http://filotec.com.br

http://filosofiaetecnologia.blog.br
ECONOMIA TECNOLOGIA FILOSOFIA SAUDE POLÍTICA GENERALIDADES CIÊNCIA AUTOHEMOTERAPIA NOSSOS VÍDEOS FACEBOOK NOSSAS PÁGINAS

sexta-feira, 4 de junho de 2010

OS PROCESSADORES QUE HOJE USAMOS SERÃO PEÇAS DE MUSEU DAQUI A DOIS ANOS.

Lembro-me quando fiz uma matéria aqui no BLOG sobre a mudança da filosofia de processadores de mais de um núcleo.

Os primeiros processadores com mais de um núcleo da INTEL foram os CORE DUO, que depois evoluiram para os CORE 2 DUO. Há diferença entre eles. A diferença básica é que o CORE DUO tem apenas uma memória cache L2 compartilhada entre os dois processadores ou núcleos e quando um núcleo acessa essa memória o outro espera o primeiro terminar para depois poder acessar. No CORE 2 DUO, os dois núcleos acessam ao mesmo tempo.

Como dois núcleos era pouco evoluiu-se para os QUAD CORE com quatro núcleos. O processador Q6600 e o Q6700 da geração QUAD CORE,  aumentaram em muito o poder de processamento, mas foram rapidamente ultrapassados pelos atuais QUAD i7, que mudaram a arquitetura e incorporaram o gerenciamento do barramento de memória que antes era feito pela placa mãe. Como resultado temos um processador de quatro núcleos em que cada núcleo simula mais um, ficando-se no total com oito núcleos.
E cada vez mais os processadores vão incorporando funções que antes eram das placas mãe.

É de se imaginar que daqui a pouco seja lançado o processador com 10 núcleos, 16 núcleos, e assim vai em um aumentar de núcleos infinito. Mas a Intel, a maior empresa fabricante de processadores, resolveu dar um passo mais ousado.
PROCESSADOR INTEL COM 50 NÚCLEOS TOTALMENTE INTEGRADOS.


As novidades anunciadas pela Intel nas últimas semanas mostram todo o interesse da empresa em manter e ampliar seus mercados. Quase a totalidade dos netbooks hoje faz uso dos modelos mais conhecidos do processador Intel Atom, incomparável em tamanho e eficiência energética.

Com todo o nome que criou nos últimos anos, a família Atom receberá novos modelos em breve, ainda menores, provavelmente de 32 nanômetros (os atuais medem 45 nanômetros), mais poderosos e com baixo consumo de energia. A ideia é manter a liderança em netbooks e expandir sua utilização também para outros portáteis, como tablets e smartphones, o que deve ocorrer no início do próximo ano.

O Monstro de 22 nanômetros

A maior novidade ficou para o “Knights Corner”, o novo projeto de processamento para computadores de alto desempenho da Intel. Baseado na tecnologia Many Integrated Core (Muitos Núcleos Integrados), a Intel criará uma plataforma capaz de realizar trilhões de cálculos por segundo e ainda contar com as funções de processamento padrão já conhecidas.

O alvo do projeto são segmentos como exploração, pesquisa, desenvolvimento científico, simulações financeiras, climáticas e diversas outras situações semelhantes. Tudo isso será possível em um único chip de 22 nanômetros e até 50 núcleos totalmente integrados.

Os primeiros kits de desenvolvimento para a nova plataforma, chamados de “Knights Ferry”, já passaram a ser enviados para desenvolvedores específicos, que começarão os testes já no segundo semestre deste ano. A ideia da Intel é expandir o suporte com uma extensa quantidade de ferramentas otimizadas para a arquitetura MIC.

Segundo as palavras de Kirk Skaugen, um dos maiores responsáveis pela inovação: “Os processadores Intel Xeon e agora os novos produtos dentro da arquitetura MIC acelerarão a solução para alguns dos problemas mais desafiadores da humanidade”.

E para nós?

Como anunciado há algum tempo, para usuários comuns a empresa inseriu neste ano chips com a parte gráfica integrada ao processamento central, além dos novos processadores de seis núcleos reais e as novidades para portáteis .


Agora, a idéia de unir nos processadores CPU com instruções de processamento gráfico GPU será excelente e uma novidade interessante e empolgante devido aos sistemas operacionais, como Windows Vista e Linux com o Berry/Compiz começarem a exigir mais processamento gráficos em suas interfaces.
Processadores mistos CPU+GPU
Não só isso, todos sabemos que um bom processador gráfico melhora e muito a velocidade do computador, principalmente entre trocas de janelas, codificação de arquivos de imagens, ao visualizar filmes, games, etc.
Por isso a Intel e a AMD estarão lançando pelo segundo semestre de 2009, processadores com processamento de GPU integrado.
Com os processadores com cada vez mais núcleos, por que não usar uma parcela destes núcleos para processamentos GPU (gráficos)?


Leia mais aqui: Processadores mistos – AMD fusion e Intel Larrabee – CPU+GPU GPGPU 

4 comentários:

  1. A cada dia uma novidade na tecnologia. Ai se pararmos para pensar? Onde tudo isso vai nos levar? Eu aqui penso penso e não saio com nenhuma idéia. Sei que com um processador bom um boa memória e um SO configurado , pode ser um bom PC.
    Ai penso eu , um pc "POTENTE " para fazer o que? Ai vem o consumismo e outras coias.
    Realmente a tecnologia vai nos surpreender a cada dia, mas isso vai nos ajudar em alguma coisa?
    Obrigado Amigo pela sua postagem muito interessante eu não tinha analisado sobre o fato correspondente a seu assunto.
    Fique com Deus.

    ResponderExcluir
  2. Prezado Amigo. Uma reflexão sobre a questão: Onde iremos chegar? Remete-me para outra questão que é a seguinte: Com o avanço da tecnologia, os postos de trabalho de ontem e hoje correm o risco de desaparecer, e isso situará a humanidade diante de um interessante paradigma. Como prover trabalho para todos? A solução a meu ver seria ir diminuindo a carga horária, pois entendo que o avanço tecnológico é concedido por Deus para que o homem possa viver melhor. Entretanto o capitalismo não quer isso. Quer apenas levar vantagem. Os capitalistas não entendem que se todos não ficarem felizes, eles também não ficarão, pois a turba sem trabalho e faminta, certamente produzirá outra Revolução Francesa. É o ciclo sem fim que termina e volta a reiniciar para ensinar ao homem que não deve ser egoista, mas cobra um preço muito alto e tão mais alto quanto mais evoluido é o homem. Com certeza a cúpula do Capitalismo já pensou em uma solução para isso, pois com o aumento contínuo da população, daqui a pouco estaremos beirando os 10 bilhões de seres. Qual no seu entender, foi a solução adotada por esa cúpula? Qual a solução óbvia? Deixo para reflexão.

    ResponderExcluir
  3. Senhores fui agraciado por conhecer este espaço, não teceria nenhuma critica quanto as idéias aqui postadas, vejo que todos tem um ponto de vista bastante intereçante em relação onde toda esta evolução vai nos levar, vemos também que a evolução é algo constante e permanente em nossas vidas, portanto dela não escaparemos, as preocupações são muitas, porem sabemos que nos mantermos atualizados e bem informados é a melhor maneira de mantermos nosso "posto" social, evgoluir é preciso e espero que não pare por ai, alias AI ou IA, esta mais presente a cada dia, e vamos mais adiante, os intereces são grandes, porem não vejo nenhum absurdo no quanto a evolução das tecnologias esta chegando a nossas margens, porem temos sim um grande espaço para trabalhar e explorar neste universo que ainda se mostra confuso por intereçes de outros, sejamos esclarecidos, dinâmicos em nossas escolhas e em nossa trajetória. Deixo meus sinceros cumprimentos a estes que elaboram de maneira tão criativa este assunto, e não tenhamos medo, afinal de contas este é o caminho que escolhemos.
    Em um ultimo pedido gostaria de convidar a todos a visitar meu blog:www.silvioalexmachado.blogspot.com

    ResponderExcluir

Todos podem comentar e seus comentários receberão uma resposta e uma atenção personalizada. Seu comentário é muito bem vindo. Esse espaço é para participar. Te aguardamos e queremos seu comentário, mesmo desfavorável. Eles não receberão censura. Poderão apenas receber respostas, ou tréplicas.

SOMOS TODOS CHAPECOENSES