JORNAIS QUE TEM INFORMAÇÃO REAL.

terça-feira, 30 de abril de 2019

ESSE TALENTO QUE É BRUNA MARQUEZINE.

Bruna Marquezine tem apenas 23 anos, mas já uma das atrizes mais respeitadas e valorizadas do Brasil. Além de receber um belo salário da Rede Globo, ela lucra muito dinheiro com publicidade. Para completar, é a brasileira com maior número de seguidores no Instagram. Todo mundo quer acompanhar o dia a dia dessa jovem talentosa.


Mas existem algumas curiosidades sobre a vida de Bruna Marquezine que poucos sabem. Confira a seguir a trajetória profissional da atriz e alguns detalhes sobre a sua vida pessoal.

O início da carreira


Bruna Marquezine iniciou sua carreira, ainda bem pequena, fazendo comerciais e vídeos com a apresentadora Xuxa. Em telenovelas, sua estreia em 2003. Foi em “Mulheres Apaixonadas”, de Manoel Carlos, que a atriz tornou-se conhecida nacionalmente, ao interpretar Salete. Quem não se lembra da facilidade que Bruna tinha para chorar e emocionar o público? Era apenas o começo de uma carreira cheia de sucessos.

A consolidação da carreira

Depois da sua estreia, Bruna fez outras novelas de sucesso: “América”, em 2005, interpretando a personagem cega Maria Flor; “Cobras & Lagartos”, em 2006, interpretando Lurdinha; “Desejo Proibido”, em 2007, quando fez Maria Augusta; e “Negócio da China”, em 2008, interpretando Flor de Lys. E recentemente protagonizou as novelas “Em Família” “I Love Paraisópolis”. Em 2018, interpretou sua primeira vilã, a princesa Catarina em “Deus Salve o Rei”.

Milionária

Milionária aos 23 anos! A atriz começou bem novinha a trabalhar na televisão e hoje tem uma carreira sólida na Rede Globo. Seu salário na emissora é de aproximadamente 100 mil reais quando está no ar. Uau! Como citamos, recentemente ela foi uma das protagonistas da novela “Deus Salve o Rei”. Fora da televisão, ela ganha uma fortuna com campanhas publicitárias e com suas redes sociais.


Quanto vale um post de Marquezine

Um simples post no Instagram da atriz não sai por menos 60 mil reais. Esse é o preço que a marca precisa desembolsar se quiser que ter seu produto estampado nas redes sociais da atriz. Para fazer presença vip, Bruna chega cobrar 120 mil reais. Já em caso de propaganda para veículos de imprensa o valor é ainda maior.
Recentemente Bruna e Neymar estrelaram uma campanha para uma famosa marca de roupas na TV, estima-se que eles levaram para casa 1,8 milhão apenas nesta ação. É muito dinheiro!

Nome artístico

O verdadeiro nome da atriz é Bruna Reis Maia. Porém, aos cinco anos, a agência que a indicava para diversos trabalhos em comerciais pediu para que ela escolhesse algo diferente de Bruna Reis e Bruna Maia. Foi então que ela adotou o sobrenome de sua avó, Dona Joaninha, que era neta de italianos. Foi assim que ela passou a ser conhecida como Bruna Marquezine.

Primeira conquista material

Bruna Marquezine deixou Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, para morar com sua família em um apartamento próprio, na Barra da Tijuca, aos 13 anos. O imóvel foi comprado principalmente com o dinheiro do seu trabalho em novelas e comerciais. Nos últimos meses, ela adquiriu um outro apartamento no mesmo bairro e passou a morar sozinha. O imóvel fica dentro do condomínio Península, onde moram vários famosos como Fê Paes Leme, Fernanda Gentil e o blogueiro Hugo Gloss.


O romance com Neymar

Neste mês, a atriz confirmou o fim do namoro com o atacante Neymar. Será que agora é pra valer?Eles se conheceram em outubro de 2012, mas só assumiram o romance no Carnaval do ano seguinte. Em fevereiro de 2014, aconteceu o primeiro rompimento. Em maio do mesmo ano eles voltaram, mas durou pouco.
Em abril de 2016 a imprensa já indicava uma possível reconciliação, que foi confirmada quando o atacante invadiu as arquibancadas do Maracanã para abraçar Bruna depois de conquistar a primeira medalha de ouro olímpica do Brasil na modalidade.
Entretanto, em junho de 2017, eles terminaram mais uma vez. A última reconciliação começou no casamento da atriz Marina Ruy Barbosa em outubro de 2017. Mas foi apenas no Ano Novo que os dois confirmaram que estavam novamente juntos. Entre idas e vinda, hoje eles estão novamente separados.

Já teve jatinho fretado para não se atrasar

Após passar o Ano Novo com Neymar em Fernando de Noronha, a atriz Bruna Maquezine ficou presa no aeroporto de Recife quando seu voo para o Rio de Janeiro foi cancelado. Nada que Neymar não pudesse resolver. Para garantir que a amada chegasse ao Rio a tempo dos compromissos profissionais, o atacante desembolsou nada menos do que R$ 40 mil para fretar um jatinho particular. Ele já havia retornado a Paris dias antes por conta dos treinamentos no PSG.


Já fez cirurgia plástica

Recentemente, a atriz Bruna Marquezine admitiu pela primeira vez que passou por uma plástica no nariz. A revelação foi feita após uma página no Instagram comparar duas fotos da namorada do jogador Neymar com a seguinte legenda: “Bruna jura que não fez plástica no nariz. Mas ficou ótimo”. Nos comentários, Bruna confirmou a rinoplastia: “Nunca neguei, só disse que não achava relevante falar do assunto na época. (ficou mara mesmo)”. A notícia de que a atriz teria feito uma intervenção estética começou a circular em 2016. Ela, no entanto, nunca havia falado do assunto.


Sonha em conhecer a Lua

Bruna Marquezine está sempre viajando por este mundo. Mas a Terra é muito pequena para ela. Em entrevista à “Glamour”, ela revelou que sonha conhecer a Lua: “É que sou apaixonada por Lua! Já parou pra pensar que qualquer pessoa em qualquer lugar vê a mesma Lua?! Também queria conhecer o Japão. Porque é o Japão, né?”. É bem provável que ela consiga visitar o Japão, mas a Lua já é uma viagem bem mais complicada…


Qual é seu lugar favorito no mundo

Enquanto não conhece a Lua, Bruna aproveita para desbravar esse mundão. Entre os lugares que ela já teve a chance de conhecer, Fernando de Noronha e Logos Angeles estão no topo da sua lista: “Amo esses lugares! Meus lugares favoritos são sempre com praia! Como fico bem na praia! E como eu amo ser uma pessoa bronzeada, nada me deixa mais feliz que uma pele bronzeada!”.


Falando em Fernando de Noronha…

Só este ano Bruna Marquezine já foi para Fernando de Noronha diversas vezes. Foi lá que ela e Neymar se reconciliaram no ano novo. Quando viaja para o arquipélago paradisíaco, ela costuma se hospedar em uma das melhores pousadas. O empreendimento chamado de “Maria Bonita” pertence aos atores Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank. Localizada na Floresta Nova, a pousada possui piscina, 11 suítes confortáveis equipadas com cama king size e decoradas com móveis rústicos e cores neutras. Como é amiga do casal, é bem provável que ela receba um bom desconto. Não acham?


Adora comer

A atriz sempre teve um corpão! Mas tudo indica que ela é uma pessoa abençoada. Em conversa com a revista “Glamour”, em 2016, ela revelou que ama comer besteira: “Amo comer! Minhas indulgências são pizza, doce (amo todos os doces!) e hambúrguer, mas não precisa ser hambúrguer gourmet, não. É bem McDonalds mesmo! Hashtag #ratadomc (risos)”. Entretanto, nos últimos anos Bruna resolveu pegar mais leve e procurou ajuda de uma nutricionista famosa.


O primeiro amor

Hoje todo mundo acompanha sua vida amorosa. Mas você sabe quem foi o primeiro amor de Bruna Marquezine? Ela responde: “Foi um namoradinho da época da escola. Ele me deu um leão de presente num aniversário meu. Aliás, um leão horrível! (risos) Minha mãe não sabia de nada e ficou sabendo ali… No meu primeiro beijo eu tinha 11, então isso foi antes“.


Com quem já namorou

Que Bruna Marquezine namorou o atacante Neymar todo mundo já sabe, mas você lembra com quem mais a atriz já se relacionou? O modelo Marlon Teixeira foi um dos homens que conquistou o coração da atriz. Os dois chegaram a ter um relacionamento mais sério entre novembro de 2014 e maio de 2015.

Mais tarde, ela namorou o ator Maurício Destri, seu par na novela “I Love Paraisópolis”. Outros bonitões que já foram apontados como affairs de Bruna: Arthur Aguiar, Lucas Kalil, Raphael Sumar, Guilherme Leicam, Tiago Iorc, Shawn Mendes e Nick Jonas. E recentemente surgiram boatos que ela estaria ficando com Gian Luca Ewbank, irmão de Giovanna Ewbank.

Um presentão

Enquanto namorava com o atacante Neymar, Bruna Marquezine ganhou um presentão. Em abril deste ano, o jogador arrematou um brinco de cerca de R$ 102 mil (isso mesmo, você não leu errado) para presentear a então namorada durante o leilão que aconteceu no baile da amfAR. Uau! Será que ela fez seguro da valiosa peça? A joia é da marca Ara Vartanian.


Os desafetos

A atriz Isabelle Drummond é seu antigo desafeto. Embora nunca tenham assumido publicamente, as duas não se falavam desde que Bruna gravou o clipe da música “Amei Te Ver” com Tiago Iorc, namorado de Isabelle na época.


A eterna Emília não teria gostado de ver o músico em clima de romance com Bruna nas filmagens. Esse teria sido o principal motivo do rompimento dos dois. Desde então, Isabelle Drummond se recusa a trabalhar com Marquezine.

Marquezine x Anitta

A cantora já teria ficado com Neymar. Segundo a colunista Fabíola Reipert, esse seria o motivo da rixa entre as duas. Segundo a mesma jornalista, Anitta teria marcado presença em uma festinha do jogador em 2015 e teria até dormido na mansão do Guarujá, litoral de São Paulo.
Os rumores sobre a rixa ganharam força recentemente, após Bruna curtir uma publicação no Instagram em que a cantora era detonada por internautas. Após a grande repercussão, a atriz se manifestou para dizer que clicou sem querer no coraçãozinho. Será?

Melhores amigas

Por outro lado, Bruna Marquezine também sabe cultivar amizades verdadeiras. Entre suas melhores amigas está Sasha Meneghel, filha da apresentadora Xuxa. As duas se conheceram quando crianças, quando Bruna participou do filme “Xuxa Abracadabra”.
Na época, Xuxa chamou a atriz para dormir na sua casa e brincar com sua filha. Desde então, elas não se separaram mais! Bruna até passou um tempo junto com Sasha em Nova York. Marquezine também é muito amiga de outras celebridades como Tatá Werneck e Fernanda Souza.


domingo, 28 de abril de 2019

E LULA FALOU. E DISSE.

E, não temais os que matam o corpo, mas não têm poder para matar a alma. Temei antes, aquele que pode destruir no inferno tanto a alma como o corpo. Matheus 10 :28



Enganam-se aqueles que pensam que a prisão destrói um líder político como Lula. Enganam-se ao pensar que a prisão injusta e política como a de Lula o irá desmotivar ou abater sua grandeza. Não. A história está repleta de exemplos. Hitler por exemplo como exemplo do mal, também esteve preso e depois ressurgiu tornando-se o FHURER (Condutor da nação Alemã).

Também Ghandi que foi o maior líder político e espiritual da Índia, praticamente aquele que conseguiu a independência da Índia, esteve preso. Além disso também porque não falar de Jesus que foi preso, açoitado, assassinado injustamente e era o governador espiritual do planeta, o rei dos reis e é até hoje. Nelson Mandela é outro grande exemplo. Condenado pela política do Apartheid na África do Sul, quando o mundo clamava por sua liberdade, tornou-se depois chefe de estado de seu país. Não poderia estar de fora dessa  relação o grande vulto Martin Luther King Júnior, que é hoje um herói americano. Um dos únicos três vultos ao lado de Abrahan Lincoln e George Washington cuja data de nascimento é feriado nacional nos Estados Unidos.


Já ouviu falar de Nelson Mandela (que EUA chamava de terrorista), Gandhi, Jesus e Luther King? Todos presos por Moros, Malafaias, TRFs e STF de seus tempos.. 
JESUS PRESO



Enganam-se os perversos, os hipócritas, os enganados, os pequenos, que manter encarcerado uma figura pública como Lula, o maior estadista desse país que não se baseia só em palavras mas em exemplos, exemplos de uma exitosa administração em todos os sentidos inclusive, pode diminuir sua grandeza. É o contrário. Torna-o maior. Trona-o mítico. Torna-o um exemplo de sacrifício, e de abnegação, pois ele poderia ter conseguido um asilo em uma embaixada e estar livre correndo mundo para expor sua plataforma e suas idéias, podendo falar o que quisesse e quando quisesse. Aceitando o carcere, demonstra assim a perfídia, a arrogância, a prepotência. Desnuda a parcialidade do judiciário, que esperamos ainda encontrar no STF a guarda dos direitos individuais do cidadão.
Muito terão que pagar por isso. É só esperar porque essa canoa vai virar.


Muito se arrependerão e serão aqueles que hoje o condenam. Passarão para a história como JUDAS. Serão os que contribuíram para a destruição do povo Brasileiro e para o desmonte de um estado que se aproximava de ser uma potência emergente. É com tristeza que o mundo assiste a essa tragédia Brasileira, porque o mundo gosta do Brasil, e mais o mundo precisa do Brasil. É possível que daqui a alguns anos estejamos vendo manchetes que mostrarão o estado de penúria do povo Brasileiro que um dia sonhou em ser o maior e nesse momento seus olhos se  voltarão para essa grande figura que nasceu com uma missão nascendo pobre e sobrevivendo na pobreza do nordeste Brasileiro, resgatar o gigante. Como diz Noam Chomsky, o gigante do sul, que ainda não acordou porque uma elite egoísta e incompetente ainda vive na época da escravidão e não consegue perceber que o mundo evoluiu. Mas eles passarão.



Mônica Bergamo sobre Lula: Presidente está bem e falou de todos os temas

MONICA BERGAMO DA FOLHA DE SÃO PAULO

Em entrevista de mais de duas horas, Lula falou de todos os temas. "O presidente estava bem, falou sobre muitas coisas. O tempo foi adequado para falar de todos os temas, de como ele está na prisão, de Bolsonaro, de política nacional, de política internacional", disse a jornalista.


Em novo despacho o ministro do STF Ricardo LevandovsKy concede a entrevista a Lula ao jornalista Florestan e a Jornalista Monica Bergamo.




terça-feira, 9 de abril de 2019

VERDADES QUE PRECISAM SER DITAS - #LULALIVRE



Curitiba – Às 6h30 da manhã, horário marcado para a concentração das caravanas no terminal Boa Vista, em Curitiba, seria impossível imaginar que tanta gente dedicaria o 7 de abril de 2019 a protestar contra este um ano da prisão política do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A garoa fina e a brisa fria gelavam quem descia dos primeiros ônibus que chegavam à capital paranaense.



Mas o quadro não demorou a mudar, assim como o tempo. Ao longo da passeata que a partir das 8h percorreu 3,5 quilômetros até o bairro de Santa Cândida, mais e mais gente foi chegando. O tempo firmou, o solzinho apareceu e o calor surpreendeu quem trocou o conforto do dia de descanso pela luta. A organização do ato avalia que mais de 10 mil pessoas reuniram-se nas ruas do entorno do prédio da Polícia Federal na capital paranaense. 


Djalma Bom, “companheiro do presidente Lula com muita honra”, aos 80 anos venceu os 440 quilômetros entre São Bernardo do Campo e Curitiba “com disposição muito grande para libertar esse companheiro que é um preso político”. Ex-diretor do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, Djalma relatava, durante a passeata, a tristeza que a ausência de Lula representa para a classe trabalhadora. “Mas a gente continua insistindo e esse país vai ter de novo a presença do companheiro Lula liderando os grandes movimentos, ao lado das pessoas mais pobres, as pessoas que precisam dele.”


Dirceu Lopes, em uma caravana de Rio Grande e Pelotas (RS), ressaltava a importância de participar “desse grande protesto nacional” pela libertação de Lula, pelo restabelecimento da verdade diante de uma condenação sem provas.












O administrador de 61 anos, filiado ao PT desde a fundação, afirma sentir grande responsabilidade de estar nessa luta. “Foi um ano muito difícil, um ano em que todos nós que entendemos a questão do golpe, sabemos o que foi preparado para a retirada de Lula da disputa. Todo país perdendo credibilidade nacional e perdendo grande parte do que conquistou, da cidadania. As pessoas vêm por isso. Porque veem no Lula a possibilidade de retomarmos o processo de um país que tenha liberdade, oportunidades. Que possa ser colocado de volta nos trilhos do desenvolvimento socioeconômico.” 


Os paulistanos Camila Sanches e Clóvis Girardi decidiram vir a Curitiba por conta própria. “A gente estava adiando essa viagem já há algum tempo”, relata o estudante de Planejamento Territorial da UFABC. “Não é uma viagem de passeio, viemos com um propósito maior”, destaca Camila, que faz Direito no Mackenzie. “A gente veio prestar solidariedade ao presidente e registrar que o que está acontecendo é absurdo, injusto, dolorido”, disse a jovem de 21 anos. “Muito”, afirmou Clóvis, que aos 24 anos relata as dificuldades vividas na universidade pública diante do corte de recursos acarretado pela PEC da Morte. “É um movimento que tende a se expandir, que piore nos próximos anos.”


Camila, que estuda numa faculdade mais “conservadora”, conta que o espaço democrático acaba sendo “diminuto”. “Hoje a gente tem um representante maior que não tolera a diversidade e as pessoas se sentem no direito de não tolerar também. Mas a gente está aí para debater isso também e falar ‘ele não’ e ‘ele não no Mackenzie inclusive”, disse, orgulhosa do movimento que ajudou a liderar e acabou por proibir a visita do presidente Jair Bolsonaro à universidade no dia 27 de março.

A eterna noite espera um novo amanhecer