http://filotec.com.br

http://filosofiaetecnologia.blog.br
ECONOMIA TECNOLOGIA FILOSOFIA SAUDE POLÍTICA GENERALIDADES CIÊNCIA AUTOHEMOTERAPIA NOSSOS VÍDEOS FACEBOOK NOSSAS PÁGINAS

quarta-feira, 31 de julho de 2013

AS TELAS DE NOTEBOOKS ESTÃO MAIS EM CONTA. NÃO PAGUE CARO POR ELAS.

Para quem tem Notebook é possível que venha a ter problemas relacionados à troca ou conserto da tela de LCD. O primeiro problema que eu tive, levou-me a correr a uma assistência técnica pois tinha receio de colocar a mão naquele equipamento tão "ESPECIAL". No entanto a assistência técnica cobrou-me tão caro pela tela e sua colocação que o preço rivalizava-se com um notebook novo. Óbviamente desisti, mas procurando na Internet consegui descobrir uma tela de LCD por um preço abaixo da metade do que me tinha sido cobrado, o que tornou viavel o conserto, mas como eu não queria trocar a tela por mim mesmo fui a assistencia técnia e propuz pagar sómenete a colocação da tela. 



O técnico acho que por simpatia não quis me cobrar nada, e depois eu dei-lhe um agrado de R$10,00 (dez reais), entretanto a tela que eu tinha comprado não acendeu. Estava com problema forçando-me a recorrer à garantia da mesma. Entretanto naquele jogo de tirar a tela e depois colocar outra, testar e depois ver que não estava boa e colocar outra o que foi feito na minha frente, percebi que era muito simples tirar e colocar uma tela LCD em um Notebook.



Resultado: Quando a garantia novamente me entregou outra tela boa eu não mais levei na assistência técnica. Eu mesmo troquei a tela em casa e "BINGO" funcionou que foi uma maravilha e está funcionando a mais de um ano sem problemas.

Por isso aqui vão duas dicas a quem tem problemas com telas de LCD de notebooks. 

Primeiro: Procure uma tela barata. Aqui vi um endereço:

DPE IMPORTADORA - RIO DE JANEIRO


Tela p/Notebook 14.0" LED - R$ 140,00
Tela p/Notebook
15.6" LED - R$ 155,00
BATERIA P/ NOTE HP, DELL E SONY

Fontes e Baterias c/Garantia de 6 meses e NOTA FISCALTelas c/Garantia de 3 meses e NOTA FISCAL
FONTES P/NOTEBOOKS,
CONSULTE OS MODELOS, E CONDIÇÕES DE PGTO NA TABELA EM ANEXO.

Entrega Imediata p/todo RJ e demais regioes

DPE Importações
Representante Comercial
Valdeir Lemos
(21) 8565-0303/8444-7902


Segundo: Observe que é tão simples trocar uma tela de LCD que a maioria dos vendedores a trocam de graça para você. Se você estiver no Rio de Janeiro, observe que existem vários vendedores do Rio de Janeiro que a vendem trocando-a para você.



Terceiro: Não vá a primeira loja da esquina, e proponha a compra da tela e a troca porque eles irão cobrar algo em torno de R$600,00 a R$800,00 (Seiscentos a oitocentos reais pela troca da tela.), enquanto seguindo a nossa proposta, esse preço não deverá ser superior à R$400,00, ficando provávelmente abaixo disso.



E se você quiser se aventurar a trocar a tela, você mesmo ou conserta-la, aqui vai um tutorial detalhado: do professor Carlos E Murimoto.

BOA SORTE.

Depois dos problemas diversos gerados por acúmulo de sujeira e (possivelmente) os HDs, as telas de LCD são os componentes que mais dão problemas nos notebooks. Neste tutorial ensinaremos todo o processo de manutenção dessas telas.

Depois dos problemas diversos gerados por acúmulo de sujeira e (possivelmente) os HDs, as telas de LCD são os componentes que mais dão problemas nos notebooks. 





É possível comprar telas de reposição diretamente com os fabricantes, mas o preço é quase sempre proibitivo. Nos sites de leilão, é possível encontrar algumas telas usadas, geralmente retiradas de notebooks com defeitos diversos e vendidas separadamente. As telas usadas são uma opção mais palatável em termos de custo, mas é difícil encontrar o modelo exato, e você nunca sabe qual é a real condição do equipamento antes de tê-lo em mãos. 

Trocar uma tela é um procedimento relativamente simples. Você precisa fazer apenas uma desmontagem parcial do notebook, removendo uma e instalando a outra. Mas, trocar a tela inteira é quase sempre um desperdício, com exceção, claro, de situações onde o notebook cai e o LCD realmente se quebra. 

Em primeiro lugar, o LCD em sí é uma espécie de chip. A técnica de fabricação de um processador e de uma tela de LCD são similares, a principal diferença é que o processador é feito sobre o waffer de silício, enquanto uma tela de LCD é feita sobre silício amorfo, ou seja, uma placa de vidro. Numa tela de matiz ativa, temos um transístor para cada ponto da tela (cada pixel é formado por três pontos) e um pequeno sulco, onde é depositado o cristal líquido.

Os cristais líquidos são substâncias que tem sua estrutura molecular alterada quando recebem corrente elétrica. Em seu estado normal, estas substâncias são transparentes, mas ao receberem uma carga elétrica tornam-se opacas, impedindo a passagem da luz. A função de cada transístor é controlar o estado do ponto correspondente, aplicando a tensão correta para cada tonalidade:




Os LCDs mais simples, como os usados em relógios e palmtops com tela monocromática, utilizam uma camada refletora, instalada na parte traseira, que simplesmente reflete a luz ambiente. Existem casos de LCDs coloridos que utilizam o mesmo princípio (como o usado no Game Boy Advance), mas os LCDs usados nos notebooks sempre utilizam iluminação traseira. 









Temos aqui uma tela de LCD de notebook desmontada. Veja que ela é apenas parcialmente transparente. É graças à iluminação que você pode ver a imagem claramente: 


Existem duas tecnologias de iluminação de telas LCD. A mais comum é o uso de lâmpadas de catodo frio, um tipo de lâmpada florescente, ultra compacta e de baixo consumo. Alguns poucos notebooks ultra portáteis, como o Sony Vaio TX2 utilizam LEDs para a iluminação da tela, uma tecnologia que permite produzir telas mais finas, econômicas e duráveis, porém absurdamente mais caras ;). Por enquanto, 99% dos LCDs utilizam as boas e velhas lâmpadas de catodo frio. 




Assim como as lâmpadas florescentes domésticas, as lâmpadas de catodo frio trabalham com uma tensão altíssima (geralmente 1300 volts) necessária para transformar os gases dentro da lâmpada no plasma que gera a luz. 

Nas lâmpadas florescentes é usado um reator para gerar a tensão necessária, enquanto num notebook é usado o FL inverter, um tipo de reator ultra compacto, que transforma os 5 volts fornecidos pela placa mãe nos 1300 volts ou mais usados pelas lâmpadas de catodo frio.


Para economizar energia e também para cortar custos, são geralmente usadas apenas duas lâmpadas, nas duas extremidades da tela. Entre as duas, temos uma tela difusora, que se encarrega de espalhar a luz uniformemente por toda a tela. 

A tela de LCD em si é extremamente durável, normalmente precisando de troca apenas quando é trincada ou quebrada. As lâmpadas de catodo frio possuem uma vida útil estimada em entre 10 mil horas (nos notebooks mais antigos) e 30 mil horas (nos notebooks atuais) de uso contínuo. Temos ainda o FL inverter, cuja vida útil é quase sempre menor que a da lâmpada e a placa de circuito contendo o controlador da tela. 

O defeito mais comum é a tela simplesmente "apagar", devido a falhas no sistema de iluminação. Olhando para a tela sob luz forte, você percebe que ela está funcionando, mas sem a iluminação não é possível vez com clareza.



Os problemas de tela apagada são quase sempre causados pelo FL Inverter. O FL Inverter raramente "queima", ele apenas perde eficiência com o uso, passando a fornecer uma tensão um pouco mais baixa que o normal. Com as lâmpadas de catodo frio é "tudo ou nada", se a tensão fornecida for apenas um pouco abaixo da normal, elas simplesmente não acendem.

Mesmo ao reduzir a luminosidade da tela (o que é feito reduzindo a luminosidade das luzes), é reduzida apenas a amperagem e não a tensão. Revisando: a amperagem determina a quantidade de energia que é fornecida, enquanto a tensão determina a vazão. Fazendo uma analogia com um rio, a tensão seria o comprimento do rio, enquanto a amperagem seria a vazão de água. É possível tanto ter uma tensão muito alta e uma amperagem muito baixa (como na saída do FL Inverter), quanto uma amperagem incrivelmente alta e uma tensão muito baixa, como no caso de um processador Pentium 4. Os 1300 volts de saída do FL Inverter podem eletrocutar uma pessoa, enquanto uma bateria de carro (que utiliza apenas 12 volts, porém com amperagem muito mais alta), é inofensiva.

Continuando, embora muito mais raro, existem casos em que as próprias lâmpadas queimam. Como é improvável que as duas queimem exatamente ao mesmo tempo, a tela ficará apenas "meio apagada", com um lado bem mais escuro que o outro. Em geral, apenas cerca de 5% dos defeitos de tela apagada são causados por queima das lâmpadas. O maior culpado é mesmo o FL Inverter.

Existe também uma pequena possibilidade do problema ser com a placa controladora, dentro da tela, ou com o próprio chipset de vídeo ou outro componente na placa mãe, o que pode causar sintomas diversos, desde a falta de uma das três cores primárias (deixando a tela com as cores alteradas), até distorções diversas na imagem. 

O primeiro passo para consertar a maioria dos defeitos é desmontar a tela. Na maioria dos casos, é possível desmontar a tela diretamente, sem precisar removê-la da carcaça do note. Mas, é muito mais fácil e recomendável trabalhar na tela depois de removê-la:


Toda tela de notebook é desmontável, porém nem sempre isso é muito simples, pois temos sempre uma combinação de parafusos, encaixes e partes coladas. 

A primeira coisa é encontrar e remover os parafusos. Eles são sempre escondidos embaixo das borrachinhas de apoio ou adesivos. Comece localizando e removendo cada com a ajuda da chave de fenda:




Este esquema, de um dos manuais da IBM, mostra as posições dos parafusos na tela de um Thinkpad T40:


Depois de remover todos, os parafusos, use um cartão magnético para desencaixar a parte frontal do bezel. Evite usar a chave de fenda, pois ela pode escorregar e fazer um risco "lindo" na tela. Normalmente, além dos encaixes, os fabricantes usam cola ou algum tipo de adesivo, o que torna alguns pontos bem duros de descolar.




Aqui temos a tela aberta:


O FL Inverter é uma plaquinha localizada na base da tela. Como ele é um componente que trabalha com alta tensão, ele vem sempre protegido por uma capa plástica. 


Trocar o FL Inverter é uma tarefa simples, basta remover qualquer parafuso que o prenda à carcaça e soltar os dois conectores. 

O FL Inverter é uma peça relativamente barata, que custa de US$ 60 a US$ 120, dependendo do modelo. Aqui no Brasil, os preços variam muito, de acordo com onde pesquisar. É possível também encontrar alguns com bons preços nos sites de leilão. 

Se você tem um cartão de crédito internacional, a melhor opção é comprar diretamente no exterior. Pesquisando pelo part number (que quase sempre vem decalcado, ou impresso num adesivo), ou pelo modelo do note, você encontra diversas lojas que vendem peças de reposição, como a http://www.sparepartswarehouse.com/, http://www.impactcomputers.com e a http://www.laptoprepairco.com. Muitas delas enviam para o Brasil. Como se trata de um componente pequeno e barato, muitas vezes você nem vai precisar pagar os 60% de imposto. 

É possível também ajustar a tensão de saída do FL Inverter, o que pode ser usado como uma solução emergencial, quando não encontrar outro para reposição, ou quando o preço for proibitivo. 

Removendo a capa plástica, você encontra um potenciômetro (similar ao encontrado no laser dos drivers de CD-ROM) que permite ajustar a tensão de entrada do inversor. Girando-o para o sentido horário você aumenta a potência e para o sentido anti-horário a diminui.

Quase sempre, em casos onde o inversor não está queimado, você pode extender a vida útil do FL inverter aumentando um pouco a tensão de entrada. Gire o potenciômetro cerca 10 graus no sentido horário (ou seja 1/36 de uma volta completa, bem pouco). Em seguida, remonte a tela e faça o teste. 


Se a tela voltar a apagar depois de algumas semanas de uso, você pode repetir o procedimento mais uma vez. Se ela falhar novamente depois de algum tempo, é hora de realmente trocar o FL Inverter. 

O potenciômetro é extremamente sensível, por isso você deve sempre ajustá-lo em pequenos incrementos. Se você quiser um exemplo "marcante" do que acontece ao aumentar muito a tensão de entrada do FL Inverter, pegue um drive de CD condenado, desmonte e procure pelo trimpot, um parafusinho parecido com o regulador de tensão do FL Inverter, instalado próximo à lente do laser. Dê uma ou duas voltar completas, em sentido horário e monte novamente o drive. Ao ligar o micro e colocar um CD qualquer no drive, você vai ouvir um "vuuuummmm", seguido por um estalo e um leve cheiro de queimado. Desmonte novamente o drive e você verá vários componentes queimados próximos ao laser. O drive foi inutilizado de vez. 

É mais ou menos isso que acontece ao aumentar demais a saída do FL inverter num notebook. Você pode queimar as lâmpadas, queimar de vez o próprio FL inverter, ou mesmo sobrecarregar os circuitos de alimentação na placa mãe, possivelmente inutilizando o equipamento. Como disse, ao ajustar o FL inverter, todo o cuidado é pouco. Você foi avisado. 

Em casos onde o problema é com as lâmpadas, ou com o LCD em si, prossiga a desmontagem, removendo os parafusos que prendem a tela à carcaça:


Uma dica é que em casos de telas quebradas, sai muito mais barato comprar um LCD de segunda mão (trocando apenas o LCD e aproveitando a carcaça) do que comprar a tela completa. Em geral, cada fabricante trabalha com alguns poucos modelos de telas diferentes, mudando apenas a carcaça de um modelo para o outro. Muitas vezes, o mesmo modelo de LCD é usado em notebooks de três ou quatro marcas diferentes. Se a tela for do mesmo tamanho e usar o mesmo conector, é quase certeza que ela pode ser usada. 

No caso desta tela da HP, o LCD é preso à carcaça por seis parafusos, quatro na base e mais dois na parte superior. Depois de remover a tela, você precisa retirar mais quatro parafusos, que prendem as dobradiças:


As antenas da placa wireless fazem parte da carcaça, e não da tela em si, por isso você não precisa se preocupar com elas ao substituir a tela. Apenas tome cuidado com os fios, pois eles são bastante frágeis. 


Aqui temos a tela desmontada, esperando para ser substituída:


O alumínio que quase sempre envolve a tela serve como refletor, para evitar qualquer perda de luz e, ao mesmo tempo, como uma proteção para a tela enquanto está fora da carcaça. 

Neste modelo ele é colado pelas bordas e por isso dá um bom trabalho removê-lo. É preciso usar um estilete para ir descolando cuidadosamente:


Aqui temos a placa lógica da tela. A parte branca é o difusor, responsável por espalhar a luz gerada pelas lâmpadas de catodo frio:


Note que o cabo flat e os fios do conector da placa mãe são bastante frágeis, por isso inspiram cuidado redobrado, entretanto apesar de frágeis o seu encaixe é bastante simples, e é a única coisa que se tem que fazer em termos de conexão elétrica.


terça-feira, 30 de julho de 2013

HÁ VEZES EM QUE OS ANJOS DO SENHOR SE MATERIALIZAM E CAMINHAM ENTRE NÓS.

Anjos são mensageiros. Essa é a tradução de ANJOS.
Anjo (do latim angelus e do grego ággelos (ἄγγελος), mensageiro), segundo a tradição judaico-cristã, a mais divulgada no ocidente, conforme relatos bíblicos, são criaturas espirituais, conservos de Deus como os homens (Apocalipse 19:10), que servem como ajudantes ou mensageiros de Deus

Na iconografia comum, os anjos geralmente têm asas de pássaro e uma auréola. São donos de uma beleza delicada e de um forte brilho, e por vezes são representados como uma criança, por terem inocência e virtude

Mas na verdade isso é apenas folclore. Anjos não tem azas, assim como o diabo não tem chifres e nem rabo. Anjos como demônios são apenas espíritos, sendo que os Anjos são espíritos de luz e sua energia é uma energia amorosa, portanto já atingiram um patamar de perfeição. Essa perfeição se reflete na beleza física, entretanto são dotados de conhecimento muito superior ao dos homens. Não são portanto inocentes como se pensa. 



Michael London protagonizou um seriado na TV Americana que conta a história de uma anjo que vem a nós ajudar-nos, como muitas vezes eles realmente o fazem. É um filme de muita beleza e muitas lições morais. O melhor entretenimento que poderia haver para nossa família, entretanto esse seriado dos anos 70 provavelmente não passou na TV Brasileira, a um tal ponto que não encontramos legendas em português. Conseguimos apenas algumas em Inglês. Conseguimos traduzir e adaptar uma das legendas para o primeiro filme da série e o apresentamos abaixo. Você não econtrará esse filme legendado em português em nenhum lugar, apenas aqui. Aprecie pois foi um trabalho exaustivo. Clicando na tela acima. VOCÊ TAMBÉM PODE BAIXA-LO CLICANDO AQUI.

Se quiser baixar esse vídeo faça-o clicando aqui.

Esse é um presente o Blog FILOSOFIA E TECNOLOGIA para o seu aprimoramento espiritual.

Bom entretenimento.
Conhecem muitos segredos que nós humanos ainda não conhecemos e tem poder, mas só o utilizam para o bem e quando estritamente necessário, nunca sem a permissão de Deus, porque tem a capacidade de nos amar, o que nós ainda não temos como eles e desejam nos ajudar. Eles tem a compreensão de que todo o universo é como um corpo, e se uma parte desse corpo sofre ou está doente, isso tem repercussão em todo o corpo, e portanto cultivam o desejo de nos ajudar a nos aproximar do Criador, entretanto sua ação é limitada pela nossa vontade. 

Anatomia esquemática do anjo patrono do santuário de BorobudurJava, segundo indicações do teosofista Geoffrey Hodson em seu livro O Reino dos Deuses. Sua forma é na verdade esférica, com feixes de luz irradiante, e aqui se mostra em corte. Os círculos regulares concêntricos de sua aura indicam sua avançada evolução. Muitos detalhes foram omitidos.

Para sentirmos a sua ação é necessário que estejamos em sintonia com eles, caso contrário embora o desejem, eles não conseguem interferir nos nossos atos e nas consequências às vezes dolorosas desses atos pois respeitam o livre  arbítrio que é uma lei de Deus. Ficam tristes com os desvios que cometemos pois sabem as consequências desastrosas deles, entretanto deixam-nos sofrer porque sabem que isso é para o nosso bem e para o nosso aprendizado, mas procuram diminuir o nosso sofrimento na medida do estritamente necessário. 

Se entramos em sintonia com Deus, também nos sintonizamos com eles, e isso possibilita a sua intermediação no sentido de diminuir as nossas dores, dentro do campo do nosso merecimento. Tudo o que fuja ao merecimento entretanto não pode receber sua ação, pois ai iria nos prejudicar uma vez que impediria o nosso aprendizado que é em ultima análise a nossa finalidade na Terra.

Os Anjos são chefiados por Jesus que é o único que pode determinar o rumo das coisas. Eles não fazem nada sem a permissão de Jesus. Jesus com o seu sacrifício na Cruz tomou de Satanás o destino da humanidade, e portanto é na verdade o governador espiritual do planeta, e o único caminho que o homem tem para chegar a Deus. Portanto o caminho é Jesus e depois Deus. Jesus não contraria jamais Deus pois um e o outro são como um só, já que Jesus vibra  em total sintonia com o Pai.

Os relatos bíblicos e a hagiografia cristã contam que os anjos muitas vezes foram autores de fenômenos miraculosos, e a crença corrente nesta tradição é que uma de suas missões é ajudar a humanidade em seu processo de aproximação a Deus.

Os anjos são ainda figuras importantes em muitas outras tradições religiosas do passado e do presente e o nome de "anjo" é dado amiúde indistintamente a todas as classes de seres celestes. Os muçulmanoszoroastrianosespíritas,hindus e budistas, todos aceitam como fato sua existência, dando-lhes variados nomes, mas às vezes são descritos como tendo características e funções bem diferentes daquelas apontadas pela tradição judaico-cristã, esta mesma apresentando contradições e inconsistências de acordo com os vários autores que se ocuparam deste tema. 

Dentro do Cristianismo Esotérico e da Cabala, são chamados de anjos aos espíritos num grau de evolução imediatamente superior ao do homem e imediatamente inferior ao dos arcanjos.  No Hinduísmo e no Budismo são descritos como seres autoluminosos, donos de vários poderes. Já os teosofistas afirmam que existem inumeráveis classes de anjos, com variadas funções, aspectos e atributos. Além disso a cultura popular em vários países do mundo deu origem a um copioso folclore sobre os anjos, que muitas vezes se afasta bastante da descrição mantida pelos credos institucionalizados dessas regiões.

Há ocasiões em que os anjos materializam-se dentro do seu grande poder, e caminham entre os homens. As vezes só são vistos por quem eles desejam, mas quase sempre escondem sua identidade, parecendo que são seres humanos comuns. Tenho relatos de pessoas que foram ajudadas em momentos cruciais por Anjos, que entretanto não revelaram sua identidade. Eu mesmo suspeito de já os ter visto socorrendo um ente querido, mas pareciam ser pessoas comuns, entretanto sua ação não era de pessoas comuns o que me levou à reflexão. Em verdade eles normalmente não desejam identificar-se, para que obviamente não causem rebuliços o que prejudicaria sua missão.

Um dos exemplos bíblicos mais notórios é o caso dos dois anjos que visitaram Ló na cidade de Sodoma e Gomorra. 
O relato bíblico nos diz que eram homens de excepcional beleza o que atraiu as más intenções dos depravados de Sodoma e Gomorra a tal ponto que recusaram uma das filhas de ló, virgem, para poder praticar suas depravações com os dois estrangeiros que obviamente não sabiam ser Anjos.

Nesse ponto os dois anjos utilizaram seus poderes para poderem se livrar. Veja abaixo o relato Bíblico.

E vieram os dois anjos a Sodoma à tarde, e estava Ló assentado à porta de Sodoma; e vendo-os Ló, levantou-se ao seu encontro e inclinou-se com o rosto à terra;



E disse: Eis agora, meus senhores, entrai, peço-vos, em casa de vosso servo, e passai nela a noite, e lavai os vossos pés; e de madrugada vos levantareis e ireis vosso caminho. E eles disseram: Não, antes na rua passaremos a noite.



E porfiou com eles muito, e vieram com ele, e entraram em sua casa; e fez-lhes banquete, e cozeu bolos sem levedura, e comeram.



E antes que se deitassem, cercaram a casa, os homens daquela cidade, os homens de Sodoma, desde o moço até ao velho; todo o povo de todos os bairros.



E chamaram a Ló, e disseram-lhe: Onde estão os homens que a ti vieram nesta noite? Traze-os fora a nós, para que os conheçamos.



Então saiu Ló a eles à porta, e fechou a porta atrás de si,

E disse: Meus irmãos, rogo-vos que não façais mal;
Eis aqui, duas filhas tenho, que ainda não conheceram homens; fora vo-las trarei, e fareis delas como bom for aos vossos olhos; somente nada façais a estes homens, porque por isso vieram à sombra do meu telhado.


Eles, porém, disseram: Sai daí. Disseram mais: Como estrangeiro este indivíduo veio aqui habitar, e quereria ser juiz em tudo? Agora te faremos mais mal a ti do que a eles. E arremessaram-se sobre o homem, sobre Ló, e aproximaram-se para arrombar a porta.



Aqueles homens porém estenderam as suas mãos e fizeram entrar a Ló consigo na casa, e fecharam a porta;



E feriram de cegueira os homens que estavam à porta da casa, desde o menor até ao maior, de maneira que se cansaram para achar a porta.

Então disseram aqueles homens a Ló: Tens alguém mais aqui? Teu genro, e teus filhos, e tuas filhas, e todos quantos tens nesta cidade, tira-os fora deste lugar;


Porque nós vamos destruir este lugar, porque o seu clamor tem aumentado diante da face do Senhor, e o Senhor nos enviou a destruí-lo.

Então saiu Ló, e falou a seus genros, aos que haviam de tomar as suas filhas, e disse: Levantai-vos, saí deste lugar, porque o Senhor há de destruir a cidade. Foi tido porém por zombador aos olhos de seus genros.


E ao amanhecer os anjos apertaram com Ló, dizendo: Levanta-te, toma tua mulher e tuas duas filhas que aqui estão, para que não pereças na injustiça desta cidade.



Ele, porém, demorava-se, e aqueles homens lhe pegaram pela mão, e pela mão de sua mulher e de suas duas filhas, sendo-lhe o Senhor misericordioso, e tiraram-no, e puseram-no fora da cidade.



E aconteceu que, tirando-os fora, disse: Escapa-te por tua vida; não olhes para trás de ti, e não pares em toda esta campina; escapa lá para o monte, para que não pereças.

E Ló disse-lhe: Ora, não, meu Senhor!


Eis que agora o teu servo tem achado graça aos teus olhos, e engrandeceste a tua misericórdia que a mim me fizeste, para guardar a minha alma em vida; mas eu não posso escapar no monte, para que porventura não me apanhe este mal, e eu morra.



Eis que agora aquela cidade está perto, para fugir para lá, e é pequena; ora, deixe-me escapar para lá (não é pequena? ), para que minha alma viva.

E disse-lhe: Eis aqui, tenho-te aceitado também neste negócio, para não destruir aquela cidade, de que falaste;


Apressa-te, escapa-te para ali; porque nada poderei fazer, enquanto não tiveres ali chegado. Por isso se chamou o nome da cidade Zoar.

Saiu o sol sobre a terra, quando Ló entrou em Zoar.
Então o Senhor fez chover enxofre e fogo, do Senhor desde os céus, sobre Sodoma e Gomorra;


E destruiu aquelas cidades e toda aquela campina, e todos os moradores daquelas cidades, e o que nascia da terra.

E a mulher de Ló olhou para trás e ficou convertida numa estátua de sal.


E Abraão levantou-se aquela mesma manhã, de madrugada, e foi para aquele lugar onde estivera diante da face do Senhor;

E olhou para Sodoma e Gomorra e para toda a terra da campina; e viu, que a fumaça da terra subia, como a de uma fornalha.


E aconteceu que, destruindo Deus as cidades da campina, lembrou-se Deus de Abraão, e tirou a Ló do meio da destruição, derrubando aquelas cidades em que Ló habitara.



E subiu Ló de Zoar, e habitou no monte, e as suas duas filhas com ele; porque temia habitar em Zoar; e habitou numa caverna, ele e as suas duas filhas.

Gênesis 19:1-30


Michael London protagonizou um seriado na TV Americana que conta a história de uma anjo que vem a nós ajudar-nos, como muitas vezes eles realmente o fazem. É um filme de muita beleza e muitas lições morais. O melhor entretenimento que poderia haver para nossa família, entretanto esse seriado dos anos 70 provavelmente não passou na TV Brasileira, a um tal ponto que não encontramos legendas em português. Conseguimos apenas algumas em Inglês. Conseguimos traduzir e adaptar uma das legendas para o primeiro filme da série e o apresentamos abaixo. Você não econtrará esse filme legendado em português em nenhum lugar, apenas aqui. Aprecie pois foi um trabalho exaustivo. Clicando na tela acima.

Se quiser baixar esse vídeo faça-o clicando aqui.

Esse é um presente o Blog FILOSOFIA E TECNOLOGIA para o seu aprimoramento espiritual.

Bom entretenimento.

segunda-feira, 29 de julho de 2013

PIRATEBAY NOVAMENTE NA BERLINDA

Ultimas notícias.
O Google está bloqueando as buscas ao Piratebay e aos links alternativos assim também como o Yahoo e os serviços da Microsoft.

A alternativa é utilizar serviços de busca alternativos. Um deles é o DUCK DUCK GO.

Nele encontramos um site alternativo do Piratebay.
É http://unblockedpiratebay.com/


Por enquanto esse não está bloqueado.

Twitter, Facebook, e tudo o que tentamos está bloqueado.
O cerco a serviços de compartilhamento de arquivos só incentiva as pessoas a procurar outras alternativas


Por Filipe Serrano
SÃO PAULO – O Pirate Bay mudou o endereço de seu site nesta terça-feira, 9, do sufixo “.se” (da Suécia) para “.gl” (da Groenlândia). Segundo o Torrent Freak, a mudança de domínio foi feita depois de o site receber indicações de que as autoridades da Suécia preparavam uma ação para tomar o endereço com o final “.se”.

• Siga o ‘Link’ no Twitter, no Facebook, no Google+ no Tumblr e no Instagram
A troca de domínio foi feita na madrugada desta terça em antecipação à tentativa de bloqueio do endereço. De acordo com o Torrent Freak, o novo domínio passará a ser permanente.

Usuários que entram pelo endereço antigo agora são direcionados para a nova URL.
Um pessoa ligada ao Pirate Bay disse ao Torrent Freak que as autoridades da Suécia tentariam tomar o endereço para bloquear o acesso ao site em todo o mundo.

O domínio “.se” era usado desde o começo de 2012, quando o site deixou de usar o final “.org” também para evitar que o site fosse alvo de ações de remoção de conteúdo.



Nick Bilton, do New York Times*

Acabar com a pirataria online é como jogar o maior jogo do mundo de Whac-a-Mole (Acerte a toupeira). Você martela um alvo e inúmeros outros aparecem. Rapidamente. E o martelo é pesado e lento.

• Siga o ‘Link’ no Twitter, no Facebook, no Google+ no Tumblr e no Instagram

Tome como exemplo o YouTube. O site de vídeos oferece gratuitamente uma ferramenta para estúdios de cinema e redes de TV chamada Content ID. Quando um estúdio publica um vídeo de um filme protegido por direito autoral no YouTube, a ferramenta automaticamente localiza e bloqueia as cópias.

Para contornar este obstáculo, alguns usuários começaram a incluir nos vídeos uma foto estática de um gato assistindo a um velho aparelho de televisão. O algoritmo Content ID tem dificuldade para identificar que o vídeo viola direitos autorais; apenas constata que há um gato assistindo à televisão.

Gottfrid Warg, entre Fredrik Neij e Peter Sunde, o trio fundador do Pirate Bay FOTO: Reprodução
Gottfrid Warg volta à Suécia para enfrentar sentença de prisão por pirataria na internet


PHNOM PENH – O Camboja deportou nesta segunda-feira um cofundador sueco do Pirate Bay, um dos maiores sites de compartilhamento gratuito de arquivos, que foi condenado e sentenciado à prisão na Suécia pela violação de leis de direitos autorais.
—-
• Siga o ‘Link’ no Twitter, no Facebook, no Google+ no Tumblr e no Instagram
Gottfrid Svartholm Warg, 27, que morou na capital do Camboja, Phnom Penh, por quatro anos para evitar uma sentença à prisão por pirataria na internet, foi preso sob pedidos da Suécia.

Warg embarcou para Bangkok num avião na noite desta segunda-feira e deve realizar um voo, de lá, para Estocolmo na manhã de terça-feira, disse o chefe da polícia do Aeroporto Internacional de Phnom Penh, Chuor Kimny.

A polícia estava investigando alegações de defensores de Warg de que eles haviam invadido certos sites do governo como forma de protesto contra sua detenção, disse o chefe nacional da polícia cambojana, Kirth Chantharith, à Reuters nesta segunda-feira.

Uma corte de apelações sueca sentenciou em 2010 três outros responsáveis pelo site Pirate Bay a entre quatro meses e 10 meses de prisão, além de multas. Warg não compareceu àquela audiência devido a uma doença e sua sentença foi deferida.

Outro co-fundador do Pirate Bay, Peter Sunde, disse na semana passada no Twitter que a prisão de Warg é relacionada com o fato de que o site hospedou o WikiLeaks.

O Pirate Bay, lançado em 2003, fornece links para arquivos de música e filmes que são armazenados em computadores de outros usuários. Subsidiárias suecas de companhias proeminentes de música e filmes levaram a empresa ao tribunal, buscando compensação pela perda de receita.

Empresas da mídia regular também tomaram medidas para bloquear o site em seus países, incluindo Holanda e Finlândia, num esforço para combater downloads ilegais.

O Pirate Bay diz que nenhum material protegido por direitos autorais é armazenado em seus servidores, e nenhuma troca de arquivos acontece neles, então o site não pode ser considerado responsável pelo material que é trocado.

/ Reuters


Depois existem aqueles – possivelmente dezenas de milhões de usuários – que compartilham e baixam arquivos com o protocolo BitTorrent.


No início deste ano vários países conseguiram bloquear o acesso ao Pirate Bay. Em retaliação, os piratas liberaram o código-fonte do site. Qualquer interessado poderia baixá-lo. 

As pessoas começaram então a criar centenas de novas versões do site e a pirataria continua imbatível.

Assim, martelar uma grande toupeira criou centenas de outras menores.

O Pirate Bay e outros estão continuamente um passo na frente. Em março, “Mr. Sock”, um colaborador do site, anunciou que a equipe pretende criar drones que flutuariam no espaço permitindo às pessoas baixarem conteúdo com transmissores de rádio sem fio.

“As máquinas terão de ser desligadas com aviões para o sistema ser desativado. Um verdadeiro ato de guerra.” Alguns sites estudam a possibilidade de armazenar os servidores em caixas fortes de banco. Já propuseram que o Pirate Bay mantenha os servidores embaixo da água.

“A pirataria não vai desaparecer”, diz Ernesto Van Der Sar, editor do site Torrent Freak. Para ele, as empresas precisam parar de combater a pirataria e começar a testar novos meios para distribuir conteúdo.

Os detentores de direitos autorais acreditam que novas leis vão acabar com a pirataria. Mas, para muitos, qualquer lei só vai incentivar as pessoas a encontrar novas maneiras criativas de obter o conteúdo que desejam.

Acesso. “Os programas de TV mais baixados no Pirate Bay são aqueles que não estão legalmente à disposição online”, disse Holmes Wilson, codiretor de Fight to the Future, ONG que tenta impedir que leis antipirataria afetem a internet.

A série Game of Thrones da HBO é um exemplo típico. A cada semana o programa é baixado ilegalmente mais vezes do que é assistido na TV por assinatura. Se a HBO colocar o programa online, o valor cobrado seria irrisório em comparação com o dinheiro que ela ganha por meio das operadoras de TV paga. Wilson acha que as grandes empresas de mídia não desejam realmente resolver a pirataria.

“Se cada programa de TV fosse vendido a um preço justo para todos, haveria menos violações de direito autoral”, disse. “Mas diante do monopólio de empresas de TV a cabo e criadores de conteúdo, na verdade eles podem até lucrar menos.”

A maneira como as pessoas baixam conteúdo não autorizado está mudando. No começo da pirataria de música, elas transferiam os arquivos para seus computadores. Hoje há o streaming. Alguns sites permitem downloads automáticos de programas. É um tipo de pirataria sob encomenda muito mais difícil de conter.

E agora a pirataria chega ao mundo físico, com impressoras 3D que produzem objetos. Digamos que você precise de um cabide de parede ou queira substituir uma peça que se soltou de uma mala. Você pode baixar um arquivo e “imprimir” os objetos com impressoras que aplicam camadas de plástico, metal ou cerâmica baseados em um molde.

E as pessoas começam a compartilhar arquivos que contêm diagramas esquemáticos de objetos físicos nos sites de BitTorrent. Os proprietários de conteúdo vão se ver presos às barreiras legais, já que as leis de direito autoral não se aplicam a objetos físicos tradicionais.

Na versão tradicional para fliperama do Whac-A-Mole, quase sempre o jogador perde. Na versão da corrida armamentista da pirataria, não parece haver uma conclusão. Cedo ou tarde, quem acha que é possível acabar com as toupeiras só com um martelo, perceberá que o seu tempo seria melhor empregado para criar um jogo completamente diferente./ TRADUÇÃO DE TEREZINHA MARTINO

*É jornalista e colunista do New York Times

‘O Pirate Bay preenche uma lacuna’


Por Camilo Rocha
Em entrevista ao ‘Link’, porta-voz do Pirate Bay afirma que dilema moral do site faz parte da evolução tecnológica
Tobias Andersson, do Pirate Bay FOTO: Divulgação
SÃO PAULO – Há um representante do maior site pirata do mundo entre nós. Tobias Andersson, que atua como porta-voz do Pirate Bay, o maior site de compartilhamento de conteúdo não licenciado do mundo, veio ao Brasil para participar da Feira Internacional do Software Livre (Fisl), em Porto Alegre, no dia 4, e do festival de cultura de internet YouPix, em São Paulo, no dia 6.
—-
• Siga o ‘Link’ no Twitter, no Facebook, no Google+, no Tumblr e no Instagram
Os três fundadores do Pirate Bay estão presos na Suécia, condenados por violações de direitos autorais, além de outras acusações. O site continua em plena atividade, mas o bloqueio internacional se intensifica. Apenas em abril, o site teve de mudar o país de seu domínio três vezes, da Groenlândia para Islândia paraa ilha caribenha de St. Martin.
Andersson falou ao Link por e-mail sobre streaming, indústria do entretenimento e se existem dilema moral em facilitar o compartilhamento ilegal de contéudo.
Existem cada vez mais opções legais para se ouvir música ou assistir a filmes online como streaming, Netflix, etc. Você acha que isso pode reduzir a demanda por conteúdo pirata como a indústria do entretenimento espera?
Depende da qualidade dos serviços. Na Suécia, temos visto um declínio no download de música devido a serviços bem abastecidos como Spotify. A indústria do cinema, porém, está irremediavelmente defasada. Sempre dissemos que o Pirate Bay não existirá só por existir. Ele foi criado para preencher uma lacuna. Para mim não importa como essa lacuna será preenchida, contanto que façamos isso andando para frente.
Dizem que as pessoas basicamente procuram conteúdo ilegal porque não existe um modo legítimo e prático de conseguí-lo. Você concorda?
Para mim sempre foi assim. Adoro filmes japoneses, algo que nunca vou conseguir através do Netflix ou iTunes. E sim, eu acho que esse é o caso para quase todo mundo. Quando aparecerem alternativas mais rápidas e mais simpáticas do que o Pirate Bay, com conteúdo que equivalha em profundidade e abrangência, as pessoas irão para elas. Não é questão de dinheiro, a não ser em casos onde as coisas são insanamente caras.
Vocês do Pirate Bay chegam a enfrentar dilemas morais? Muitos artistas e criadores não gostam do fato de que vocês facilitam o download gratuito de seus trabalhos. Existem estatísticas que mostram que há menos músicos trabalhando nos EUA do que há dez anos. Muitos argumentam que são sites como o Pirate Bay que contribuem para esse estado de coisas.
Não mais que os vendedores de geladeiras há cem anos. Não mais que os vendedores de carros que causaram o desemprego de donos de estábulos e fabricantes de carruagens. Vivemos numa mudança tecnológica em que alguns empregos são perdidos e outros criados. A internet, com todos os seus perigos e possibilidades, está aqui para ficar então é melhor se adaptar do que ficar para trás.
O que somos contra não é pessoas recebendo por seu trabalho ou empresas fazendo dinheiro. Somos contra um sistema que tenta impedir a tecnologia e o progresso e tenta criar uma falsa escassez e extrair dinheiro de coisas que já são livres e fáceis de acessar. A cópia é gratuita no mundo digital.
A tecnologia também nos liberta do trabalho, exatamente como robôs e fábricas já fizeram. O problema não é a tecnologia em si, mas um sistema econômico que não permite que trabalhemos menos. Mas essa é outra discussão, eu acho.
Em termos de vigilância e controle estatal, você acha que pode ficar cada vez mais difícil manter um site como o Pirate Bay?
Sim, por muitas razões. Um ponto importante da minha fala é que a revolução da impressão 3D que se aproxima vai trazer novos atores para o cenário. Países e indústrias como a petrolífera e a automobilística vão se sentir ameaçados. Isso implicará em problemas em outro nível — algo que vai demandar grandes adaptações na comunidade de compartilhamento de arquivos e entre aqueles que mantém sites como o Pirate Bay. O problema mais amplo é algo que discutirei em mais detalhes tanto na Fisl como no YouPix, no Brasil.
A Justiça sueca tem sido bem severa nas condenações contra membros do Pirate Bay. Existe a intenção de fazer de vocês um exemplo?
Existe sim. A intenção nunca foi fechar nosso site. Eles só querem amedrontar as pessoas. Também tem a ver com algumas ameaças pesadas de potências estrangeiras. Os Estados Unidos ameaçaram a Suécia com sanções na Organização Mundial do Comércio (OMC) se ela não cuidasse do “problema pirata”. Três meses depois disso, o site foi atacado.
O escritor brasileiro Paulo Coelho é um grande apoiador do que vocês fazem. Vocês mantêm contato? Ele ajuda vocês diretamente de alguma forma?
Tivemos alguns contatos ao longo dos anos. Tivemos a honra de tê-lo como introdutor do nosso projeto The Promo Bay no ano passado, em que oferecemos gratuitamente nossa página principal para vídeos de artistas independentes. Suas posições nesses temas inspiram a todos nós.
O Brasil é visto por muitos como uma nação pirata, devido à grande circulação de produtos não autorizados por aqui (qualquer feira de rua terá à venda DVDs ilegais dos últimos lançamentos do cinema). Como vê o País que está prestes a visitar?
É minha primeira vez, então estou bem empolgado. Antes, tudo que sabia era o que todo mundo sabe, coisas gerais de política, futebol, dança e música. Também sei que é um país que está crescendo muito em termos de internet e computadores, o que é obviamente algo ótimo.
Não sabia sobre as vendas de DVDs ilegais. Mas se o seu governo considera isso um problema, deveriam fazer como a Suécia, investir em banda larga para todos! Faz pelo menos 10 anos que não vejo um DVD pirata na Suécia.

GOOGLE CENSURA O PIRATEBAY

A Associação da Indústria de Gravação da América (RIAA na sigla em inglês) tem pressionado o Google para excluir resultados relacionados à pirataria de sua busca. Desde janeiro, a empresa tem tomado algumas ações nesse sentido.

De acordo com o blog TorrentFreak, a nova vítima é o Pirate Bay, um dos mais populares sites de compartilhamento de arquivos.

Quando você digita “The Pirate Bay” no Google internacional, diversos resultados relacionados ao site de compartilhamento não aparecem mais nos resultados. No entanto, páginas do Pirate Bay continuam indexadas pelo serviço de busca.

Bloquear não dá resultados
No Reino Unido, servidores de internet barraram o acesso ao Pirate Bay e, uma semana depois, notaram queda de 11% nas atividades peer-to-peer. No entanto, pouco tempo depois, as atividades voltaram a crescer e atingiram os patamares de antes do bloqueio, segundo a BBC.

O bloqueio pode ter prejudicado os acessos ao Pirate Bay, mas outros serviços continuam funcionando dentro do país.

Segundo a British Phonographic Industry (BPI), órgão que representa a indústria fonográfica britânica, o bloqueio é justificável, mas ainda há o que ser feito para acabar com a pirataria.

"Nosso objetivo era reduzir o uso do Pirate Bay, no Reino Unido, que estava causando danos às gravadoras e músicos. Reconhecemos que ainda há mais o que ser feito para reduzir o uso ilegal de P2P", afirmou Geoff Taylor, presidente da BPI.


SOMOS TODOS CHAPECOENSES