JORNAIS QUE TEM INFORMAÇÃO REAL.

quarta-feira, 29 de maio de 2019

“O BEM VENCERÁ O MAL, A VERDADE VENCERÁ A MENTIRA”: a íntegra da troca de cartas entre o Papa e Lula

Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque eles serão fartos;

Mateus 5:6

Bem-aventurados os que sofrem perseguição por causa da justiça, porque deles é o reino dos céus;
Mateus 5:10


LULA está se transformando em um símbolo. Na verdade um ícone da luta do bem contra o mal. Tendo a seu favor um governo que combateu a desigualdade, que diminuiu a pobreza, que conquistou patamares mais elevados de dignidade para o país e para o povo, sendo exito em todos os parâmetros que se queira medir, tem nesse momento o reconhecimento internacional. Todos os países do mundo hoje conhecem muito bem o Lula como conheciam NELSON MANDELA. Sabem que a sua prisão é injusta, arbitrária, fruto de um complô que buscou subjugar a onda progressista que tomou conta do Brasil e trazer de volta o desemprego, a miséria, a violência, o arbítrio, a dominação pela força e tantas outras mazelas mais que já nos acostumamos durante os regimes militares e alguns outros liberais.

De entre os apoios que Lula mais poderia desejar, o apoio do Papa é decisivo para mostrar de que lado está o bem e a verdade àqueles que sendo católicos ainda se deixam hipnotizar pelo canto da serpente do mal.

O Papa Francisco enviou uma carta ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso político desde abril de 2018. No texto, o Pontífice manifesta solidariedade a Lula por suas recentes perdas, pede que o ex-presidente não desanime e siga confiando em Deus.


Francisco lembra ainda a morte e a ressurreição de Jesus Cristo e ressalta que, ao final, “o bem vencerá o mal, a verdade vencerá a mentira e a Salvação vencerá a condenação”.


Essa é a segunda vez que o Papa se comunica com o ex-presidente desde que Lula foi preso injustamente em Curitiba. Em 2018, o Pontífice enviou um rosário abençoado e uma mensagem de paz escrita na versão italiana do livro “A Verdade Vencerá”, de Lula.
No início de abril, o ex-presidente escreveu ao Pontífice e agradeceu o apoio de Francisco em pró da justiça e dos direitos dos mais pobres. Leia a íntegra das mensagens:

quinta-feira, 23 de maio de 2019

BOÇALNARO, O GOVERNO TORTO.



O governo "Boçalnaro" nasceu torto. Sua característica principal é atacar no plano ideológico petistas, esquerdistas e oposicionistas. Não tem um projeto positivo para o país. É assumidamente uma força destrutiva, não construtiva. Obcecado pela ideia de mudar padrões culturais, é indiferente ao que acontece na economia. Nesse campo reina Paulo Guedes. E a política de Paulo Guedes, a única em ação no Governo, é a do pau neoliberal que nasceu torto.


As iniciativas de Guedes são indiscutivelmente coerentes. Todas apontam para a mesma direção: reduzir ao mínimo o papel do Estado na economia para deixar o campo aberto ao mercado. Este é o sentido da reforma da Previdência. Ela se alinha com a política de privatização total ou fatiada das empresas estatais, inclusive de empresas estratégicas como Petrobrás e Eletrobrás. De fato, o regime de capitalização, que Guedes quer impor à sociedade, tem por principal objetivo liquidar o sistema previdenciário público e entregá-lo aos bancos.

Muitas pessoas de boa vontade alegam que é preciso dar tempo ao Governo Bolsonaro para ele poder apresentar resultados. Entretanto, é uma ilusão que isso venha a acontecer. O cerne de qualquer governo é a economia, pois a economia diz respeito ao emprego, à renda e às condições materiais de vida de toda a população. A política econômica cujo controle Bolsonaro entregou a Guedes está definida. Vai pelo caminho neoliberal. E o caminho neoliberal significa tirar do Estado qualquer possibilidade de fazer política econômica a favor do povo.



Portanto, é infundada a ideia de que é preciso dar tempo ao governo Bolsonaro para que apresente bons resultados. Aliás, na campanha, ele sequer prometeu bons resultados em economia. Simplesmente repassou a Guedes a tarefa de comandar a economia como super-ministro. E Guedes, por sua vez, prometeu exclusivamente privatizar o máximo de estatais e repassar o comando da economia ao próprio mercado. Nesse sentido, não há o que esperar do Governo em matéria de emprego, de crescimento do PIB, de aumento de renda.

Na realidade, as coisas vão piorar. Breve saem os indicadores do PIB no primeiro trimestre e já se sabe que haverá contração. O desemprego, em consequência, continuará subindo. E olha que viemos de 7% de contração ao longo do governo Temer. Não há milagre que faça com que as condições de vida no Brasil melhorem com a prática econômica de Guedes. Ele já lançou os dados, e a sorte está determinada: depressão econômica e desemprego crescente. Pau que nasce torto não tem jeito, morre torto.

A esperança vã de que, por um milagre, as coisas melhorem espontaneamente dificultam a articulação de uma reação. Mas várias categorias da sociedade já descobriram que é preciso agir. É o caso dos professores universitários, dos religiosos reunidos em torno do Conic, da CESE, da Cáritas; das Centrais Sindicais, e de centenas de instituições regionais que estão promovendo debates e seminários sobre o embuste da reforma previdenciária e do infame regime de capitalização que expulsa do país a Previdência pública, pretendido por Guedes.

Aos poucos, a sociedade perceberá que não há esperança de dias melhores, e sobretudo de menor desemprego e de uma Previdência decente, neste Governo. E quando essa convicção amadurecer, será a hora de liquidar de vez com o projeto previdenciário do financista Paulo Guedes, e avançar outros temas, como acabar com a política de preços do diesel da Petrobrás, que esmaga os caminhoneiros, e estancar a sangria da soberania nacional contida no programa de privatização que Guedes está acelerando, com medo justamente da reação social.

quarta-feira, 15 de maio de 2019

A MORTE NÃO EXISTE

Jesus nos dá a vida

Eu vim para que tenhais vida, e a tenham com abundância.

João 10:10


Morte. O que é a morte? 


VOU TE PROVAR QUE A MORTE NÃO EXISTE E VOU FAZE-LO PELA BÍBLIA.


E, quando isto que é corruptível se revestir da incorruptibilidade, e isto que é mortal se revestir da imortalidade, então cumprir-se-á a palavra que está escrita: Tragada foi a morte na vitória.
Onde está, ó morte, o teu aguilhão? Onde está, ó inferno, a tua vitória?

1 Coríntios 15:54,55

Palavras de Jesus:


As minhas ovelhas ouvem a minha voz, e eu conheço-as, e elas me seguem; E dou-lhes a vida eterna, e nunca hão de perecer, e ninguém as arrebatará da minha mão. Meu Pai, que mas deu, é maior do que todos; e ninguém pode arrebatá-las da mão de meu Pai.
Eu e o Pai somos um.

João 10:27-30

Como é possível perceber por essa passagem, Jesus afirma que suas ovelhas nunca hão de perecer.




Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em mim, ainda que esteja morto, viverá; E todo aquele que vive, e crê em mim, nunca morrerá. Crês tu isto?
João 11:25,26


Paralelamente também é evidente que existe um lugar para onde se vai depois da morte física. Um lugar de tranquilidade, um lugar de consolo, um lugar de paz, senão vejamos essas passagens.

E disse a Jesus: Senhor, lembra-te de mim, quando entrares no teu reino. E disse-lhe Jesus: Em verdade te digo que hoje estarás comigo no Paraíso.E era já quase a hora sexta, e houve trevas em toda a terra até à hora nona, escurecendo-se o sol;

Lucas 23:42-44


Em verdade que não convém gloriar-me; mas passarei às visões e revelações do Senhor. 
Conheço um homem em Cristo que há catorze anos (se no corpo, não sei, se fora do corpo, não sei; Deus o sabe) foi arrebatado ao terceiro céu.E sei que o tal homem (se no corpo, se fora do corpo, não sei; Deus o sabe) 
Foi arrebatado ao paraíso; e ouviu palavras inefáveis, que ao homem não é lícito falar. De alguém assim me gloriarei eu, mas de mim mesmo não me gloriarei, senão nas minhas fraquezas. 
Porque, se quiser gloriar-me, não serei néscio, porque direi a verdade; mas deixo isto, para que ninguém cuide de mim mais do que em mim vê ou de mim ouve.

2 Coríntios 12:1-6


Aqui Jesus promete o paraíso, o lugar de consolo para onde se vai, ao ladrão, conhecido com o "BOM LADRÃO" que estava na cruz ao lado de Jesus. Mesmo que alguns digam que existe aqui um jogo de palavras, temos que considerar que JESUS não proferia palavras que não tivessem significação. Quando afirma que é hoje, é porque seria naquele dia logo depois do desencarne. Isso também não significa que ele foi para o lugar onde Jesus permaneceria. O lugar que ele disse que para onde eu vou vós não podereis ir, mas um lugar que já era o paraíso, e onde Jesus permaneceu ainda algum tempo antes de ir para o pai.


O Paraíso é mensionado por Paulo quando afirma que conheceu um homem que foi ao Terceiro céu. Isso nos indica que existem três graus de lugares bons (PARAÍSOS) para onde se vai, mas todos são céus. Primeiro céu, segundo céu e terceiro céu. Paulo ainda fala da possibilidade do homem ter sido enviado para lá fora do corpo, ou seja em transe ou sonho, que é quando o espírito se desprende do corpo físico e vai para onde precisar ou quiser ir desde que lhe seja permitido.

A passagem sobre o Homem rico e Lázaro também é sugestiva. apreciemo-la.


Ora, havia um homem rico, e vestia-se de púrpura e de linho finíssimo, e vivia todos os dias regalada e esplendidamente.Também um certo mendigo, chamado Lázaro, que jazia cheio de chagas à porta daquele; 
E desejava alimentar-se com as migalhas que caíam da mesa do rico; e os próprios cães vinham lamber-lhe as chagas. 
E aconteceu que o mendigo morreu, e foi levado pelos anjos para o seio de Abraão; e morreu também o rico, e foi sepultado. 
E no inferno, ergueu os olhos, estando em tormentos, e viu ao longe Abraão, e Lázaro no seu seio. 
E, clamando, disse: Pai Abraão, tem misericórdia de mim, e manda a Lázaro, que molhe na água a ponta do seu dedo e me refresque a língua, porque estou atormentado nesta chama. 
Disse, porém, Abraão: Filho, lembra-te de que recebeste os teus bens em tua vida, e Lázaro somente males; e agora este é consolado e tu atormentado.
E, além disso, está posto um grande abismo entre nós e vós, de sorte que os que quisessem passar daqui para vós não poderiam, nem tampouco os de lá passar para cá.

Aqui fica evidente que existe além de um lugar de tranquilidade e paz como o SEIO DE ABRAÃO, e  há também um lugar de tormentos que aqui foi traduzido como "INFERNO", para onde vão aqueles que estão devendo às leis divinas. 

Interessante que há comunicação entre os dois planos. Eles conseguem ver um ao outro como se vissem por meio de um aparelho de TV, embora essa seja uma  comparação grosseira, mas só para ilustrar que é possivel comunicar-se, ver-se, mas são lugares distintos e não é possível passar de um lugar para o outro, mas tem-se a sensação que isso é possível para quem está lá.

Outra evidência é que lá nesse lugar de tormentos é possível sentir sede, calor e existe uma chama que atormenta. Portanto não é todo mundo que ao morrer irá para o paraíso, mas tão sómente aqueles que estiverem em vida. Esses nunca conhecerão a morte. 

Veja que estar em vida é possível aqui antes de morrer a morte física mas é muito mais verdade depois da morte física quando então se será transportado para um lugar que tem o nome de paraíso.

Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em mim, ainda que esteja morto, viverá;E todo aquele que vive, e crê em mim, nunca morrerá. Crês tu isto?

João 11:25,26

Aqui lemos as palavras de Jesus quando afirma que todo aquele que VIVE (Está em vida) e CRÊ (Crê nas palavras de Jesus, as pratica e procura segui-las.), ao cerrar os olhos para a morte física, os abrirá no mundo espiritual onde existe um paraíso. Portanto mesmo que esteja morto viverá e NUNCA, JAMAIS conhecerá a morte. Na verdade ao cerrar os olhos para a vida material os abrirá na vida espiritual onde é a VERDADEIRA VIDA.

É possível se estar morto mesmo estando vivo.

E disse a outro: Segue-me. Mas ele respondeu: Senhor, deixa que primeiro eu vá a enterrar meu pai. 
Mas Jesus lhe observou: Deixa aos mortos o enterrar os seus mortos; porém tu vai e anuncia o reino de Deus. 
Disse também outro: Senhor, eu te seguirei, mas deixa-me despedir primeiro dos que estão em minha casa. 
E Jesus lhe disse: Ninguém, que lança mão do arado e olha para trás, é apto para o reino de Deus.

Lucas 9:59-62

Aqui Jesus se refere a pessoas que estão vivas mas em verdade já estão mortos. Portanto a morte para Jesus não significava a morte física mas a morte espiritual.

Aqueles que estão no mundo espiritual estão vivos e não mortos, como afirma mais uma vez Jesus.


E, acerca da ressurreição dos mortos, não tendes lido o que Deus vos declarou, dizendo:Eu sou o Deus de Abraão, o Deus de Isaque, e o Deus de Jacó? Ora, Deus não é Deus dos mortos, mas dos vivos.E, as turbas, ouvindo isto, ficaram maravilhadas da sua doutrina.

Mateus 22:31-33


Quando Jesus proferiu essas palavras, Abraão Isaque e Jacó já tinham morrido a vários séculos, mas Jesus afirma que estavam vivos, pois Deus é Deus de Vivos. Ele veio para que tenhamos vida e vida em abundância.

Mas qual será o corpo que iremos ter depois da morte física?
Vejamos as palavras de Paulo.




E há corpos celestes e corpos terrestres, mas uma é a glória dos celestes e outra a dos terrestres. 
Uma é a glória do sol, e outra a glória da lua, e outra a glória das estrelas; porque uma estrela difere em glória de outra estrela. 
Assim também a ressurreição dentre os mortos. Semeia-se o corpo em corrupção; ressuscitará em incorrupção. 
Semeia-se em ignomínia, ressuscitará em glória. Semeia-se em fraqueza, ressuscitará com vigor.  
Semeia-se corpo natural, ressuscitará corpo espiritual. Se há corpo natural, há também corpo espiritual.

1 Coríntios 15:40-44

Portanto o corpo que teremos depois da morte física é o corpo espiritual. É um corpo incorruptível, com vigor, sem doenças, sem velhice, sem dores. É um corpo totalmente são, e é a cópia do corpo que tinhamos em vida terrena.

E, assim como trouxemos a imagem do terreno, assim traremos também a imagem do celestial.

1 Coríntios 15:49



Enganam-se aqueles que dizem que iremos para o mundo espiritual em carne e osso, já que isso é impossível. Sómente com o corpo espiritual, incorruptível iremos para o mundo espiritual e principalmente para a vida, a verdadeira vida, a vida eterna.


E agora digo isto, irmãos: que a carne e o sangue não podem herdar o reino de Deus, nem a corrupção herdar a incorrupção.

1 Coríntios 15:50


Como é perceptível, Deus, e o Espírito Santo utilizam-se do sonho para passar instruções, portanto é importante todas as noites ao deitar, fazer uma prece, e já que V.S. sabe que o sonho é um retorno do espírito ao mundo espiritual, faça todas as noites ao deitar, uma prece sentida, pedindo a Deus que lhe guie no mundo espiritual, para visitar locais de instrução e de luz onde serás confortado e instruído. Ao levantar experimentarás uma inexplicável sensação de bem estar e de força, pois terás sido abençoado durante a noite.


Por isso é importante não dormir vendo televisão ou ouvindo rádio. Isso irá desviar seu pensamento da vibração sadia que o conduzirá ao paraíso espiritual, colocando-o sob a influência dos leões que rondam ao seu redor buscando traga-lo.


Sede sóbrios; vigiai; porque o diabo, vosso adversário, anda em derredor, bramando como leão, buscando a quem possa tragar; 1 Pedro 5:8




As promessas de vida após a morte se aplicam sómente aqueles que estão em vida. Não são aplicaveis aqueles que devem às leis universais que são as leis de Deus. 

Por essa razão alertamos que tirar a própria vida é um dos maiores crimes perante as leis universais, porque recebemos a vida para cumprir com um objetivo e quando renunciamos a esse objetivo optando por tirar a própria vida, mergulhamos em um abismo escuro de consequências que podem levar muitos séculos para serem revertidas.

Aqueles que desencarnam pelo suicídio, normalmente ficam presos aos restos mortais, sentem as dores e as angústias da decomposição dos seus corpos, até que chegue o dia em que programadamente deveriam desencarnar.

Além disso terão que retornar e passarão pelas mesmas situações que os levaram a querer o suicídio, para que resistam e tomem a decisão certa que deveriam ter tomado.

Todas as pessoas que chegaram ao ponto de querer se suicidar e tiveram a coragem de não faze-lo, louvam sua decisão hoje e ficam felizes de não te-lo feito, porque conseguem superar a dor e dar a volta por cima.

Aqueles que optam pelo sucidio sob o argumento de que querem reencontrar seus entes queridos que partiram para o mundo espiritual, não os reencontrarão porque esses estão em patamares vibracionais diferentes, e o suicida fica sempre em um patamar vibracional inferior de muito sofrimento. Na verdade fazendo essa opção ele retarda esse reencontro que se daria certamente após a sua passagem, e pode se dar por comunicação em sonho ou em manifestações espirituais na vida corrente.

Na verdade nossos entes queridos que partiram sentem nossas angustias e querem nos ajudar, mas essa permissão só é dada quando se recuperam do trauma da desencarnação o que só acontece depois de tratamento no mundo espiritual. Quando tem evolução suficiente podem auxiliar seus entes queridos como espíritos familiares, dando aconselhamento e auxílio, cooperando com nossos guias espirituais. Esse contato no entanto pode ficar suspenso pelo ato do suicidio e certamente retardará esse contato e esse encontro.

Paralelamente também ninguém deve se sentir culpado pelo desencarne de ninguém, porque todos partem para o mundo espiritual quando chega a sua hora. Se a hora não chegou ou se há ainda um resto de missão na terra, Deus não permite a partida para o mundo espiritual, mas essa partida é sempre muito melhor para quem parte, porque o mundo espiritual é muito melhor e mais prazeiroso do que o mundo material e os que o habitam não querem vir para cá quando estão em vida. A vida prometida por Jesus.



quarta-feira, 1 de maio de 2019

HOMENAGEM DE BETH CARVALHO A LULA. UM DOS SEUS ÚLTIMOS ATOS





"Para mim, só Lula lá", disse a madrinha do samba Beth Carvalho, que gravou uma canção que pede liberdade para o ex-presidente Lula; de autoria de Claudinho Guimarães, o samba foi cantado por Beth durante o Festival Lula Livre, no ano passado na Lapa, no Rio de Janeiro.


"Faço parte do bloco fora, Temer. Para mim, só Lula lá", disse a cantora Beth Carvalho durante o Festival Lula Livre, ato em defesa da democracia e em apoio ao ex-presidente Lula no ano passado. A madrinha do samba, como era conhecida, faleceu nesta terça-feira (30), ao 72 anos.

Durante o ato realizado na Lapa, Beth cantou a canção "Lula Livre", composta por Claudinho Lima em defesa da libertação de Lula. A letra, em tom de chamamento, associa a retomada da história de um país à libertação urgente de seu maior e mais aclamado presidente.

Uma das maiores atyistas populares do país, Beth Carvalho também era militante política e partidária. Era vice-presidente do honra do PDT, partido que era filiada desde a fundação.

Ela também se posicionou contra o golpe de 2016. Na levada do samba, cantou a resistência contra os golpistas.

Assista grandes sucessos, interpretados por Beth Carvalho. #Lula Livre