http://filotec.com.br

http://filosofiaetecnologia.blog.br
ECONOMIA TECNOLOGIA FILOSOFIA SAUDE POLÍTICA GENERALIDADES CIÊNCIA AUTOHEMOTERAPIA NOSSOS VÍDEOS FACEBOOK NOSSAS PÁGINAS

SOMOS TODOS CHAPECOENSES

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

O QUE VAI ACONTECER COM O BRASIL SE AÉCIO GANHAR A ELEIÇÃO.


Ex-presidente do Banco Central publica artigo em que aponta o fim da herança bendita de FHC; quando deixou o BC, o dólar estava em quase quatro reais, a inflação em dois dígitos e o crescimento era pífio. Além disso, o País não tinha reservas, mas Armínio se vê como alguém em condições de dar lições ao BC Alexandre Tombini

Existem duas teorias econômicas vigentes atualmente no mundo. Uma é a teoria econômica, capitalista, neoliberal aprendida nas Universidades como Harvard e Princeton. É a teoria que serve como pano de fundo para o domínio econômico dos Estados Unidos da América, e é a teoria econômica que o PSDB pretende pôr em prática, já tendo acenado para ela com a escolha do futuro ministro da fazenda, o mesmo de Fernando Henrique Cardoso, ou seja Armínio Fraga.
Não se pode acusar Armínio Fraga, ex-presidente do Banco Central, de falta de modéstia. Responsável pela política econômica do segundo mandato de FHC, Armínio entregou resultados medíocres: crescimento baixo, dívida alta, reservas baixas, meta de inflação descumprida e um dólar que se aproximava de quatro reais ao fim de 2002. Esta foi sua herança. No entanto, em artigo publicado neste domingo, em parceria com o também economista Edward Amadeo, ele fala no fim da "herança bendita". E sugere que o BC de Alexandre Tombini estaria abandonando o tripé macroeconômico legado por FHC.
Essa teoria econômica prega o ajuste da economia com recessão, arrocho salarial, redução do crédito, aumento da taxa de juros, redução de todo e qualquer gasto público seja com educação, saúde, reduzir as pensões e aposentadorias dos nossos velhinhos aposentados, aperto de cinto e todas aquelas velhas políticas que são as velhas conhecidas do consenso de Washington e do falido mundo Neo Liberal.

A Teoria NEOLIBERAL é a mesma que instruiu os governos militares, e depois os de triste memória Fernando Collor e Fernando Henrique Cardoso, só acabando com a subida do PT ao poder. 


É a teoria que pré-supõe que os ricos e poderosos são os únicos que merecem alguma coisa, que o estado não deve gastar com os pobres, e ai se inclui ensino público e saúde pública, bem como qualquer gasto público que envolva o bem estar do cidadão. É a teoria que pré supõe que o ESTADO não deve intervir na economia, e que a economia se irá auto-regular.


Essa teoria que surgiu com força nos anos 70 teve a sua pá de cal lançada quando em 2008 tivemos a crise dos títulos derivativos, o que fez o Presidente dos Estados Unidos socorrer várias empresas que eram símbolo do capitalismo e que se não fossem socorridas arrastariam consigo toda a economia mundial. Bancos famosos como o city-bank, e também ícones da indústria automobilística receberam do governo bilhões de dólares para não naufragar. 


Foi a demonstração clara e inequívoca que o estado precisa intervir na economia para que essa possa restabelecer seu equilíbrio. Que a iniciativa privada não se auto-regula como dizem alguns teóricos do capitalismo selvagem.

A outra teoria econômica é a teoria correta e que o PT colocou em prática. Por isso o PT atingiu o sucesso que teve. É a teoria que faz exatamente o oposto do que pregam os Neoliberais. A inflação não deixa de existir com recessão. A inflação deixa de existir com concorrência, porque se várias empresas que oferecem o mesmo serviço precisam conquistar clientes, elas irão baixar seus preços para conquistar cada vez mais clientes, até que não seja possível mais baixar os preços. Não foi isso que aconteceu com as telefônicas? Elas passaram a oferecer cada vez mais vantagens para conquistar clientes.


Para que haja concorrência é preciso que haja mercado, e para haver mercado é necessário elevar o nível de renda da população, para que essa população possa consumir. O consumo mais elevado estimula o mercado a investir mais para poder atrair mais consumidores e ai estabelece-se a concorrência.


Nesse ponto o nível de empregos aumenta porque mais postos de trabalho são criados para atender a demanda, e essa espiral, RENDA - CONSUMO - AUMENTO DE PRODUÇÃO, AUMENTO DE INVESTIMENTOS - CONCORRÊNCIA produz o ciclo de crescimento da economia.


BRASIL SOBE EM ÍNDICE DE ATRATIVIDADE PARA INVESTIMENTOS EM RENOVÁVEIS


País passou do 14º para o 12º lugar em ranking dos mercados mais atrativos para a energia limpa; outros países emergentes também mostram sinais de avanço no setor, enquanto nações desenvolvidas perderam um pouco do fôlego
Nesse ponto a inflação baixa. Porquê? Porque com concorrência é impossível fixar preço elevado, pois o consumidor vai procurar outro fornecedor que venda mais barato.

CONCORRÊNCIA - O SEGREDO DA INFLAÇÃO BAIXA

Não foi exatamente isso que se viu no governo do PT? Aumento de renda, queda da inflação, queda da taxa de juros, queda do preço do dólar como consequência do aumento de investimento em dólar no Brasil.



E o PT ainda teve a inteligência de não aumentar o preço dos combustíveis. PORQUÊ? Não foi para prejudicar a Petrobrás, não até porque ela  continuou ano após ano obtendo recordes de lucros. Foi porque o preço dos combustíveis é o mais poderoso acelerador da inflação, porque se o preço dos combustíveis subir tudo sobe em um país em que tudo é transportado por caminhões.


Apesar de tudo isso o PT foi odiado. Semana após semana foi criado um novo escândalo pela revista Veja e por outros instrumentos dos interesses americanos. Escândalos foram fabricados para abalar as bases do PT. Eu não digo que o PT é um partido de Santos e tem muita gente dentro do PT que recebeu dinheiro para se associar a escândalos e com isso puxar o tapete do PT, mas o que é que um escândalo vai influenciar na sua vida?


Mas a subida ao poder de Aécio Neves, isso vai influenciar na sua vida. Isso vai colocar o Brasil de novo nas mãos daqueles que não querem um novo Japão abaixo da linha do equador. Vai entregar uma nação na mão do imperialismo Norte Americano.

Armínio Fraga já disse: "O salário mínimo está muito alto".
"O Brasil tem muitos bancos públicos, no caso o Banco do Brasil, A Caixa Econômica Federal e o BNDES, e ele irá promover um desmonte desses bancos e depois não sabe o que irá sobrar. Confessa que não será muita coisa.


Eu vejo esse campo hoje com a luz bem vermelha na área bancária. O Brasil tem três bancos públicos gigantes em atuação — BNDES, Banco do Brasil e Caixa Econômica –que nós sabemos da nossa historia, mas da história universal dos bancos públicos que esse é um modelo que não é favoravel ao crescimento e ao desenvolvimento com D maiúsculo.

Ele tende a ser capturado por interesses públicos e privados, ele tende a alocar mal o capital e com frequência acumular prejuízos enormes também. Eu acho que essa área precisa de uma correção de rumo.

Não tô advogando aqui fechar o BNDES ou coisa do gênero, mas penso que os bancos públicos precisam ser administrados com padrões muito mais rigidos. Provavelmente vai chegar um ponto que vai ficar claro até que eles talvez não tenham tantas funções.

Não sei o que vai sobrar no final da linha, talvez não muito.
A primeira coisa que irão dizer assim que Aécio Neves chegar ao poder é que precisam combater a Inflação (QUE LÓGICAMENTE SERÁ CULPA DA DILMA.) para que o Brasil volte a crescer. A seguir entrarão com um pacote econômico. RECESSÃO - TAXA DE JUROS ELEVADA. A seguir haverá volta do desemprego, queda no crescimento econômico,  restrições ao crédito desvalorização do dólar, etc...


O Brasil irá cair no ranking dos países emergentes e deixará de participar dele. Possivelmente o Brasil irá voltar ao FMI, que eles acreditam que é o seu lugar.


Tudo isso porque a nossa elite egoista e incompetente não gosta de pobres.






2 comentários:

  1. E agora em 2016, quais as considerações sobre este texto??? hahahahahaha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agoraem 2016, com a queda da Presidente Dilma, eu teria a dizer a seguinte frase: "O SONHO ACABOU". Acabou a Olimpíada que foi um projeto dos anos LULA, acabou a COPA DO MUNDO que foi outro projeto dos anos LULA, acabou o BRASIL dos BRICS, o BRASIL que estaria entre as potências emergentes do mundo, e vamos entrar em um período de DESEMPREGO, RECESSÃO, APERTO DE CINTO, ALTA DO DOLAR (Pode comprar), AUMENTO A FOME, DA VIOLÊNCIA, REFORMA DA PREVIDÊNCIA, VENDA DA PETROBRÁS, SE POSSÍVEL TAMBÉM DO BANCO DO BRASIL E DA CAIXA ECONÔMICA, Desativação do BNDES, e outras maldades mais. Vamos voltar à era FHC. Bacana né?

      Excluir

Todos podem comentar e seus comentários receberão uma resposta e uma atenção personalizada. Seu comentário é muito bem vindo. Esse espaço é para participar. Te aguardamos e queremos seu comentário, mesmo desfavorável. Eles não receberão censura. Poderão apenas receber respostas, ou tréplicas.