo eles a estrela, regozijaram-se muito com grande alegria.
E, entrando na casa, acharam o menino com Maria sua mãe e, prostrando-se, o adoraram; e abrindo os seus tesouros, ofertaram-lhe dádivas: ouro, incenso e mirra. 


Mateus 2:1-11


Jesus realizou vários milagres, dentre os quais restituiu a vida a quem já tinha falecido. E fez isso mais de uma vez.

As narrações dos seus milagres foram feitas por vários escritores que escreveram os evangelhos, não só os canônicos.

A doutrina espírita (Espiritismo Kardecista) (Essa matéria é escrita para todas as denominações religiosas de entre as quais também os espíritas) no livro da codificação espírita, escrito por Alan Kardec, tem uma pergunta feita aos espíritos sobre Jesus. A pergunta é:
PERGUNTA 625 do Livro dos espíritos.

Qual é o tipo mais perfeito que Deus tem oferecido ao homem para lhe servir de guia e modelo?

A resposta é a mais curta do livro.

"Jesus".

Dessa conclusão nasce então para os espíritas o livro "O evangelho segundo o espiritismo" em que são enfocadas as lições morais do mestre Jesus, e coloca a denominação espírita entre as religiões cristãs do mundo.


Jesus não escreveu nada mas sua passagem pela terra foi tão marcante que dividiu a terra em ANTES e DEPOIS, foi portanto um divisor de águas. Não foi coicidência. Jesus inaugurou na Terra uma nova era. A era do amor que os evangélicos denominam a era da GRAÇA.

Ele trouxe a lição do AMOR. Não mais a lei do "olho por olho", mas a lição do perdão e do amor incondicional, que é a marca das sociedades evoluídas.

Trouxe para o homem um lenitivo, uma consolação, a certeza da vida eterna e da vida após a morte.

Trouxe também a consolação. A oportunidade de uma nova vida quando todas as esperanças acabam. Jesus nos resgatou do domínio do maligno inaugurando no planeta terra a era do amor, em que o amor de Deus predomina dando ao homem novas oportunidades.

O sacrifício de Jesus na cruz devolveu a autonomia perante as leis universais.


“Antes da morte e da ressurreição de Cristo, Satanás tinha acesso vez por outra à presença de Deus, quando então questionava a sinceridade e retidão dos fiéis (v. 1.6-12; 2.1-6; 38.7; Ap 12.10). 



Por outro lado, a Bíblia não declara em nenhum lugar que Satanás tem acesso direto a Deus na nova aliança, embora ele continue acusando os seres humanos. O cristão pode eliminar essas acusações por meio do sangue de Cristo, de uma boa consciência e da Palavra de Deus (cf. Mt 4.3-11; Tg 4.7; Ap 12.11). 



Nossa confiança é reforçada pelo fato de termos como nosso Advogado perante o Pai o Senhor Jesus Cristo (1 Jo 2.1), que está à sua destra, intercedendo por nós (Hb 7.25)”. (Bíblia de Estudo Pentecostal).


Satanás tinha sido oficialmente expulso do céu, contudo, na verdade, ele ainda continuava tendo acesso à presença de Deus. Em várias partes das Escrituras encontramos que Satanás tem acesso à presença de Deus com o fim de acusar os santos. 

Em Zacarias 3.1 temos a visão de Josué diante do Anjo do Senhor e com Satanás à sua direita pára acusá-lo.

E me mostrou o sumo sacerdote Josué, o qual estava diante do anjo do SENHOR, e Satanás estava à sua mão direita, para se lhe opor” (Zc 3.1).

  Apocalipse 12.10 identifica Satanás como o acusador dos irmãos: “... o mesmo que os acusa de dia e de noite, diante do nosso Deus”. Aparentemente, como “o príncipe da potestade do ar” (Ef 2.2), Satanás tem tido a oportunidade de comparecer perante Deus com o propósito de acusar de pecado os filhos de Deus. E é isso o que ele fez contra Jó, tanto em Jó 1.6 como em 2.1” (Manual Popular de Dúvidas, Enigmas e “Contradições” da Bíblia, Norman Geisler e Thomas Howe).

O sacrifício de Jesus na cruz sela para Satanás o seu fim e ele deixa de ter prerrogativas para comparecer perante Deus. A partir dai seu destino fica selado.

Poderão alguns dizer que os demônios ou Satanás não existe, apesar de ter sido mensionado pelo Mestre Jesus várias vezes. Para os que não acreditam em tais entidades, vale a pena conferir o vídeo abaixo.






Um comentário:

Todos podem comentar e seus comentários receberão uma resposta e uma atenção personalizada. Seu comentário é muito bem vindo. Esse espaço é para participar. Te aguardamos e queremos seu comentário, mesmo desfavorável. Eles não receberão censura. Poderão apenas receber respostas, ou tréplicas.

SOMOS TODOS CHAPECOENSES