FILOSOFIA E TECNOLOGIA
ECONOMIA TECNOLOGIA FILOSOFIA SAUDE POLÍTICA GENERALIDADES CIÊNCIA AUTOHEMOTERAPIA NOSSOS VÍDEOS FACEBOOK NOSSAS PÁGINAS

quinta-feira, 10 de maio de 2012

O LUIZ GASPARETTO PIROU.

Luiz Antonio Alencastro Gasparetto (São Paulo, 16 de agosto de 1949) é um psicólogo de formação, médium psicopictográfico, escritor e locutor brasileiro. Durante quase três anos, foi apresentador de televisão do programa Encontro Marcado da RedeTV!, que propunha ajudar casos comuns em família ou sociedade.

Gasparetto obteve reputação mundial no final da década de 1970 e durante quase toda a década de 1980 por excursionar a Europa com Elsie Dubugras a fim de mostrar os trabalhos que, supostamente, famosos artistas pláticos — como Renoir, Da Vinci, Rembrandt, Toulouse-Lautrec, Modigliani, Picasso, Monet,[1] entre outros — realizavam através de sua mediunidade.[2]

A partir da década de 1980, rompe com a doutrina espírita e empenha-se em projetos ligados à psicologia, auto-ajuda e espiritualidade, escrevendo livros e ministrando cursos com o objetivo do desenvolvimento do ser. Mais recentemente, porém, em 2009, realizou algumas pinturas mediúnicas em seu Espaço Vida e Consciência. Atualmente, mantém suas atividades ligadas à Nova Era com uma literatura metafísica e com a criação do "teatro de auto-ajuda"[3] ampliando, também, seu veículo de comunicação com o programa de rádio Gasparetto Conversando Com Você na Rádio Mundial.

Existe uma palestra dele divulgada na Internet em que o querido Gasparetto, refere-se a um espírito que lhe aparecendo da parte de Deus lhe diz que pode ser feliz e rico porque nesse caso Deus está sendo feliz através dele, tendo em vista que Deus se realiza através da felicidade das pessoas, incluindo-se ai a riqueza material que seria ao ver dele uma fonte de felicidade.

Defende que o que tem valor social é a beleza, a riqueza, que as mulheres acham os homens ricos mais sexi, que devemos"AMAR" o dinheiro, que devemos desejar o dinheiro e as coisas que o dinheiro pode nos proporcionar e por ai vai.

É preciso que nesse momento se entenda que Gasparetto distorce por completo a filosofia da felicidade prendendo-se à Ilusão. Ele fala muitas verdades, mas junto com elas vai um monte de princípios que consideramos equivocados e aqui daremos nosso parecer.

De fato Deus se realiza com a nossa felicidade. Isso é verdade, mas a visão de Deus vai muito além da nossa visão, e normalmente nós não temos a menor condição de entender os desígnios de Deus, porque Deus vê o infinito e nós vemos o imediato, o que está ao nosso redor. 

A visão de Deus prende-se à nossa felicidade no ETERNO, no que está lá na VIDA ETERNA que é a vida no mundo espiritual, lá onde Jesus está, e onde ele disse que iria nos preparar moradas para que onde ele estivesse nós também estivessemos. Lá é o verdadeiro lugar da felicidade e é a felicidade lá que importa para Deus.





A felicidade no planeta Terra que é um planeta de PROVAS E EXPIAÇÕES é uma felicidade passageira, porque o decurso da vida do ser humano é passageira, frágil demais e breve e ele irá retornar para o mundo espiritual muito rápido, portanto, o que acontece no planeta terra tem a finalidade apenas de nos educar para que sejamos PERFEITOS.

Perfeitos como o pai. Essa é uma meta, porém longínqua  e que não será provavelmente alcançada nem quando estivermos lá onde Jesus está e que é um tempo também bastante longo para nós.




Portanto ambicionar felicidade, e riqueza não é errado. Pode ser feito, porém com a consciência de que isso tem pouco ou nenhum valor. É como duas crianças brincando de carrinho. Elas podem desejar o carrinho, e até brigar uma com a outra por causa do carrinho, mas se considerarmos toda a vida, incluindo ai a vida adulta, que valor terá aqueles brinquedinhos? Quase nenhum. Essa é a visão de Deus. Deus vê muito mais longe e sabe que Felicidade e Riqueza são coisas que tem um valor relativo muito pequeno considerando-se o quanto temos a aprender e a verdadeira finalidade da vida que é o nosso aperfeiçoamento.

Dessa forma Deus pode entender que a riqueza pode não ser boa para você e tratar de evita-la para você porque ele visa a sua felicidade futura. Não a felicidade imediata. Você pode deseja-la e até ambiciona-la, e até pedi-la a Deus, afinal Jesus disse que tudo o que pedires em meu nome vos será dado. É verdade, mas ele também disse que isso seria dado para aqueles que o amarem e guardarem os seus mandamentos, e se você ama-lo e guardar os seus mandamentos, você terá noção da verdadeira importância da riqueza e não a irá pedir, porque você sabe que Deus dá a você o que é necessário para o seu desenvolvimento espiritual, para a sua perfeição  ser alcançada mais de pressa, e nesse momento você estará agradecido a Deus porque ele lhe terá dado o que tem e que é o necessário para você progredir espiritualmente.

Se seu filho de dez anos lhe pedir um carro como uma FERRARI, você a dará a ele? Mesmo que seja um homem muito rico? Não porque você sabe que ele não poderá tirar carteira de habilitação, e tentará dirigir o carro e poderá até matar alguém e se ferir e até morrer.

Da mesma forma Deus não nos dá tudo o que pedimos porque ele sabe o que é melhor para nós do ponto de vista espiritual e da vida futura. 

Mas nós podemos e devemos pedir e sempre que pedimos, tal qual um pai deseja a felicidade do filho, ele poderá reconsiderar algumas coisas se entender que aquilo não nos irá prejudicar porque já atingimos algum patamar de aprendizado que torna aquele desejo não prejudicial, mas nem sempre será possível. Se formos conscienciosos nossos pedidos terão mais qualidade e serão mais viáveis de ser atendidos.

Certa ocasião um casal que era muito religioso e que tinha uma filha, a viu adoecer e ser desenganada pelos médicos. Foram então ao Guia espiritual da sua religião e protestaram, dizendo que não era justo, pois que eles eram trabalhadores dedicados à causa evangélica e não mereciam isso, pediram então pela vida da filha. 

Pediram e choraram muito, e o guia espiritual, entrou em contacto com os anjos que eram intermediários diante de Deus, e comunicaram aos pais que Deus tinha ouvido seus lamentos e que eles tinham encontrado merecimento, e por isso a vida da filha iria ser poupada, como de fato o foi. A quela menina cresceu, foi para a faculdade, e lá em más companhias, começou a experimentar drogas, tornou-se uma viciada em crack envolveu-se me crimes e tornou-se um farrapo humano, causando muito sofrimento aos pais. 

Nesse momento eles lembraram dos pedidos que fizeram para que Deus desse vida àquela menina quando ela tinha sido desenganada. Certamente foi pior que ela continuasse viva, e Deus que é onisciente sabia disso, por isso resolveu leva-la, mas diante da revolta dos pais, talvez tenha resolvido mostrar-lhes que a sua vontade sempre é melhor do que a vontade dos homens.

Pedir riqueza é um pedido infantil. Devemos pedir sabedoria, força para trabalhar, ter a presença de Deus em nossa vida, ter os conselhos dos seus santos anjos ao nosso redor, a proteção do mal que inclusive está na oração do pai nosso, e pedir luz, a presença do mestre Jesus nas nossas vidas e na nossa casa, e que possamos ser cada dia melhores filhos refletindo em nós para o mundo a sua divina luz. Devemos pedir pelos desvalidos, pelos que passam fome, pelos que estão presos, pelos que estão nos orfanatos, pelos que estão nos asilos, nos hospitais, desenganados, que a luz possa ser visível para eles. Pediremos também pelos que tomam as decisões para que sejam iluminados e possam tomar as melhores decisões em favor do planeta.

E antes de pedir devemos passar uma boa parte da prece agradecendo. Agradecer a Deus por tudo que temos, a começar pela vida, pelo lar, por nossos familiares, pelo nosso emprego, por tudo que temos, porque tudo é emprestado por Deus, até o nosso corpo que um dia deixaremos para trás.

Temos que ter consciência de que estamos no lugar certo para o nosso desenvolvimento espiritual, e que tendo os anjosdo senhor ao nosso redor, receberemos sempre as boas intuições e os bons conselhos para nos desnvolvermos no trabalho e na vida e isso nos trará o máximo de felicidade que nos for possível nessa vida.

Riqueza não trás felicidade, pois se fosse assim, os ricos seriam os mais felizes, e isso não é uma verdade, eu diria até que é uma contra verdade. Riqueza atrai falsos amores, falsas amizades, e afasta os verdadeiros amigos que não querem ser vistos como aproveitadores. 

Riqueza trás ansiedade com a possibilidade da perda, maus olhados, inveja que é uma poderosa força espiritual e que atrapalha muito. 

A riqueza é uma missão, um talento que Deus lhe deu para auxiliar o progresso da humanidade e sua posse longe está de ser um privilégio do ponto de vista espiritual, sendo antes uma dura prova, muito difícil de transpor e ser bem sucedido, e uma difícil missão. Gerir esse empréstimo de Deus é sempre um terrível desafio, e manter o equilíbrio e o bom senso diante dessa grande tentação , também.

Não foi sem justa razão que Jesus declarou ser mais fácil passar um camelo pelo fundo de uma agulha (Passagem estreita nos castelos) do que um rico entrar no Reino dos céus.

É uma prova que se mal sucedida levará o postulante para o caminho largo da perdição, onde ele terá que suportar duras provas no futuro para recobrar a senda do progresso novamente.



67 comentários:

  1. Você sabe que o deus que o Gasparetto fala não é o mesmo deus que estamos acostumados a crer?

    Não fale que o Gasparetto pirou, porque ele é muito mais lucido do que muita gente que está na terra.

    Tudo o que ele quer é ensinar as pessoas a se desprender de tudo que nos é ensinado de forma errada. Como condenar o dinheiro e as pessoas ricas, principalmente o povo brasileiro, que tem a mente fechada pela educação e cultura, incluindo a religião, que nos faz muito mal. Você tirou tudo do contexto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. concordo...distorceu tudo... ctz q é "espirita" acham que passar fome é "divino"...q há valor em "passar necessidade"..isso é crença na dificuldade".. acaso vc tem olhado os milionários do planeta, aspessoas q tem prosperidade financeira?? acaso vc acha q seu deus deu isso pra elas se desenvolverem espiritualmente? existem certas leis..e essas pessoas tem crença na riqueza... são ricas interiormente, pode apresentar "defeitos" de carater, mas elas te uma riqueza interior que elas projetam no mundo... quem dera eu fosse como elas.. mas ainda pretendo chegar la... pare de falso moralismoo...

      Excluir
    2. Prezado amigo.
      A crença em Deus é uma questão de inteligência. Não de fé. Se Deus não existisse, nós como vida no planeta terra não existiríamos. Foi necessário inteligência e poder. Já quanto ao ter ou não ter é uma questão de estratégia para o aperfeiçoamento que é a nossa finalidade primeira na terra. Se a sabedoria universal entender que ter dinheiro é necessário para o seu aprendizado, você o atingirá para sua desgraça ou sua felicidade. As vezes a desgraça é necessária para que possamos aprender, e por isso ela nos é permitida as vezes construida por nossas próprias mãos. É importante que se saiba que nós temos um poder. É verdade. A nossa mente é poder, mas devemos ter cuidado com o que queremos porque podemos conseguir. Um pai não dá ao filho uma serpente. Você não daria ao seu filho de cinco anos uma FERRARI que atinge 300 kilometros por hora. Porquê? Assim Deus também não nos dá tudo porque " ELE SABE O QUE É MELHOR PARA NÓS", mas se você quer conseguir a qualquer preço, talvez ele o deixe possuir para sua ruína. Ai talvez você aprenda a querer o certo. Talvez você aprenda que a finalidade da vida não é a riqueza nem o poder nem o "BEM ESTAR", e é antes de tudo a iluminação, a perfeição, a evolução, é tudo a mesma coisa, porque a nossa verdadeira vida não é aqui na terra onde iremos passar mesmo com toda a força do pensamento. A verdadeira vida é lá no mundo espiritual.

      Excluir
    3. A religião decorre da necessidade do homem de se RELIGAR com Deus partindo do pressuposto de que o homem se desligou de Deus por causa do pecado original, mas na verdade o homem não se desliga de Deus. Deus habita dentro de nós, e nos ouve todo o tempo. É só parar fazer silêncio e dialogar com ele. Se você busca outro caminho que não DEUS, você está no caminho errado que irá te conduzir à loucura e à falta de PAZ. Porque a verdadeira paz não é a que o MUNDO te oferece. Bonita por fora mas podre por dentro. A verdadeira paz só pode ser encontrada em JESUS, e sem essa paz, creia-me, toda a fortuna e toda a beleza do mundo não servem para nada. Repetindo as palavras do mestre. "DE QUE VALE GANHAR O MUNDO INTEIRO E PERDER A SUA ALMA?". Para pensar.

      Excluir
  2. Gostei muito de suas palavras, creio verdadeiramente no que voce disse, gosto e respeito muito Gasparetto, não ouvi a tal palestra em questão, mas devo dizer que minha sabedoria não permite que eu entenda o que Gasparetto quiz dizer.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todos podem ouvir muitas das palestras do Gasparetto procurando no YouTube. Lá encontrarão as palestras em que ele claramente renega a figura de Deus, imita o Bezerra de Menezes, de forma discriminatória, práticamente renegando a sua formação Kardecista. Esses são sianis evidentes de desequilíbrio e falsa orientação. Sinto-me portanto no dever de aleratar as pessoas porque podem ser induzidas a não crer em deus e nesse ponto estarão sendo cegos guiados por cegos. ambos terminarão caindo no abismo.(E que não seja o abismo bíblico porque é tenebroso) Mas Deus é compassivo e longânimo e irá compreender.

      Excluir
  3. Entendo que muitas pessoas que gostam do Gasparetto, como até eu gosto não entendam a minha posição, mas vejo que o Gasparetto está com uma orientação que diverge dos princípios fundamentais dos espíritos venerandos que influenciaram o Cristianismo, e dentro desse patamar eu apenas passei a minha posição. Reconheço no entanto o excelenbte trabalho que ele tem feito, o que muito o elogio, mas permita-me discordar de suas posições, particularmente quanto à crença em Deus, o culto ao dinheiro e certas críticas a manifestação de alguns renomados espiritos como Bezerra de Menenezes por exemplo. (IMITADO mas Não CITADO)

    ResponderExcluir
  4. Prezado amigo, como vai? Deus criou o homem e o homem criou a religião e inventou as regras. Certa vez perguntaram a Confucio: Devemos pagar o mal com mal ou com bemw Ele respondeu que o mal e o bem se pagam com justiça. C0ncordo com a Mariane, o Gasparetto é influenciado pelo Novo Pensamento, filosofia pragmatica que influenciada pelo mentalismo e o protestantismo. Já que estamos na terra então devemos pegar as dadivas de Deus e prosperar e tbm, nos ajudar a repensar a orientação hipócrita do catolicismo que devemos ser humildes e pobres, fonte do nosso complexo de vira-latas. Reveja sua visão de negação da riqueza. Pobreza não foi inventada por Deus, pobreza é uma doença social da humanidade. Um abraço e boa sorte.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Gasparetto criou uma didatica de auto-ajuda que tem como foco pessoas com problemas de auto-estima (publico dele). Ele faz muiiiiito bem esse trabalho. Nossa orientação cultutal e religiosa, como brasileiros é desprezar a riqueza e os ricos, o que eles faz com suas declarações eh quebrar esses paradigmas para repensarmos essa educação limitadora que recebemos. Abs

      Excluir
    2. Prezado amigo:
      Eu não estou negando a Riqueza. Apenas dando-lhe o seu devido valor. O valor da Riqueza é um mero detalhe. Porque se hoje você é rico e feliz, amanhã poderá ser infeliz mesmo rico ou feliz pobre. Tudo não passa de ilusão. Um mero detalhe.

      Excluir
    3. Prezado
      O Kardecismo não condena a busca da riqueza. Isso faz parte da evolução do ser humano. Falo Kardecismo pois é a maior crítica do Gasparetto, que se revoltou porque o Kardecismo não lhe permitia explorar a mediunidade. As religiões são um caso à parte. O importante é o coração e seguir a Jesus. Jesus não instituiu nenhuma Religião, mas tão sómente o AMOR ao próximo.

      Excluir
  5. Prezados amigos:
    Acho o trabalho do Gasparetto muito bom e devo lhe elogiar pelo imenso legado de serviços prestados ao espiritualismo. Não específicamente ào espiritismo do qual ele mesmo confessa ter se desligado, mas isso na verdade não importa. Acho no entanto equivocado o seu pensamento quando renega Deus. E quando valoriza a riqueza material. Como já disse. A vida passa em um piscar de olhos e o que levamos dessa vida não será os bens materiais, mas senão a nossa verdadeira riqueza. Mas eu nãosou contra a riqueza. Eu também gosto de dinheiro, e trabalho para consegui-lo, porque eu ainda não atingi a iluminação de um BUDHA ou GHANDI ou São Francisco de Assis (Todos pobres) mas iluminadissimos. Só não posso dar à riqueza um valor que ela não tem, porque as melhores coisas da vida, (O AMOR, A FELICIDADE, O AR QUE SE RESPIRA) Essas coisas o dinheiro não compra.

    ResponderExcluir
  6. Prezados,amigos que analiticamente, não entenderam que Luiz Gasparetto quer que em nossa existência seja ela breve ou longinqua, sejamos felizes durante esse presente que nos foi dado por Deus que é a vida.........acredito que quando nascemos recebemos de Deus um lindo baú...cheio de pedras preciosas muitas..muitas a cada dez anos um exemplo...daria 3650 pedras , todos os dias Deus nos dá uma pedra....preciosa....brilhante, para fazermos oque quisermos com esse presente...e desfrutarmos dele sendo inteligentes...ajudando ao próximo sim...mas sem deixar que aquilo nos deixe inundados, passar pelas adversidades com esperança, fé..e a certeza que tudo passa..... Uberlândia Mg.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com tudo em gênero, número e grau e reconheço que o Gasparetto tem prestado excelentes serviços, inestimáveis mesmo, mas quando se lida com espiritualidade há um campo muito perigoso a ser percorrido, onde se pode às vezes se enganar e seguir uma trilha que irá dar em nada ou em algo ruim. Para que o caminho em se tratando de espiritualidade seja seguro, é preciso ter como meta JESUS. Por isso as palavras dele "EU SOU O CAMINHO, A VERDADE E A VIDA. NINGUÉM VEM AO PAI SENÃO POR MIM". Dentro desse princípio tudo o que se afasta de Jesus posso te assegurar irá ser uma furada, e o preço a se pagar é muito alto.

      Excluir
    2. A tempo: Jesus é o intermediário de Deus para o planeta Terra. Ele é como se fosse o próprio Deus. O que não falta no mundo espiritual é espirito querendo nos levar para caminhos obscuros. O cuidado ai e o porto seguro é caminhar com Jesus.

      Excluir
  7. Compreendo sua forma de pensar, mas acredito que aqui na Terra precisamos de dinheiro para realização da nossa alma oque nos da prazer,fala que riqueza não e importante para as pessoas que passam fome na Africa e morrem a cada dia......

    ResponderExcluir
  8. O Gasparetto tem 1 modo todo dele de despertar,acordar as pessoas para o seu melhor nesta vida, onde nós temos responsabilidade de fazermos o melhor, de nos cuidarmos...e Tudo no Universo que Deus criou´é para nós, o dinheiro e um meio. Mas ainda que ele estivesse "louco", o que parece longe de ser, seria por perder a razão...e ele não pode ser rotulado, julgado, criticado por expor seus conceitos. Ele NÃO diz que temos que ser ricos a qualquer custo, fazendo coisas que não gostamos, coisas que vão de encontro com nossa alma...ele NÃO diz pra que se venda a alma pro diabo por "falsas moedas"...mas desperta que sendo nós mesmos, somos capazes de ter uma vida digna, ajudando a nós mesmos e aqueles que ainda não despertaram para o que são e sua capacidade, tipo: preciso de um ar condicionado porque ta um calor insuportável...ao invés de pedir a Deus que venha alguem pra comprar pra mim, eu mesmo tenho capacidade de comprar...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É importante destacar que procurar os bens materiais não é errado, nem buscar uma melhoria de vida. Isso faz parte da vida e a riqueza, e os bens materiais estão ai para serem buscados, pois isso faz parte da evolução. Se não existisse não nos forçaria a evoluir no sentido do conhecimento, entretanto é importante que possamos dar o devido valor a isso, pois é um valor transitório e relativo. O meu posicionamento contra o Gasparetto é o de que ele tendo uma origem Kardecista, procurou em sua palestra dar um enfoque demasiadamente importante ao dinheiro e chegou até mesmo a renegar a Deus como uma espécie de crença "SEM SENTIDO". Ai nesse ponto ele extrapolou e se colocou contra a orientação espiritual maior dos espíritos iluminados que gerem esse planeta.

      Excluir
  9. Respeito sua opinião ao assunto em questão, porem sua interpretação é de acordo com suas crenças, de acordo com o que você acredita. Quando vamos expor algum assunto para o conhecimento do público, não é necessário citarmos nomes de terceiros, afinal se acreditamos no que escrevemos, apenas transmitimos nosso conhecimento. E o fato de escrever para você nem é somente porque gosto do Gasparetto, mas porque o conteudo que ele aborda nas palestras é lógico, basta assumirmos nossos defeitos, reduzirmos nosso orgulho, resistências e querermos melhorar, que nossa razão nos alerta e a inteligência que habita em nós, falará mais alto! Afinal o que não é bom para nós, basta ignorarmos! Flávia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo em gênero, número e grau. As mensagens de Gasparetto são muito boas, independentemente de um relativo destempero no falar, e são muito reveladoras e muito apropriadas. Ele mistura conhecimentos da sua especialidade que é psicologia com a sua visão e sensibilidade espiritual para ajudar as pessoas. Até ai tudo bem, entretanto ele é uma pessoa pública. Quando se é público não se pode reivindicar o direito de não ser citado, pois a sua imagem passa a ser do domínio público. A matéria apenas aborda uma total distorção no princípio espiriual, o que pode levar as pessoas ao engano. Se uma pessoa acredita que o que vale em um ser humano é o dinheiro e a beleza, está se pautando por um princípio falso que eu me julgo no dever de desmistificar. Só isso, mas isso não invalida o trabalho e a importante contribuição que Gasparetto dá e deu ao movimento espiritualista no Brasil, e a rigor eu também gosto dele.

      Excluir
  10. Melhor um rico infeliz que um pobre infeliz (pois este ultimo tem 2 problemas....)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu amigo
      Temos nas escrituras o caso do Rico que tendo grandes haveres pensou em usufruir dos mesmos construindo celeiros para armazenar seus grãos e comer e beber e gozar, quando uma voz lhe disse. Imprudente! Amanhã pedirão a sua alma, e o que tens para o que servirá? Em verdade te digo que és um POBRE, DESGRAÇADO, CEGO E NU. O que importa para nós e a vida no mundo espiritual que é onde passaremos a eternidade. Os tesouro desse mundo são um empréstimo de Deus para que façamos uma boa gestão não em proveito próprio, mas para exercermos o dom de ajudar, de amar e de fazer o bem. Não precisa ser dando gratuitamente o que temos, mas empregando a riqueza para o bem da humanidade, deforma a contribuir com o seu aprimoramento, criando empregos, criando mais bem. Como diz o mestre, devemos armazenar nossos tesouros no céu, e não na terra onde a traça corrói e onde os ladrões nos roubam. Porque os tesouros da terra nós não levareos conosco.

      Excluir
  11. Voce usou o Gasparetto para promover sua materia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado amigo.
      Sou um admirador do Luiz Gasparetto, e reconheço que ele tem um legado importante de serviços prestados à causa espiritual, entretanto, quando se tem um dom mediúnico como o que lhe é atribuído, é necessário pautar-se por uma conduta correta. O que ocorre com ele é o mesmo que já ocorreu com um sem número de médiuns. Ele se deixou levar pela fama e dinheiro. Quando isso ocorre, os espíritos iluminados que o iriam iluminar, afastam-se, pois eles não admitem serem usados para a promoção pessoal e para a riqueza, ou seja para que o médium possa usufruir do dom mediúnico em proveito próprio. A partir desse momento outros espíritos de categoria mais apropriada com o seu pensamento e com as suas atitudes aproximam-se e passam a influencia-lo. Ele continua sendo médium, mas o seu acompanhamento espiritual muda e se torna de uma categoria não tão iluminada e não tão elevada. É um processo não instantâneo, pois a principio eles dão umas chances para que o médium se ajuste, mas com o passar do tempo eles irão se afastando e em seu lugar outros irão chegando, mais sintonizados com a sua postura. O fim costuma não ser dos melhores. O maior exemplo de conduta correta é o caso de Chico Xavier que nunca se deixou comprometer com a riqueza e com a fama. O caso também de Divaldo Franco é emblemático.

      Excluir
  12. Concordo plenamente com opinião da filosofiaetecnologia. Impressionante como as pessoas são persuadidas pelo Gasparetto como eu já fui um dia, mas não dá para aceitar uma filosofia agressiva e materialista. Fui a uma palestra dele no suntuoso teatro dele no Ipiranga, lotadíssimo, com a presença de muitas crianças e ele falando um monte de plavrões, que espiritualidade é esta. Eu tinha um monte de material dele, fitas livros etc, sabe o que eu fiz: joguei no lixo, literalmente. "Não dá para servir a Deus e a Mamon" e quando ele desceu a lenha no governador de São Paulo pela aprovação da lei contra os fumantes em locais públicos, isto foi na rádio mundial, porque ele é um fumante inveterado e as pessoas acham lindo, maravilhoso porque ele assume, fala na lata, grande coisa, não vejo virtude nenhuma no que ele defende, meu Deus totalmente contra a educação, sou professor e jamais ensinaria aos meus alunos os princípios dele. Olha que já fui um fã dele, o admirava muito, mas não dá para fazer vista grossa e aceitar os seus conceitos: "A vida te trata como você se trata", "você está onde você se põe" "eu estou em primeiro lugar, o primeiro da fila", e na concepção dele não é egoísmo, não sei o que é então.. Eu também pensava: é uma maneira de pensar dele, é diferente, mas se analisarmos melhor descobrimos que não é nada disto. Ele não recebe mais nenhum espírito de escol, é só o calunga que eu não vejo evolução nele não. Ele não recebe um Dr. Bezerra de Menezes, Viana de Carvalho entre tantos outros espíritos de escol.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que V.S. afirma é uma confirmação do que eu já suspeitava. Ao afastar-se dos espíritos de luz, Gasparetto está agora a braços com os seus novos amigos espirituais, que provavelmente o estão enredando em uma rede de desequilíbrio. Eu espero que ele ainda tenha tempo para recobrar o equilíbrio pois a sua contribuição para o movimento espiritualista é relevante, o que lhe pode proporcionar os méritos para essa reconstrução.

      Excluir
  13. se cada ser humano na terra parasse de julgar o outro tentasse ajudar as outras pessoas igual o Gasparetto O mundo estaria muito melhor...

    ResponderExcluir
  14. Eu gosto muito do Gaspretto e digo que o trabalho que ele desenvolveu em favor da causa ESPIRITUALISTA continua válido e foi muito bom. Só não posso concordar e ai sinto-me no dever de contraria-lo públicamente quando se insinua a DESCRENÇA EM DEUS, o desmerecimento de figuras notórias como BEZERRA DE MENEZES e a exaltação do dinheiro. Ai é um des-serviço à causa ESPIRITUALISTA e pode induzir muitas pessoas à ruina com consequências lamentáveis.

    ResponderExcluir
  15. Anônimo deixou um novo comentário sobre a sua postagem "O LUIZ GASPARETTO PIROU.":

    concordo...distorceu tudo... ctz q é "espirita" acham que passar fome é "divino"...q há valor em "passar necessidade"..isso é crença na dificuldade".. acaso vc tem olhado os milionários do planeta, aspessoas q tem prosperidade financeira?? acaso vc acha q seu deus deu isso pra elas se desenvolverem espiritualmente? existem certas leis..e essas pessoas tem crença na riqueza... são ricas interiormente, pode apresentar "defeitos" de carater, mas elas te uma riqueza interior que elas projetam no mundo... quem dera eu fosse como elas.. mas ainda pretendo chegar la... pare de falso moralismoo...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deus dá a cada um o necessário para o seu aprendizado na busca da perfeição. Para uns é necessário a pobreza. Para outros a Riqueza. O que você faz hoje molda o seu futuro nessa e em outra vida. Portanto você só vai atingir a riqueza se merecer, se buscar, o que é perfeitamente lícito, mas tenha tranquilidade, pois só irás usufruir dela se mereceres.
      Riqueza não traz felicidade, mas atrai muitos falsos amigos, falsos amores e é amiga da INFELICIDADE. Faça uma pesquisa e irás ver quantos ricos acabaram se matando.
      ABRAÇO, FELICIDADE E ILUMINAÇÃO

      Excluir
  16. Não troco a filosofia do Gaspa por nenhuma outra hoje em dia, pois a dele é funcional! Mostra efetividade!
    Esqueçam tudo o que estão acostumados a ouvir da cultura e religião, é tudo balela! Gasparetto é vanguarda!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado amigo
      Últimamente tenho me preocupado em ouvir as palestras do Gasparetto. A que me motivou a escrever a matéria foi uma especifica. Confesso que fiquei chocado com o que ouvi, mas ouvi uma outra do Calunga que me deixou maravilhado. Foi uma palestra do Calunga com o sotaque do próprio. Sabedoria pura. Já uma outra do Gasparetto positivamente, sr formos seguir as instruções do "livro dos mediuns" do Alan Kardec, instruções essas passadas pelos espíritos venerandos, veremos que Gasparetto não merece Credibilidade plena. Suas explosões emocionais eivadas de palavrões não são um exemplo de palavrões não são um bomexemplo de clarividencia sã. Isso não quer dizer que o que afirme seja errado, mas não pode ser tomado como uma verdade final e irreparável. E antes de mais nada uma opinião.

      Excluir
    2. As únicas coisas que não gosto no Gasparetto são : O modo grosseiro com que trata as pessoas, sem motivo algum (Inclusive, fui ao antigo programa que ele tinha na tv para conversar no ar com ele e depois a gravação foi cancelada sem explicações e alem de não receber orientação dele, ainda perdi meu dia de serviço,pois tive de pedir licença do trabalho pra ir lá). E esses "espíritos" que ele diz receber, não acredito que sejam reais, ele é muito inteligente para criar personagens. Ela fala muitas verdades sim, mas por trás de muitos equívicos.

      Excluir
  17. Nunca li tanta baboseira, Gasparetto é ensinamento para quem já tem um grau de consciência elevado, não adianta ensinar quem não quer aprender. Quem pensa dessa forma limitada, não entende nem um 1/3 do que o Gasparetto nos passa, eu sou grata a tudo que ele diz, absorvo com muita alegria todos os ensinamentos, tenho colocado em prática e sentido a diferença, esse lenga lenga religioso ai, do autor do texto, só mostra o quanto ainda está longe de se conhecer e se amar, se valorizar, precisa se achar vítima do mundo e se agarrar ao papai que castiga e dá quando quer. Apesar de conhecer os ensinamentos do Gaspa, e SABER MUITO BEM, que ele não precisa ser defendido, eu estou ao lado dele, e ao lado dos que sabem ouvir o que ele tem a dizer.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Existe muito perigo na fascinação. Alguém chega com o carisma que lhe e peculiar e começa a argumentar seguidores que sempre irão haver. Muitos já surgiram e o Gasparetto não e o primeiro. Para se colocar a salvo dessas ARMADILHAS há necessidade se se ter um princípio e esse princípio e Jesus. Não foi sem justa razão que ele disse EU SOU O CAMINHO A VERDADE E A LUZ? NINGUÉM VEM AO PAI SENÃO POR MIM. Portanto dentro dessa realidade, tudo que fugir de Jesus e furada. Abre teu olho meu IRMÃO.

      Excluir
  18. Complementando:
    O Kardecismo e totalmente Cristão e por isso e uma doutrina verdadeira. GASPARETTO não se encantou nela. Até aí tudo bem. O que não devia e crítica-la principalmente porque já comeu nesse prato. Se quer cobrar pela mediocridade e acha que sua consciência não vai lhe condenar, tudo bem, mas descrer de Deus aí e forte.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Corrigindo o texto acima. Não quis dizer mediocridade, e sim "MEDIUNIDADE". Esses smartphones às vezes traem-nos mudando as palavras que escrevemos.

      Excluir
  19. meus caros!! a questão principal é a seguinte. O que realmente funciona e não funciona. O que tá dando certo para as pessoas se sentirem melhor. Que história é essa de seguir livros de Alan ou outro livro qlqer, achei esse pensamento um tanto estreito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado amigo.
      O que recomendo não é seguir livros do Allan Kardeck, e sim seguir a JESUS. Se você segue Jesus, você está no caminho certo, seja você de qualquer religião, inclusive Kardecista. Já se você não segue Jesus, está no caminho da loucura. Sinta-se bem ou mal. Seu final sempre será o da loucura. Dúvidas? Consulte a história.

      Excluir
    2. Ha!! Observação!! Temos muitas revelações vindas do mundo espiritual que nos são passadas por médiuns, agora e sempre. A mais antiga revelação é a Bíblia. (Se foi deturpada ou alterada, isso não lhe retira credibilidade, e lá estão muitas informações importantes passadas por profetas que eram médiuns inspirados da parte de Deus.) Modernamente o livro que tem mais credibilidade vindo do mundo espiritual é o "LIVRO DOS ESPÍRITOS" que foi encabeçado por uma falange espiritual do ESPÍRITO DA VERDADE, prometido por Jesus. Essas informações são o que temos de maior credibilidade no momento, não só pela sua perfeição, como também porque é a resposta inquestionável para as indagações do homem em todos os tempos. DE ONDE VIEMOS, PARA ONDE VAMOS, PORQUE SOFREMOS, O QUE ESTAMOS FAZENDO AQUI, PORQUE DEUS PERMITE QUE SOFRAMOS, PORQUE UNS SÃO RICOS, OUTROS POBRES etc... O que Gasparetto coloca é que tudo depende da nossa vontade. Isso é uma verdade parcial. Uma pessoa que nasce tetraplégica e pobre não conseguirá enriquecer por melhor que seja sua cabeça. Todos nós temos um componente que os Orientais chamam de KARMA, e que está relacionado às nossas dívidas de outras vidas. A verdade é que construímos hoje o nosso futuro. Nosso grande desafio na trajetória de todas as nossas vidas aqui e no mundo espiritual é aprender a AMAR. Fazendo isso estaremos bem, mas não é fácil.

      Excluir
  20. Eu pessoalmente entendo o que ele descreve,mas o motivo maior destes episodios que aparentemente vcs chamam de loucura e chamo de discernimento ; ele escolheu ser uma pessoa que chama as outram a pensarem e raciocinarem o que todos chamam de mediunidade e espiritualidade,daí a causa da polemica nem todos gostam DE SE EXPLICAR,CERTO!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não chamei de loucura e não é o que eu quiz dizer. Cada um tem o direito de ter a sua opinião e nem por isso será louco. Eu só acho o pensamento de que o dinheiro é muito importante é um pensamento imaturo. Mas ele tem o direito de ter esse pensamento. Provávelmente irá levar muito tempo ainda para concluir que o dinheiro não compra a felicidade, não compra o amor, não compra o respeito, enfim o dinheiro não compra nada que é relamente importante e valioso. Não compra nem o ar que você respira. O dinheiro só compra bugingangas que depois serão deixadas todas por ai e não acrescentarão uma virgula à sua felicidade madura. E quando você irá deixar todas essas bugingangas por ai? Pode ser amanhã ou daqui a um minuto. Você não tem condição de saber. Temos que ter a consciência de que nós não somos como seres encarnados absolutamente nada. Somos como a chama de uma vela que se apaga com um sopro.

      Excluir
  21. Lamentável ver um texto gigante deste que nao ajuda ninguém quando tira a possibilidade das pessoas almejarem a abundância. Desculpe mas você nao expos seu ponto de vista, você atacou uma pessoa isso nao esta de acordo com os mandamentos de Deus ou de Jesus. E certo o que acontece na Índia, na África? E isso que devemos aceitar no mundo? Exponha seus pontos de vista sem criticar ninguém. Foi isso que Jesus fez. Na çruz ele nao pediu ao pai que perdoassem os ignorantes? Se discorda, perpetua sua crença. Desvirtuou tudo que o gasparetto tem dito, e para mim na verdade só quis critica.ló. Ter seu ponto de vista e permitido e louvável mas deve ter respeito aos demais. Como pode ser possível alguém achar que e divino, ou vem do pai, passar fome, escravizar crianças, isso advém do mundo que nao se admite anu dançai financeira e que perpetua a revolta com aqueles que tem dinheiro. E dai vem a vingancas, os crimes, o direito de achar que o outro nao pode ter o que tem. Você devia repensar sobre este texto porque no final esta PERPETUANDO a revolta das pessoas com seus iguais!! E isso que estamos vendo na rua todo dia, isso que gera o crime,o vandalismo!! Lamentável!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado amigo. Vejo que o Luiz Gasparetto prestou e presta um excelente serviço no campo da psicologia, quando induz a auto-estima, apenas temos divergência de valores principalmente em relação à matéria. Entendo que é perigoso pensar que o dinheiro pode ser produtor de felicidade, quando a vida nos mostra o contrário. São exatamente os ricos os mais infelizes. Só isso. Tirando a questão de valores relativos à Matéria, o resto é perfeito.
      Felicidades.

      Excluir
  22. Eu adoro o Gasparetto, acho que ele presta um ótimo serviço a humanidade devido ao seu conhecimento, mas quando se toca no assunto de Deus e desigualdades sociais, aí complica mesmo, cria polêmica, já assisti várias palestras dele pela net, adorei, mas quando ele fala de espiritualidade, eu respeito pois é uma questão de crença e isto não se discute. O dinheiro é bom e necessário, desde que não façamos dele um Deus, desde que não nos tornemos escravos dele. Feliz mesmo é quem conquista o que o dinheiro não compra.

    ResponderExcluir
  23. Bom,,, se o Gasparetto piorou,, entao neste momento prefiro estar ao lado do pior,
    Porque frequentei a Federação espirita de Sao Paulo, e outros centros e so me ferrei, so ouvi babozeira, vi gente sem nenhuma estrutura colocando a mao em nossas cabeças, pessoas e tinha mais problemas que eu.Ai resolvi, me dar valor e seguir o Gasparetto, estou bem neste momento, e vejo a vida de outra forma, prefiro assim, Sei que cada um tem sua opiniao, e respeito a de todos,, Mas julgar uma pessoa e muito ruim,, Quem pode dizer que ele piorou ou nao,, Na minha opiniao nao seria somente Deus?? sei la...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ROSELI TO COM VC,AMO DE PAIXÃO O TIO,OUÇO NO PODCAST DA MUNDIAL OS PROGRAMAS DE AUTOESTIMA E SOU BEM FELIZ Á 16 ANOS

      Excluir
    2. Espiritos iluminados falam pouco, jamais se contradizem e sua mensagem é profunda. Falam sempre em nome de Deus, pois estão sintonizados com Deus. Espíritos que carecem de iluminação podem falar muitas coisas corretas e verdadeiras, mas se traem a mais das vezes quando demonstram certos desequilíbrios característicos dos seres humanos, como exaltação, palavras de baixo calão, desmerecimento a outros espíritos ou pessoas, como eu por exemplo, pois não sou iluminado.

      Excluir
  24. bem, o Gaspar às vezes se contradiz, o q é normal pra um humano. Mas eu tive uma melhora de 180 graus na minha vida ouvindo ele. O q é q eu vou dizer?!
    Se funciona, eu sigo.

    Essa ideia de q riqueza é passageira é verdade, ué, tudo passa. Mas enquanto ela está aqui ela é maravilhosa! Pergunte pra Madre Tereza de Calcutá o q ela teria feito de bom com os pobres sem dinheiro!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A riqueza é importante. eu não a condeno, mas ela tem um valor relativo e não absoluto. Só isso.

      Excluir
  25. o Gasparetto na minha vida foi muito bom , eu apendi muitas coisas com ele. houve uma grande reforma interior. to com o Gaspa, se ele diz q é deve ser. se vc nao entendeu é pq nao era o mamento. muitas coisas ele fala na hora eu nao concordo mas com o tempo eu vejo q ele tinha razao. igual filho adolescente, os pais falam e eles acham q os pais nao sabe nada . depois quando fica mais velho diz q os pais tinha razao.

    ResponderExcluir
  26. O DEUS QUE CRIOU OS CÉUS E A TERRA SE CHAMA JEOVÁ, O DEUS DO OURO E DA PRATA, A RIQUEZA NÃO É CONDENÁVEL AOS OLHOS DE DEUS.OS RICOS NOS ABRE AS PORTAS DO EMPREGO, AJUDA A SOCIEDADE A CRERCER FINANCEIRAMENTE, FOI DADO A ELES O DOM DA PROSPERIDADE.ESTA BENÇÃO FOI DADO A SALOMÃO TAMBÉM,FOI O PRÓPRIO DEUS QUE DEUSUEM DEU A ELE.MAS NÃO PODE AMAR O DINHEIRO MAIS DO QUE DEUS .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo na vida tem uma finalidade. Nada é por acaso, e cada um tem exatamento aquilo que necessita para o seu crescimento. Cabe a cada um aproveitar as oportunidades. Por isso a riqueza só é dada a quem tem que ser dada. Se não é para ter, não se deve busca-la de qualquer forma. Tudo acontece no momento e na hora certa.

      Excluir
  27. O DOM DA PROSPERIDADE FOI DADO POR DEUS JEOVÁ ,ELE DEU ESTE DOM AO REI SALOMÃO,TODOS OS HOMENS DE DEUS ERAM PRÓSPERO COMO ABRAÃO,ISAQUE JACÓ.MAS NÃO PODEMOS AMAR O DINHEIRO MAIS DO QUE O PRÓPRIO DEUS.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo nos é dados por Deus. Da saúde à riqueza, passando pela beleza e também a mediunidade. São os talentos. O uso que iremos fazer de tudo isso, nos irá credenciar para que na próxima vida possamos receber isso e ou muito mais. Como diz a passagem bíblica dos talentos. A aquele que tem mais lhe será dado, e ao que pouco tem, até o que tem lhe será tirado, ou Se a sua visão lhe escandalizar, melhor seria que arrancasse o seu olho e o atirasse fora, porque é melhor um cego entrar no reino dos céus do que tendo visão ir parar nos infernos. São regiões do mundo espiritual, embora não necessariamente iguais ao que essa conotação quis expressar.

      Excluir
  28. Gosto muito do Gasparetto, que acho um homem muito inteligente e bem preparado, com uma cultura e sabedoria muito vastas. Geralmente concordo com tudo o que ele diz porque são ensinamentos muito úteis conseguidos através de muito trabalho, muita refflexão e experiência de vida e de estudo. É normal que nem toda a gente concorde com ele, com o que ele diz ou faz, mas isso não invalida a riqueza de conhecimentos e dons que ele possui. Adoro o bom humor dele, a sua postura nas palestras e toda a grande capacidade de comunicação que tem. É evidente que ser-se muito rico e poderoso é bom, é óptimo, se assim não fosse não haveria tanta corrupção nem os políticos enganavam e roubavam o povo como fazem. Pode-se viver com menos, é verdade, mas ser-se pobre é horrível e sofre-se por demais. O dinheiro dá poder e felicidade, portanto eu sou a favor do dinheiro e da riqueza quando bem utilizados e de forma honesta.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todos os espíritos tem que passar pela prova da riqueza e da pobreza, assim como da beleza. Riqueza e beleza são as piores provas para atingir o objetivo da perfeição. Não foi sem justa razão que Jesus disse ser mais fácil um camelo passar pelo fundo de uma agulha que um rico entrar no Reinos dos céus. Entretanto não é pecado ser rico. É pecado utilizar a riqueza sómente para satisfação do ego. Tudo o que nos é dado desde a Saúde até os recursos materiais, nos serão cobrados. Setivermos feito mau uso, teremos depois que pagar o preço desse mau uso.

      Excluir
  29. Boa tarde!
    Gostaria de saber a fonte (palestra, áudio, etc) onde o Gasparetto fala o que foi afirmado no texto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado amigo
      A maioria das palestras de Gasparetto podem ser vistas e ou assistidas pelo YOUTUBE. Tenho certeza que se eu fizer uma pesquisa encontrarei essa palestra onde ele imita o espírito Bezerra de Menezes de forma crítica a querer denegrir seus ensinamentos imitando o sotaque que já vimos em manifestações quando esse espírito se manifesta em Divaldo Pereira Franco. A questão é que Gasparetto começou sua trajetória no Espiritismo Kardecista, como médium excepcional que é. Entretanto o Kardecismo é uma doutrina que defende a tese de que os serviços mediúnicos devem ser praticados gratuitamente como forma de caridade, porque são dons concedidos objetivando a prática da caridade que como caridade não devem ser cobrados. Os ganhos dessa forma seriam de natureza espiritual, mas nunca de natureza material. Gasparetto entretanto parece-nos que foi seduzido pelo lucro fácil que o exercício da mediunidade pode proporcionar. Dessa forma Gasparetto afastou-se da orientação Kardecista e segue uma linha toda própria de pensamento. A questão de ser ou não cobrados os serviços mediúnicos é uma questão polêmica que não encontra adeptos integralmente em todos os segmentos ligados a essa prática, mas o Kardecismo informa que os espíritos iluminados não aceitam participar das atividades mediúnicas que visem o lucro do seu praticante, dessa forma se esses não participam, sempre existirão outros espíritos com menos iluminação que irão aceitar participar dessa prática, tomando o lugar dos primeiros, que irão então se afastar. Ao se assistir as palestras de Gasparetto, percebe-se claramente que sua linha de influência não é das mais iluminadas, porque ele faz uso de expressões chulas e porque não dizer "palavrões" o que não é uma característica dos espíritos de elevada luminosidade. (PELOS SEUS FRUTOS OS CONHECEREIS.)

      Excluir
  30. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. RECEBI UM EMAIL (De alguém que não quis postar aqui para não prestigiar o blog.) Mas eu respondi e transcrevi o Email e a resposta.) Porque pode servir para muita gente.

      RESPOSTA
      Quanto a sentir o amago do meu ser, é uma tarefa que eu tenho tentado, com algum sucesso e com outros fracassos. É tarefa para uma vida, ou várias vidas.
      Não estou preocupado em contrariar algum livro, pois se eu sou Kardecista como você afirma não tenho essa preocupação. Estou preocupado em não contrariar a verdade, ou pelo menos o que eu penso ser a verdade.
      Você fala da Bíblia como se quem fosse agarrado a ela fosse fanático. Provávelmente não conhece a Bíblia, porque se conhecesse, veria que é fonte de grande sabedoria, e lá dentro encontraria talvez felicidade, caminho, verdade e vida. Não com fanatismo. Os fanaticos talvez o sejam porque beberam ávidamente desse manancial e perderam o sentido de realidade. Você deveria pelo menos respeitar o que não conhece, porque depois pode se dar que depois de muito bater com a cabeça, você acabe encontrando na Bíblia o sentido da sua vida e depois vai se arrepender chorando do que falou. Isso não acontece todos os dias? Você mesmo já deve ter conhecido alguém. Não o condene. Você não tem idéia do que ele sentiu.
      Essa história de que Doutrinas entorpecentes causam dependência é a mesma tese do Stalin que quis proibir a religião na Russia. Não conseguiu. Já observou que todos os povos do mundo desde os mais primitivos tem alguma religião? É uma necessidade inconsciente, porque o nosso inconsciente tem a exata noção da divindade.
      O Gasparetto é um hábil psicologo e também um médium. Une as duas habilidades e de fato ajuda muita gente. Entretanto falta-lhe exatamente a parte que o fez chegar onde chegou. A parte espiritual. Não a espiritual que o acompanha, mas a espiritual iluminada das altas esferas. Das esferas do mestre Jesus. (Já ouviu falar dele?)
      Espíritos de Luz são espíritos lucidos sim mas são também evoluidos e nós, eu, você e o Gasparetto não somos lúcidos. Nem seremos em um espaço de tempo muito breve, então é bom que aprendamos sim achamar a Mamãe. Não as nossas Genitoras terrestres, mas aquela lá das altas esferas. Chamo sim. Mamãe, Papai, tudo, porque eu preciso. Você não?


      From: angel
      Sent: Tuesday, May 06, 2014 10:22 PM
      To: crrob2006@gmail.com
      Subject: [FILOSOFIA E TECNOLOGIA] Novo comentário em O LUIZ GASPARETTO PIROU..

      angel deixou um novo comentário sobre a sua postagem "O LUIZ GASPARETTO PIROU.":

      Nossa, meu caro, quanta insegurança... Dá até para imaginar sua cara polida ao falar dos "venerandos". Me poupe...Até as palavras que digita sao pesadas como seu Ego. Sente-se bem nesse personagem bobo que criou agarrado a Allan Kardec com unhas e dentes? Entao continue...Vai fundo... Nao tem coragem de sentir no amago do seu Ser o que vc é de fato? Ainda que isto contrarie qualquer livro? Entre vc e um fanático agarrado à Biblia nao há diferença alguma... Doutrinas entorpecentes, causam dependencia... o Gasparetto nao aponta a flecha pra ele, mas a desvia e faz ela voltar pra nos mesmos. Nos, o Centro de nossas vidas. Se vc tivesse coragem de se desgarrar, perceberia que o que o Gasparetto popularizou, muitos outros já trouxeram... Já ouviu uma das palestras em que o GAspa ensina: espiritos d luz sao espiritos lucidos. So isto. Apenas isto. Entao elucide-se. E pare de chamar a mamae!

      Excluir
  31. cara, você e muito burro! criticando o que você gostaria de ser. Vá fazer algo de útil ao invés de ficar falando da vida dos outros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Admiro muito o trabalho do Gasparetto. Apenas penso que está mau orientado. Desculpe é minha opinião. Quanto a ser médium, não quero e nem nunca quis pois não estou preparado.

      Excluir

Todos podem comentar e seus comentários receberão uma resposta e uma atenção personalizada. Seu comentário é muito bem vindo. Esse espaço é para participar. Te aguardamos e queremos seu comentário, mesmo desfavorável. Eles não receberão censura. Poderão apenas receber respostas, ou tréplicas.