http://filotec.com.br

http://filosofiaetecnologia.blog.br
ECONOMIA TECNOLOGIA FILOSOFIA SAUDE POLÍTICA GENERALIDADES CIÊNCIA AUTOHEMOTERAPIA NOSSOS VÍDEOS FACEBOOK NOSSAS PÁGINAS

SOMOS TODOS CHAPECOENSES

quarta-feira, 13 de abril de 2016

COISAS QUE TENHO DIFICULDADE EM ACEITAR NAS RELIGIÕES EVANGÉLICAS E NA RELIGIÃO CATÓLICA E ATÉ NA RELIGIÃO ESPÍRITA. Os eruditos que me expliquem.

Não sou mundano, como podem querer me rotular aqueles que pertencendo às religiões evangélicas e no geral as religiões cristãs de entre as quais a religião KARDECISTA (Que é sim uma religião). 

Pelo contrário. Sou Cristão e aceito integralmente a Jesus como meu único salvador pessoal, meu guia e modelo. Faço preces, faço culto no lar, e meus estudos sempre que possível além de pesquisar sobre o assunto, que o digam as matérias já publicadas nesse blog, algumas com muitos leitores ao redor do mundo. Dito isso vamos às dúvidas. 

COM RELAÇÃO ÀS RELIGIÕES EVANGÉLICAS.

Estou no momento acompanhando com vivo interesse ao estudo que está promovendo o eminente Juiz HAROLDO DUTRA sobre os livros GENESIS e LEVITICO. Quem quiser ter acesso aos estudos basta colocar no YOUTUBE as palavras: HAROLDO DUTRA + GENESIS ou (+LEVITICO) irão aparecer todos os estudos que são muitos para cada um dos temas. Além disso, Haroldo Dutra também tem inúmeras palestras sobre as parábolas de Jesus, sobre a história de Paulo e Estevão e outros assuntos relevantes a respeito da espiritualidade. 

Haroldo Dutra é um pesquisador dos costumes e da língua da Época de Jesus e já emprestou relevantes trabalhos a causa Cristã, pois recentemente traduziu fidedignamente textos dos evangelhos dando-lhes o real significado que as vezes fica deturpado nas traduções até então existentes.

Esse eminente e impressionante Juiz, faz um trabalho admirável porque procura unir as três revelações que  se materializaram para a humanidade, que são as revelações Mosaicas, a revelação de Jesus e do novo testamento, e presentemente a terceira revelação que é a representada pelo advento do Espiritismo Kardecista que é composto das cinco obras de Alan Kardec e mais os livros acessórios que foram psicografados a maioria por Chico Xavier, e que são inspirados por entidades espirituais como Emmanuel e André Luiz (Os principais) além de alguns outros.

Logicamente que ao mencionar todas essas fontes logo se irá produzir a ruptura entre todos, porque os evangélicos não aceitam o ESPIRITISMO, e os ESPÍRITAS (Falo do movimento Kardecista, já que o termo espírita pode ser confundido com as religiões Afro que são totalmente diferentes porque partem de um ramo não cristão, apesar de que a Umbanda é associada à religião católica, e portanto tem seu viés cristão, mas não é desse ramo que estou falando.) não são afeitos a mergulhar nos conhecimentos bíblicos o que considero um grave erro.

Haroldo Dutra ao contrário, acolhe no seu estudo todas as vertentes, e procura mostrar que todas elas falam de uma e da mesma coisa, e se complementam, enriquecendo o conhecimento doutrinário, fugindo do preconceito e explicando certas chaves(enigmas) importantes do conhecimento bíblico que se tornam mais claros e mais visíveis, e que poderiam antes serem vistos com ceticismo, mas que são claramente compreendidos ante ao estudo consistente desse admirável pesquisador.

RESSALVAS ÀS CRENÇAS DOUTRINÁRIAS VIGENTES

1 - A TERRA COMO CENTRO DO UNIVERSO

DEUS é o princípio de todas as coisas tudo absolutamente tudo o que foi feito o foi por ele(Isso é ponto comum entre todas as doutrinas cristãs), entretanto a atenção de Deus não está somente sobre a TERRA, e obviamente a terra não é o único planeta que tem habitantes no universo.

Para se ter uma idéia do que estou falando, falarei apenas da Via Lactea, que é a galáxia a qual pertence a TERRA.


Estima-se que a nossa galáxia, a Via Láctea, possui de 200 a 400 bilhões de estrelas. As galáxias possuem em média centenas de bilhões de estrelas. E as estimativas também apontam para centenas de bilhões de galáxias no Universo.

O nosso sol colocado ao lado da maior estrela da Via Lactea,  a Canis Masjoris torna-se invisível. Menor do que um pixel, portanto o sol é uma estrelinha, quase nada no meio da Via Lactea.

Bilhões e bilhões de estrelas é a forma como muitas pessoas imaginam o número de estrelas que compõe uma galáxia. Mas existe alguma maneira de saber a resposta certa?

"É uma pergunta surpreendentemente difícil de responder. Você não pode simplesmente sentar-se e contar estrelas, numa galáxia", disse David Kornreich, professor em Ithaca College, em Nova Iorque. 



Mesmo na galáxia de Andrómeda - que é brilhante, grande e relativamente perto da Terra, a 2,3 milhões de anos-luz de distância - apenas as maiores estrelas e algumas estrelas variáveis ​​(variáveis ​​Cefeidas) são brilhantes o suficiente para brilhar nos telescópios a essa distância.

Uma estrela do tamanho do Sol seria muito difícil para nós vermos. Assim, os astrônomos estimam o seu número, usando algumas técnicas.

O ano-luz é uma unidade de comprimento usada em Astronomia, sendo que 1 (um) ano-luz equivale à distância que a luz percorre durante 1 (um) ano viajando no vácuo – algo próximo de 9,5 trilhões de quilômetros .
Para se percorrer a Via Láctea de um extremo ao outro seria necessário 80 mil anos viajando à velocidade da luz 

Isso significa que se na época de Jesus a 2000 anos atrás alguém empreendesse a viagem de percorrer a Via Lactea de um extremo ao outro, e se viajasse nesses 2000 anos a velocidade da luz, ainda restariam 78.000 anos para viajar continuando nessa velocidade. Dá para imaginar isso?

Dá para pensar que a TERRA é o centro do Universo como se pensava até o século XV ?

Dentro de tudo isso, qual é o papel de Deus nisso?

Deus tem toda a informação sobre nós. Ele tem contados os fios de cabelo de nossas cabeças, e isso que são palavras de Jesus, demonstra que Deus nos conhece profundamente, mas será que tendo tantas preocupações no universo Deus iria se preocupar com essa informação? Qual é o nosso papel perante Deus?

A resposta é que a memória de Deus é infinita, assim como é infinita a memória dos espíritos.

Se colocarmos alguém para fazer uma hipnose profunda, essa pessoa irá saber todos os detalhes de sua vida e os irá revelar, como por exemplo o que estava fazendo ou comendo a três anos atrás em uma determinada data. Toda essa informação está no nosso inconsciente que não esquece nada. O nosso cérebro é que esquece.

O interesse que Deus tem em nós é o interesse do AMOR. Deus é AMOR. Em todo o Universo impera uma LEI. Essa é a Lei do AMOR. Os seres mais evoluídos, aqueles que atingiram patamares elevados de evolução como os anjos tem uma imensa capacidade de amar incondicionalmente. 

Se nós não temos capacidade para compreender isso é porque ainda não evoluímos o suficiente. 

Somos arranjados em famílias (Plano divino para nós) para aprendermos a amar as nossas famílias e as vezes até isso é difícil para nós. 

Depois que ultrapassarmos esse patamar teremos que aprender a amar a toda a humanidade, como Jesus, como Ghandi, como Madre Tereza de Calcutá.

Então se temos que atingir esse patamar, porque não começar a praticar agora? Os Anjos estão ai e Jesus e seus prepostos também para nos ajudar se quisermos e desejarmos.

OUTRA COISA QUE NÃO DÁ PARA ACEITAR.


E essa é uma coisa muito curiosa porque a Bíblia não dá muita informação mas ainda assim as religiões evangélicas formaram toda uma teologia em torno do assunto. Falo da existência do DIABO ou SATANÁS ou LUCIFER como se poderia depreender.

Segundo a teologia, Lúcifer era um Anjo formoso que existia no céu, e que era o mais formoso dos Anjos. Era o líder etre os Anjos.

Pois bem, esse Anjo resolveu dar um GOLPE em Deus. Destitui-lo do seu trono e ocupar seu lugar, ou melhor colocar seu trono acima do trono de Deus.
E tu dizias no teu coração: Eu subirei ao céu, acima das estrelas de Deus exaltarei o meu trono, e no monte da congregação me assentarei, aos lados do norte. Isaías 14:13
Será que em uma das mentes mais pobres dá para imaginar isso?

Deus é o criador, aquele que teria criado LÚCIFER, e LÚCIFER resolve trair covardemente seu Criador e destituí-lo do trono. Coisa que só poderia ter lugar nas mentes mais cruéis e mais inferiores que se poderia imaginar.

Disso tudo fica as seguintes perguntas:
A queda de Satanás do céu é descrita em Isaías 14:12-14 e Ezequiel 28:12-18. Enquanto essas duas passagens estão se referindo especificamente ao rei da Babilônia e ao Rei de Tiro, elas também se referem ao poder espiritual por trás daqueles reis – Satanás. Em relação a quando Satanás caiu, essas passagens dizem o porquê da queda de Satanás, mas não dizem especificamente quando a queda ocorreu. O que sabemos é isto: os anjos foram criados antes da terra (Jó 38:4-7). Satanás caiu antes de tentar Adão e Eva no Jardim (Gênesis 3:1-14). A queda de Satanás, portanto, deve ter ocorrido depois dos anjos terem sido criados e antes da tentação de Adão e Eva no Jardim do Éden. Quer sua queda tenha ocorrido alguns minutos, horas ou dias antes de tentar Adão e Eva no Jardim, a Bíblia não diz especificamente.
1 - Se o Temor do Senhor é o princípio da sabedoria, a falta do temor do Senhor, torna o mais sábio, no mais ignorante, já que a esse falta o princípio da sabedoria, e diga-se que "TEMOR" aqui não tem o significado que a tradução lhe quis destinar. Temor aqui poderia ser melhor traduzido por "AMOR".

2 - No céu como poderia um ser TRAIDOR sobreviver? Já que a falsidade era a falha de caráter mais condenável por Jesus, na verdade a única que levou Jesus a se alterar. será que esse ser traidor, falso, circulava entre os anjos, conspirando contra o Senhor, e imaginando que DEUS que é onisciente (Sabe de tudo) Onipotente (Pode tudo) e Onipresente (Está em todos os lugares), não iria perceber a sua traição? E pior, será que ele Lúcifer dentro de toda a sua sabedoria, não sabia disso? Será que passou pela sua cabeça algum dia que poderia se dar bem? Será que Deus que tem contados os fios de cabelo das nossas cabeças, não iria ler seus pensamentos? Não iria perceber que aquele ser lhe estava traindo?

Diz a teologia bíblica que ele conseguiu convencer 1/3 dos anjos dos céus a segui-lo. Aqueles anjos não adoravam a seu Senhor? Não tinham evolução? O Amor, a humildade não reinava em seus corações? 

Como puderam esses seres evoluídos sucumbirem a uma proposta tão vil. Trair seu pai, o seu criador? 
O livro de Jó nos diz que, pelo menos por um tempo, Satanás ainda tinha acesso ao céu e ao trono de Deus. “E num dia em que os filhos de Deus vieram apresentar-se perante o SENHOR, veio também Satanás entre eles. Então o SENHOR disse a Satanás: Donde vens? E Satanás respondeu ao SENHOR, e disse: De rodear a terra, e passear por ela” (Jó 1:6-7). Pelo menos daquela vez, Satanás ainda estava aparentemente se movendo livremente entre o céu e a terra, falando com Deus diretamente e prestando contas das suas atividades. Em que ponto Deus quebrou esse acesso, não sabemos.
Por que Satanás caiu do Céu? Satanás caiu por causa do seu orgulho. Ele queria ser Deus, não Seu servo. Note tudo que Satanás queria fazer em
Isaías 14:12-15. Ezequiel 28:12-15 descreve Satanás como um anjo excessivamente bonito. Satanás provavelmente era o anjo de classe mais alta do que todos os outros anjos, o mais bonito de todas as criaturas de Deus, mas não estava contente com sua posição. Ao invés, Satanás queria ser como Deus, para expulsar Deus de Seu trono e reinar no universo. Satanás queria ser Deus, e é interessante notar que isso foi o que Ele usou para tentar Adão e Eva no Jardim do Éden (Gênesis 3:1-5). Como Satanás caiu do Céu? Na verdade, uma queda não é uma descrição correta. Seria mais correto dizer que Deus expulsou Satanás do Céu (Isaías 14:15; Ezequiel 28:16-17).
Isso para mim se torna incompreensível, já que para ter assento no céu, um ser tem que ter os mais elevados padrões evolutivos em amor, humildade, dignidade, caráter, honradez e por ai vai. No céu não há e nem pode haver lugar para conspiradores, hipócritas, falsos e falhos de caráter. Antes para aqueles que estão sintonizados com Deus, como é o caso de Jesus.

A passagem bíblica a seguir é a única em toda a Bíblia que se refere a Lúcifer e no entanto é um erro de tradução muito forçado por sinal, porque a profecia não se refere ao Anjo Caído mas ao Rei da Babilônia. Na tradução de João Fereira de Almeida esse erro é corrigido e a palavra Lúcifer é substituída pelo seu real significado que é "ESTRELA DA MANHÃ". Na verdade a passagem não se refere a Satanas, mas a uma maldição contra o Rei de Tiro e o Rei da Babilônia.
  • Então proferirás este provérbio contra o rei de babilônia, e dirás: Como já cessou o opressor, como já cessou a cidade dourada!
  • Já quebrantou o Senhor o bastão dos ímpios e o cetro dos dominadores.
  • Aquele que feria aos povos com furor, com golpes incessantes, e que com ira dominava sobre as nações agora é perseguido, sem que alguém o possa impedir.
  • Já descansa, já está sossegada toda a terra; rompem cantando.
  • Até as faias se alegram sobre ti, e os cedros do Líbano, dizendo: Desde que tu caíste ninguém sobe contra nós para nos cortar.
  • O inferno desde o profundo se turbou por ti, para te sair ao encontro na tua vinda; despertou por ti os mortos, e todos os chefes da terra, e fez levantar dos seus tronos a todos os reis das nações.
  • Estes todos responderão, e te dirão: Tu também adoeceste como nós, e foste semelhante a nós.
  • Já foi derrubada na sepultura a tua soberba com o som das tuas violas; os vermes debaixo de ti se estenderão, e os bichos te cobrirão.
  • Como caíste desde o céu, ó Lúcifer, filho da alva! Como foste cortado por terra, tu que debilitavas as nações!
  • E tu dizias no teu coração: Eu subirei ao céu, acima das estrelas de Deus exaltarei o meu trono, e no monte da congregação me assentarei, aos lados do norte.
  • Subirei sobre as alturas das nuvens, e serei semelhante ao Altíssimo.
  • E contudo levado serás ao inferno, ao mais profundo do abismo.
  • Os que te virem te contemplarão, considerar-te-ão, e dirão: É este o homem que fazia estremecer a terra e que fazia tremer os reinos?
  • Que punha o mundo como o deserto, e assolava as suas cidades? Que não abria a casa de seus cativos?
  • Todos os reis das nações, todos eles, jazem com honra, cada um na sua morada.
  • Porém tu és lançado da tua sepultura, como um renovo abominável, como as vestes dos que foram mortos atravessados à espada, como os que descem ao covil de pedras, como um cadáver pisado.
  • Com eles não te reunirás na sepultura; porque destruíste a tua terra e mataste o teu povo; a descendência dos malignos não será jamais nomeada.
  • Preparai a matança para os seus filhos por causa da maldade de seus pais, para que não se levantem, e nem possuam a terra, e encham a face do mundo de cidades.
  • Porque me levantarei contra eles, diz o SENHOR dos Exércitos, e extirparei de babilônia o nome, e os sobreviventes, o filho e o neto, diz o SENHOR.
  • E farei dela uma possessão de ouriços e a lagoas de águas; e varrê-la-ei com vassoura de perdição, diz o Senhor dos Exércitos.
  • O Senhor dos Exércitos jurou, dizendo: Como pensei, assim sucederá, e como determinei, assim se efetuará.
  • Quebrantarei a Assíria na minha terra, e nas minhas montanhas a pisarei, para que o seu jugo se aparte deles e a sua carga se desvie dos seus ombros.
  • Este é o propósito que foi determinado sobre toda a terra; e esta é a mão que está estendida sobre todas as nações.
  • Porque o Senhor dos Exércitos o determinou; quem o invalidará? E a sua mão está estendida; quem pois a fará voltar atrás?
  • No ano em que morreu o rei Acaz, foi dada esta sentença.
  • Não te alegres, tu, toda a Filístia, por estar quebrada a vara que te feria; porque da raiz da cobra sairá um basilisco, e o seu fruto será uma serpente ardente, voadora.
  • E os primogênitos dos pobres serão apascentados, e os necessitados se deitarão seguros; porém farei morrer de fome a tua raiz, e ele matará os teus sobreviventes.
  • Dá uivos, ó porta, grita, ó cidade; tu, ó Filístia, estás toda derretida; porque do norte vem uma fumaça, e não haverá quem fique sozinho nas suas convocações.
  • Que se responderá, pois, aos mensageiros da nação? Que o Senhor fundou a Sião, para que os opressos do seu povo nela encontrem refúgio.
  • Isaías 14:4-32
Entretanto Satanás existe, e o Espiritismo Kardecista não reconhece esse fato. Ele é mencionado na Bíblia e citado por Jesus várias vezes. Dialoga com Deus no caso da conversa sobre Jó e aparece próximo ao trono de Deus como advogado de condenação. 

Trata-se no meu entendimento de um ser com elevada estatura em conhecimento que lidera as hostes do mal.

O que posso depreender disso tudo é que a história narrada na Bíblia não é na verdade uma história que se passou no céu, digo no terceiro céu, mas sim em um planeta.

O que seria o céu para Moisés que foi o primeiro profeta?

Se João (Que recebeu a mensagem do Apocalipse por um Anjo enviado por Jesus.) fosse transportado em suas visões para um planeta, como o descreveria? Na época de João, planetas não eram conhecidos. Não existia esse termo, ou essa palavra. Ele iria se referir ao céu, uma região do espaço sideral, além da terra. 

Supomos (E nesse caso isso é um ensaio ou uma suposição) que se referiu a CAPELA onde estavam os habitantes de uma civilização evoluída que entrou em conflito. Conflito entre os que tinham atingido patamares de evolução moral e que iriam permanecer no planeta, e os insurgentes que provavelmente tentaram tomar o poder. Esses foram derrotados em uma batalha que se travou, e deportados para a Terra.

O seu líder que era o mais evoluído em conhecimento porém falho em caráter, ocupou o papel de líder desse movimento e ocupa o lugar do chefe das hostes trevosas, que desceram a terra, dentro de um plano divino de regeneração.

Nesse caso, Capela provavelmente tinha um representante, um preposto de Deus, que ocupava seu lugar por absoluta sintonia com esse, como Jesus, que não sendo o próprio Deus tinha tal sintonia com Deus, que declarou que quem o via, via a Deus.

Esses seres descendo a terra seriam os tais "FILHOS DE DEUS" que se casaram com as filhas dos homens e que dai geraram os gigantes, ou seja, os homens de fama do passado pré diluviano?

É um mistério.

Porém as hostes do Inferno, as regiões dos Abismos, são sem dúvida lideradas por um ser que ocupa um lugar de liderança nesse vale de sombras, e que tem débitos tão pesados que seu Karma, ou seja suas dívidas podem ser comparadas à eternidade, embora saibamos que Deus dentro de sua infinita misericórdia e amor não condenaria ninguém por mais cruel que fosse seu débito a uma pena eterna. Entretanto o "PARA TODO O SEMPRE" a que a Bíblia se refere, pode ser um tempo tão longo que se iria comparar à eternidade.

(Essa matéria está em construção e irá prosseguir.)



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos podem comentar e seus comentários receberão uma resposta e uma atenção personalizada. Seu comentário é muito bem vindo. Esse espaço é para participar. Te aguardamos e queremos seu comentário, mesmo desfavorável. Eles não receberão censura. Poderão apenas receber respostas, ou tréplicas.