http://filotec.com.br

http://filosofiaetecnologia.blog.br
ECONOMIA TECNOLOGIA FILOSOFIA SAUDE POLÍTICA GENERALIDADES CIÊNCIA AUTOHEMOTERAPIA NOSSOS VÍDEOS FACEBOOK NOSSAS PÁGINAS

QUEREM ACABAR COM A APOSENTADORIA

domingo, 30 de janeiro de 2011

NÃO INTERESSA QUE O BRASIL SEJA UMA SUPER POTENCIA

Ha muito tempo que é uma preocupação dos Estados Unidos evitar que o Brasil se transforme em uma potência mundial. Isso ficou muito claro nas palavras do ex secretario de estado Norte Americano Henry Kissinger do governo Gerald Ford.

Em 1789 diante da Academis Real de Lisboa, José Bonifacio, Patriarca da Independência, profetizou: "O Brasil será foco de nova civilização". É muito normal que isso incomode potências que carregam aspirações de dominio do resto do mundo. Não é a toa que ao bradir o velho porrete e conter a ascenssão das massas latino americanas quatro décadas atrás, o Big Brother do norte tenha começado pelo Brasil - O resto dos principais candidatos a potência caiu como que por efeito dominó: Chile, Argentina, Uruguai... A tese dos gringos que ainda vale: Para onde pender o Brasil penderá a América Latina. Enquanto o pau corria no nosso lombo, o secretario de Estado Henry Kissinger dizia: "NÃO PERMITIREMOS UM NOVO JAPÃO AO SUL DO EQUADOR." Tradução: Não permitiremos que o Brasil se transforme em potência mundial.

"Não permitiremos um novo Japão ao sul do equador"
Links


A frase é de Henry Kissinger, Secretário de Estado estadunidense ininterruptamente de 1953 a 1977, quando articulou e derrubou as principais democracias latino-americanas.

No período pós II Guerra, o mundo foi dividido entre as potências vencedoras. Os EUA ficou com sua área de influência sobre as Américas, a Europa com a África, a então URSS com uma área que compreendia o leste europeu passando por parte do médio oriente até o índico.

Com essa divisão do mundo, essas potências pactuaram não intervir nas respectivas áreas de influência das outras. Observe que após a II Guerra a URSS não fomentou nenhum levante comunista nas américas. A revolução cubana foi um movimento interno, sem qualquer auxílio externo. Bem como a instauração dos Estados comunistas de Mozambique e Angola, em que não houve intervenção soviética em suas respectivas formações. Assim como os EUA não interviram no Afeganistão por estar sobre a área de influência soviética.

De modo que a alegada “ameaça comunista” quando do Golpe de 64 é uma falácia. Ainda sobre Cuba, o Presidente estadunidense John Kennedy assumiu publicamente terem sido eles que empurraram Cuba para a URSS, quando a revolução cubana ainda não era comunista, uma crítica a condução da política externa conduzida por Kissinger. A intransigência ianque levou a radicalização do movimento dos cubanos. A “crise dos mísseis” foi algo tão sério, justamente porque quebrava esse pacto de não intervenção nas áreas de influência dos outros. E o caso se resolveu pelo reestabelecimento do status quo anterior.

A política externa de John Kennedy primava pelo princípio da não intervenção. Essa postura contrariava a orientação traçada por Kissinger, que já tinha nas suas costas derrubado Vargas e Perón. John Kennedy inclusive aproximou-se de João Goulart. Kennedy tornou-se uma pedra no sapato na política externa estadunidense contrariando o cartel armamentista com as promessas de por fim a guerra do Vietnam e frustrando os planos de conquistar o Brasil via um governo marionete subalterno aos interesses ianques.
 
 
Controlar toda a mídia. JORNAIS - RADIOS - TELEVISÃO.
 
Aqui no Brasil ficou notório o controle da televisão principalmente com o mais popular meio de comunicação, já que a Rede Globo pertence ao grupo TIME-LIFE. O objetivo desse controle é também controlar as mentes por meio de uma massiva lavagem cerebral que é feita pelos programas, pela propaganda e pelos noticiarios. Está comprovado que não existe democracia verdadeira se não há liberdade de imprensa, pois uma imprensa controlada, dissemina as idéias que quiser e com propaganda insere os valores que desejar na massa que normalmente se deixa dominar principalmente se tem pouca instrução.
 
A REDE Globo foi e é a unica emissora que é vista de norte a sul do país, mesmo nos lugares mais remotos como campo e floresta. É uma emissora altamente tendenciosa, a favor dos ideais do NEOLIBERALISMO, que é os interesses capitalistas na mais pura essência.

O escândalo Globo/Time Life não é meramente um caso de um sócio brasileiro (Roberto Marinho) que aceita como sócio uma empresa estrangeira (Grupo Time-Life), contra todas as leis do país. O escândalo Globo/Time-Life é mais do que isso. É muito mais do que uma burla às leis brasileiras e as falcatruas todas que se seguiram à esta associação. É antes de mais nada um suporte de mídia nojento que visava apoiar, dar base, sustentação e consolidar a ditadura no Brasil, apoiada e supervisionada pela CIA, por exigência dos Estados Unidos, comandado por terroristas da CIA, como Vernon Walters e Joe Walach, sendo este último com emprego fixo na Globo, como "representante" do grupo Time-Life.

E esta associação Globo-Ditadura foi o principal motivo e razão da longevidade de uma ditadura de 20 anos e da grande prosperidade e sobrevivência da própria Rede Globo que, em reciprocidade ao apoio à ditadura, recebia anúncios e mais anúncios dos governos militares como forma de pagamento. Eram anúncios (na maioria das vezes em horário nobre) para todos os gostos: Aliste-se no Exército, Marinha e Aeronáutica, Seja Sócio da Bibliex-Biblioteca do Exército, e campanhas de todos os tipos: Brasil - Ame-o ou Deixe-o, vacinação disso, vacinação daquilo, Zé Gotinha, Sujismundo, Dia do Soldado, Semana da Asa, etc, etc, etc. E às custas da ditadura militar a Globo enriqueceu e tornou-se um fabuloso império nascido na lama e da lama.

E as benesses não paravam por aí em pagamento "cash" sob a forma de anúncios, vieram os mais de 500 mil metros quadrados do Parque Lage, ganhos de forma indecente. Os 280 mil metros quadrados no Sítio da Pedra Bonita, no Alto da Boa Vista, financiado pelo Banco do Brasil ao inimaginável juros de 1% (um por cento). E mais um monte de "doações" e "doações" como estas.

O escândalo Globo/Time-Life além de ser um escândalo moral e financeiro fabuloso é também um amontoado de falcatruas inimagináveis e inalcansáveis ao cidadão mortal comum, que vai desde a integralização fictícia de capital com bens que não eram dele (Roberto Marinho), passando pela alienação de bens gravados e inalienáveis, e pela importação de equipamentos pesados para montar sua indústria de comunicação com câmbio favorecido de quatro anos antes da importação (assim qualquer um fica rico) até o arrendamento de bens dele para ele mesmo para poder remeter recursos para o exterior, ao grupo Time-Life.

Foram tantos, tantos, tantos os abusos e falcatruas que não restou outra alternativa para fugir ao flagrante que não fosse mandar arrancar as folhas 42 e seguintes do livro 1478 do II Cartório de Ofício de Notas, conforme brilhantemente descoberto e reportado por Daniel Herz em seu livro "A História Secreta da Rede Globo".

Portanto, muito cuidado ao abordar e sintetizar o assunto Time-Life, pois dizer que a Globo esteve associada aos militares que deram o golpe de 64 e que o escândalo Globo/Time-Life foi só uma associaçãozinha ilegal e que tudo isso pertence ao passado é minimizar o problema e fazer o jogo de interesse da própria Rede Globo e isso, de alguma forma, ajuda a manter o Império Globo de Crimes.

A DESTRUIÇÃO DE UMA NAÇÃO COMEÇA COM A DESTRUIÇÃO DA FAMÍLIA.



Controlar uma nação significa ENSINO DE BAIXA QUALIDADE, o que os serviçais fardados souberam fazer muito bem, transformando o ensino Público Brasileiro em uma sucata do que foi o ensino na década de 50. Também acabaram com a saúde pública, obrigando a classe média a gastar dinheiro com ESCOLAS de melhor nível e com Planos de saúde. Tudo para atender a filosofia NEO LIBERAL que estabelece que o Estado não deve gastar com o povo para não sobrecarregar as empresas. Quando se fala de empresas, não significa as empresas brasileiras, mas as multinacionais que desejam mão de obra barata e abundante com o menor custo possível.
 
O grande salto que os tigres Asiáticos deram foi devido a um maciço investimento em ensino de boa qualidade, o que capacitou-os a despontarem entre as nações economicamente maiores do mundo. O mesmo fenômeno ocorreu no Japão e na Alemanha, ambos destruidos depois da segunda grande guerra, mas com um elevado potencial de educação do povo.
 
Também é possível destruir uma nação destruindo-lhe a célula máter da sociedade. A família.
 
Para isso a rede globo promove BACANAIS ao vivo como os do BIG BROTHER BRASIL, onde comportamentos antes tidos como imorais adquirem status de normais. Como a penetração da Televisão é grande na sociedade, tais comportamentos imorais, passam a serem vistos pela população como NORMAIS.
 


O mais famoso DRAG Queen do Brasil

Sexo, sexo,sexo!
Vemos Sexo em toda parte!

Se olharmos para os lados, se pra cima se pra baixo, sexo quando ligamos a TV! Quando abrimos revistas, não escapam nem os jornais!

Na epoca de meus pais,quando os meninos queriam ver mulher nua, tinham que esconder as revistas para os pais não encontrarem. Hoje em dia meninos, meninas, pais e filhos assistem a tudo isso, juntos em todos os lugares! Mesmo que não queiram! o Big Brother Brasil é um exemplo

É o mundo super erotizado em que vivemos!

Revistas escrevem dicas, falam sobre falhar na hora H, sobre mulheres que conseguem fazer sexo sem amor e sem compromisso.

Sobre como usar os amigos para satisfazer seus desejos quando não querem se comprometer. O Big Brother mostra mulheres e homens que parecem sempre estarem dispostos sexualmente. Programas de TV proliferam ao redor, em baixo e em cima de camas!

Aí quando as luzes se apagam e você olha pra você mesmo, para a realidade da vida, dá a impressão que você é o único que não está vivendo no frenesi do sexo 24 Horas! Muitos perguntam: Que há de errado comigo? Outros, pra piorar ainda mais a questão perguntam: Que há de errado com a minha esposa? Com o meu marido?
Quem está errado?

O que acontece na mídia não é o real. A pessoa que está sempre disposta ao Sexo na mídia, ela está disposta porque ela está gravando, representando. Então com certeza ela tem que estar disposta porque aquele é o papel dela. E é muito ruim se nós formos basear o nosso relacionamento familiar no que está sendo divulgado pela midia.


OUTRO NOTORIO HOMOSSEXUAL

Primeiramente, gostaria de dizer que não tenho nada contra a ideia do programa. O que eu tenho contra é a forma como subestimam a capacidade de pensar dos brasileiros.

Agora eu me pergunto: por que o programa teve essa alta aceitabilidade? Será pelas brigas, será pelos romances protagonizados, será pela curiosidade de assistir a reação de pessoas desconhecidas em uma mesma casa, sendo que ela é vigiada o tempo todo?

Mas a questão é: será que os brasileiros já pararam para pensar o quanto tudo é manipulado? A Globo edita e faz os cortes conforme o interesse dela. Vocês já pararam para pensar nisso?

Já pararam pra pensar também que somos nós que pagamos os prêmios e alimentamos tal programa?


Ariadna, TRANSEXUAL, que de homem
transformou-se em pretensa mulher.
Estrela do BBB 11.

O que quero com esse post é apenas mostrar que não podemos ser espectadores passivos, que devemos questionar se realmente aquilo é real, de onde é levantada a verba para os finalistas, se aquela realmente é toda a conversa ou se foi editada conforme interesse do canal.

Escrevo isso por ter esperança de que programas mais educativos e culturais substituam não só esse, mas todos os programas que nada nos agregam.

Como é que o horror do "Big Brother" se tornou um programa televisivo de entretenimento, a ponto de se achar que ele pode ser “educativo”? Trata-se de uma ironia perversa. No Brasil essa ironia se amplia, porque o apresentador oficial do programa é um jornalista bem apessoado, culto, poeta nas horas vagas, conhecido por comandar entrevistas de arte e literatura. A simples existência do programa é um sintoma claro de que o nazismo não foi completamente derrotado e de que a previsão apocalíptica de Orwell vem se realizando ao menos em parte, e em parte importante: na televisão que invade todos os lares.

O programa é ainda mais poderoso do que os campos nazistas porque para eles as pessoas eram arrastadas à força, enquanto para o programa elas se oferecem aos milhares. Chamar o programa de “reality show” é mais uma ironia, porque a “realidade” que se oferece aos espectadores é toda construída artificialmente, quando se confinam pessoas desesperadas por fama e dinheiro para que delas aflore o que o ser humano tem de pior. Os participantes tornam-se cobaias de laboratório na mão ou no “olho” não apenas do apresentador como dos espectadores. Isso significa que o programa não afeta somente os participantes, tornando-os patéticos e deprimentes, mas principalmente os espectadores, tornando-nos torturadores virtuais.

Recorro às palavras revoltadas e iluminadas do jornalista Marcelo Migliaccio, do “Jornal do Brasil”: “alegrem-se, retardados mentais, sádicos, masoquistas e cínicos, o tratador acaba de abrir a porta da jaula para lhes dar sua ração anual de lixo perfumado. Vai começar o retrato mais nítido do apocalipse, o Big Brother Brasil.


 

 
Erotismo, imoralidade e alienação é assim que pode se resumir o conteúdo do BBB que passou a exibir a sua 11º edição. Mais o menu da programação é extenso com fofocas, barracos, vulgaridade e mediocridade tudo isso se complementa com uma boa dose de apelo sexual hetero ou homo não importa, esta é síntese de um dos Realitys Shows mais podres da televisão brasileira. Se não bastasse isso a cada ano que passa o BBB tenta empurrar "goela a baixo" a mensagem do homossexualismo, a cada nova edição o número de participantes GLBT aumenta, triste para boa parte dos telespectadores masculinos que assistem ao programinha só para terem uma prévia de quem serão as novas capas das revistas Sexy e PlayBoy por isso não se espante se daqui alguns anos o nome do programa seja Big Biba Brasil.(risos)


A televisão brasileiro dita o ritmo de uma sociedade que cada vez mais caminha a passos largos para o abismo da imoralidade e a decadência ideológica é tão grande que já há quem diga que o programa é cultura, francamente dizer que o Big Brother Brasil é programa cultural chega a ser um atentado a nossa frágil inteligência.
 
Mas agora falemos sério. Fico estupefacto quando no BBB11 os homens começam a desfilar os mais  vulgares palavrões na frente das mulheres. Palavrões que são pesados até em roda de homens, e todas encaram dentro da maior naturalidade. Fico estupefacto quando vejo um "BROTHER" do sexo masculino agarrar a todas indiscriminadamente e desfrutar das mesmas e todas acharem aquilo NATURAL. Fico estupefacto quando vejo a namorada de um dos Brothers da casa deitar-se com apenas um roupão e aninhar-se nos braços de outro homem na cama por baixo das cobertas, e ser surpreendida pelo pretenso (Com desculpa da má palavra) CORNO, e o mesmo achar aquilo muito natural. Fico estupefacto quando um brother diz que vai bagunçar com todas as mulheres e fica passando a mão, encostando de forma libidinosa em todas elas e todas acham aquilo muito natural. Quando o referido como mostram as fotos, pega uma delas e desfruta, mostrando sua genitalia assintosamente apenas de sunga, e todos aplaudem. Que maravilhoso espetaculo!
Mas não é só o BBB11 com seu séquito de Homossexuais exdruxulos, transformistas, Dragqueens, e outros espécimes mais da fauna do submundo da miséria humana que me assusta. Me assusta quando uma novela, PASSIONE nos mostra Mulheres que traem de forma muito natural, e são endeusadas, Homens que fazem do ato de trair uma coisa muito normal, senhoras que no fim de suas vidas ainda conseguem ser infieis com mais de um parceiro de forma NATURAL. Drogados, Bandidos, Infieis, depravados quase todos desfilando seus pecados como se a sociedade Brsileira fosse aquilo que ali é mostrado. Obvio que hoje muita gente já está achando que tudo isso é muito natural. A falência da célula mater da sociedade. A família. Uma SODOMA e GOMORRA.


























10 comentários:

  1. É deprimente o esfacelamento galopante da sociedade brasileira. A dignidade, o respeito e o bom senso são raridade atualmente. Libertinagem não é liberdade de expressão como a mídia global esta a divulgar. Somos quadrados, cafonas, beatos, velhos, demodée...enfim, qualquer palavra que nos defina como ultrapassados, simplesmente por que não compactuamos com esta lavagem(imundicie) cerebral. Detalhe: não sou religiosa, sou consciente.

    ResponderExcluir
  2. Muito boa sua participação, com a qual concordo integralmente. Que as pessoas de bom senso desse país possam falar e se manifestar.
    Que os vulgares sejam colocados no seu lugar comum. A lata do lixo.

    ResponderExcluir
  3. Caro, muito bom este post. De fato a família tem sido alvejada de todos os lados. Precisamos alertar as pessoas de bem. Parabéns pelo Post.

    ResponderExcluir
  4. os momentos com a família ficam para tras quando se trata de pornografia e bandalheira e isso a globo tem de sobra. infelizmente se assistimos damos crédito a baixaria, pornografia e conteúdos futeis.

    ResponderExcluir
  5. Eu não acho bobeira o BBB, alias adoruuuuuuuuuu
    Todos deveriam assistir
    E sacanagem tem em todo lugar,somos feito de carne e precisamos satisfazer nosso corpo.
    Inclusive eu só passei a assistir o BBB pq um professor meu de sociologia, da minha faculdade pediu pros alunos assistirem...bom BBB pra todos!!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assista:
      .
      http://www.youtube.com/watch?v=KOipV8l7CPY
      .
      e pare de ir para as aulas deste tal professor de sociologia

      Excluir
  6. .
    É o decálogo de Lênin sendo colocado em prática
    .
    .
    .
    04 de junho de 2013 | 9h 02
    .
    Agência Estado
    .
    O Ministério da Saúde lançou uma campanha nas redes sociais para reduzir o estigma em torno da prostituição que deve causar discussão. Uma das peças diz: "Eu sou feliz sendo prostituta" e tem profissionais do sexo como protagonistas. A iniciativa surge após uma série de outras polêmicas envolvendo campanhas de saúde na gestão Dilma Rousseff.

    .

    ResponderExcluir
  7. Prostituição! Não acredito que alquém que faz prostituição, seja feliz. Não acredito que alguém que faz sexo para ganhar dinheiro, (Não por prazer e muito menos por amor) seja feliz. É na verdade um escravo. É alguém que vende sua liberdade, que vende a sua intimidade, que se agride. Agride a sua consciência, agride a sua parte psicológica, agride o seu físico, se degrada. Acredito que por trás do discurso de normalidade, no canto role algumas lágrimas. A que ponto se terá chegado? É isso que se pretende incentivar? Querem transformar a sociedade Brasileira em uma Roma de Calígula? Quanto desserviço! Quanta destruição! Quantas lágrimas amargas! Certamente os Animais estão adorando, mas os Homens, esses jamais.

    ResponderExcluir
  8. Se o Nazismo estivesse no poder no Brasil, estes judeus e maçons da tv e bancos não estariam fazendo esta festa. Portanto, chamar BBB de nazismo é mentira deslavada. Isso é comunismo, maçonaria e talmudismo. Nada tendo de nazismo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado amigo
      Vivemos hoje um drama. A divisão entre os pacíficos e os radicais. Aqueles que querem resolver as coisas na base da violência como foi o caso do Nazismo. No momento o número de pacíficos que eu passo a partir daqui a chamar de "MANSOS" é em maior número e por isso o Nazi-Fascismo não tem vez, mas existem momentos na história em que ele pode ressurgir, é quando existe uma grande comoção popular por algum crime ou fato inusitado que leve as pessoas pacíficas a radicalizar. Mas no final da história os MANSOS irão sempre prevalecer pelo seguinte fato. O planeta terra tem uma supervisão espiritual a frente da qual está o espírito mais evoluido que já esteve entre nós, e ele chama-se Jesus. Em uma dos seus pronunciamentos ele declarou peremptóriamente: "OS MANSOS HERDARÃO A TERRA". Portanto qualquer tentativa radical de tomar de assalto a terra, por mais que dure sempre resultará no final da história em fracasso devido a intervenção invisível do mestre Jesus que é o governador espiritual do planeta Terra.

      Excluir

Todos podem comentar e seus comentários receberão uma resposta e uma atenção personalizada. Seu comentário é muito bem vindo. Esse espaço é para participar. Te aguardamos e queremos seu comentário, mesmo desfavorável. Eles não receberão censura. Poderão apenas receber respostas, ou tréplicas.

SOMOS TODOS CHAPECOENSES